11.2.16

ADVOGADOS E JURISTAS ASSINAM DESAGRAVO À DEFESA DE LULA

Via Congresso em Foco -

Profissionais saíram em defesa dos advogados do ex-presidente Lula, Nilo Batista e Roberto Teixeira. Documento reúne 142 assinaturas.


Advogados, juízes, desembargadores, professores universitários, juristas e promotores de justiça saíram em defesa dos advogados do ex-presidente Lula nesta semana. De acordo com a colunista Mônica Bergamo, do jornal Folha de S. Paulo, 142 pessoas assinaram uma nota de desagravo aos advogados Nilo Batista, do Rio de Janeiro, e Roberto Teixeira, de São Paulo.

O documento refere-se à reportagem publicada pela revista Época na semana passada, que revela que Batista faturou R$ 8,8 milhões em contratos com a Petrobras. De acordo com a nota, as informações divulgadas estão “incompletas ou fora de contexto, de modo a sugerir a seus leitores algum tipo de vinculação entre o fato de Nilo Batista & Advogados Associados ter sido remunerado pela Petrobras e de ter se agregado recentemente ao esforço de defesa do ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva”.

O manifesto pondera que as ligações sugeridas pela reportagem não poderiam ser estabelecidas, pois as “relações contratuais” do escritório de Batista tiveram início em 2000, “quando o país era governado pelo PSDB”.

Os profissionais acrescentam que “uma vez mais a imprensa tendenciosa, comprometida com interesses escusos, descompromissada com a verdade” busca criminalizar partidos políticos e, principalmente, o ex-presidente Lula. A nota diz ainda que o advogado Roberto Teixeira tem sido “atacado levianamente” pela mídia.

Tais ataques aos defensores de Lula “ferem não só os advogados que compõem suas equipes como a todos os advogados do país que se dedicam com ética e denodo à defesa de direitos e garantias fundamentais”, conclui o manifesto.