21.6.16

EDUARDO CUNHA, OS ÚLTIMOS DIAS DE POMPÉIA. EDUARDO PAES, SEM CHARME E LIDERANÇA, APROVEITOU BEM A OLIMPÍADA, PENSOU QUE SERIAM PRESIDENTES, ATROPELADOS PELA LAVA JATO

HELIO FERNANDES -

Depois de pouco mais de 2 anos, a Lava-Jato atinge o apogeu que mobiliza praticamente todo o pais.Iniciada em março de 2014,parecia um prolongamento do retardado,espetacular mas inócuo e inútil mensalão. Este dominou as manchetes, popularizou discussões, ganhou notoriedade. Não pela decisão e sim pela inovação.

Condenações elevadas, réus praticamente desconhecidos. Personagens poderosos e sempre intocáveis, denunciados publicamente e de forma retumbante, foram "esquecidos". Inocentados sem serem julgados, atravessavam, incólumes, a larga abertura da frase repetida por todos: "Jamais ouvi falar nisso".

Leia mais na COLUNA