31.3.16

PARA DILMA, A PALAVRA É, "REPACTUAÇÃO"

HELIO FERNANDES -

A presidente emendou o fim da terça, e o inicio da quarta. Lula saiu do Alvorada depois da meia noite, os Ministros foram saindo, os últimos foram Eduardo Cardoso e Jaques Wagner. O ex-presidente só queria falar no Supremo, Dona Dilma se preocupava unicamente com os 172 votos. E chegava a provocar irritação no próprio Lula, que perdeu a calma, e disse em voz alta, até com hostilidade: "Ninguém liga para meus problemas. Estou certo que o Supremo me mandará para Curitiba, não estarei aqui, para aconselhar vocês". Na verdade, cada um tratava do individual, acreditando que isso é que salvaria o coletivo.

Leia mais na COLUNA