25.5.16

MAIS UM ESCÂNDALO: AGORA É TEMER

MIRSON MURAD -


Mais um escândalo aparece na Operação Lava jato. Com a estarrecedora gravação da conversa de Homero Jucá com outro Ficha Suja como ele, fica provado, por A + B que Michel Temer é o grande culpado.

O senador Jucá em governo anterior tinha sido defenestrado do ministério que ocupava exatamente por escândalo financeiro. Jucá tem ainda algumas denúncias da PGR (leia-se Rodrigo Janot) em corrupção.

Com todo esse currículo, Temer não só o colocou no exercício de presidente do PMDB como deu-lhe o ministério do Planejamento, para lidar com a "grana" do País.

A revelação nas páginas da Folha de São Paulo, ontem, não foi surpresa para Michel Temer, nem para nenhum de seus pares.

Consequentemente, a culpa dessa crise escandalosa é do golpista que tomou assento na cadeira que, por direito, pertence à presidenta Dilma.

O QUE TEMER DISSE É VERDADE

O presidente golpista Michel Temer disse uma verdade absoluta quando afirmou que lidava com bandidos. Temer não mentiu.

Primeiro, quando foi secretário de Segurança de S.P. seu enfrentamento era com bandidos. Bem insignificantes se compararmos com os atuais.

Depois, na política, Temer sempre lidou com bandidos como Eduardo Cunha, Romero Jucá e mais 12 de seus atuais "ministros provisórios".

Temer é o próprio Ali Babá e seus 40 (ou melhor, mais de 300) ladrões. Portanto, o que Michel Temer disse é verdade.  A mais pura verdade!

A MÚSICA ESTÁ DE LUTO, A GLOBO HOMENAGEIA O REI

A TV Globo prestou uma bela homenagem, no Fantástico, ao Rei absoluto, único, incomparável cantor que faleceu essa semana, Cauby Peixoto.

Ninguém por essas plagas canta tão bem como Cauby canta. Ele, sim, era o Rei entre nossos cantores. Roberto Carlos é um ótimo intérprete e cantor com enorme fã-clube, mas o verdadeiro Rei, inconteste, foi Cauby Peixoto.

*Mirson Murad, colaborador da TRIBUNA DA IMPRENSA ONLINE, escreve originalmente seus artigos e análises no blog NOTÍCIAS EM ANÁLISE.