24.12.15

O BRASIL CHEGOU AO LIMITE

WILSON DE CARVALHO -


Conferindo os noticiários, terça-feira (22), tive que ver a TV Globo enfatizando em seu jornal nacional, uma notícia: de décadas como se fosse nova, sobre o abandono dos hospitais, pessoas voltando sem serem atendidas, um idoso gritando de dor, em resumo: o extermínio de brasileiros, semelhante ao de ditaduras ou por ordem de ditadores cruéis, como são realmente os nossos governantes, SALVO RARÍSSIMAS EXCEÇÕES.

TV Globo e imprensa de um modo geral, comprometidas até o pescoço, o que vocês têm de fazer é evoluir as notícias. Neste caso, pedindo, por exemplo, a prisão do governador e prefeito ou exigindo mudança na legislação para enquadrar esses exterminadores que, agora, estão com a desculpa da falta de dinheiro. O próprio prefeito Eduardo Paes declarou estar o Rio sem problemas financeiros. Nenhuma dessas prefeituras de grandes cidades podem estar sem dinheiro, tão escorchante é o IPTU, a não ser, conforme todos sabem, roubando, desviando até verba de merenda escolar, superfaturando, entre outras perversidades contra a sociedade.

Está difícil suportar esse país dirigido por governantes desumanos, ladrões, corruptos e também incompetentes. Viciados no poder e que nunca o largam, favorecidos por esse maldito sistema político que não permite, o Brasil, e seu povo crescerem. Mais ainda: deixar o Brasil se tornar, no mínimo, uma das maiores potências mundiais. Acorda sociedade.

PRISÃO PARA EXTERMINADORES

"Pelo amor de Deus, alguém tem de nos ajudar. Alguém tem de tomar uma providência". Frase de uma idosa, aos prantos, barrada na porta de um hospital praticamente fechado. No Estado do Rio, é claro. Já se disse tudo sobre o extermínio a cada minuto na área da saúde. Sugestão: mudar a lei, se for o caso, para prender governadores e prefeitos, especialmente o Eduardo Paes, do Rio, que declarou recentemente não ter problema de dinheiro. E não poderia com a mina chamada IPTU. Prisão ou obrigá-los a cobrir o desmonte de hospitais, no caso, com dinheiro do próprio bolso. Em geral, em bancos no exterior.

BRASIL AO LIMITE

Pretendo parar de me desgastar com protestos. Só para acrescentar o comentário anterior: o Paes, vale lembrar, fez praia artificial em Coelho da Rocha, dobrou a verba das escolas de samba e vai pagar R$ 800 mil ao Zeca Pagodinho pela participação nas festas de final de ano em Copacabana. Apenas alguns exemplos.

É o mesmo Paes que tem coragem de promover inaugurações de obras faraônicas para as Olimpíadas, em um momento de tanto sofrimento do povo. É o mesmo Paes que acaba de decidir, SOB FORTE PRESSÃO DA SOCIEDADE, emprestar R$ 100 milhões para "amenizar" a tragédia. Ministério Público, ou seja lá, quem de direito, vamos investigar as contas desses governantes e impedir gastos absurdos.

E mais: tem loucos governando. Eduardo Paes é um deles. Já perceberam nos seus olhos quando fala, em especial, de inaugurações? É como se tudo estivesse perfeito. O Brasil atingiu o limite, não pode continuar assim. Em todos os níveis e setores. E chega de reclamar e protestar. É Natal e, infelizmente, nunca antes tão violentado por exterminadores e corruptos.