24.12.15

ESCÂNDALO NOS MEANDROS DA JUSTIÇA. JUIZ FASCISTA VAI SENTAR NO BANCO DOS RÉUS

REDAÇÃO -

Juiz Flávio Itabaiana, aquele que persegue os ativistas da Copa do Mundo, é acusado de ofensa e ameaça por sua ex-esposa.


Nota redigida pelo Comitê em Defesa dos Presos e Perseguidos Políticos do Rio de Janeiro:

O jornal “O Dia” publicou, recentemente, notícia de que a ex-mulher do fascista juiz Flávio Itabaiana, Ieda Aguiar, prestou contra ele queixa por ofendê-la e ameaça-la, registrada na 35ª DP. Quem conheça, minimamente, como esse carcereiro de toga atua não poderá se surpreender com essa informação. O processo dos 23, que teve (e tem) como peça-chave da acusação, e como única “prova” contra os ativistas o depoimento de um agressor de mulheres, Felipe Brás, será decidido por outro agressor.

Que uma figura obscura e truculenta como esse juiz, para o qual só há no mundo dois tipos de pessoas, as que merecem ser bajuladas (seus “superiores”) e as que merecem ser presas (pobres e negras de preferência) ameace e ofenda mulheres não pode surpreender. Não se pode esperar que alguém que se relaciona com o mundo através do arbítrio de suas decisões, quase todas derrubadas tão logo chegadas às instâncias superiores, seja “democrático” no âmbito privado. O misógino que ameaça e ofende a ex-mulher é uma face do autoritarismo, da qual a perseguição feroz, levada ao nível pessoal, de ativistas e advogados é a outra.

Esperamos que essa investigação não seja abafada. No fim das contas, a verdade sempre aparece... LUTAR NÃO É CRIME!