27.7.16

ANI INSCREVE EQUIPE DE 41 JORNALISTAS, FOTÓGRAFOS E CINEGRAFISTAS PARA COBERTURA DAS OLIMPÍADAS

Via ANI -


A Associação Nacional e Internacional de Imprensa – ANI completou no dia 26 de julho a inscrição de sua equipe de jornalistas, fotógrafos e cinegrafistas para a cobertura das Olimpíadas 2016. O presidente da ANI jornalista Roberto Monteiro Pinho designou o diretor de Mídia e Comunicação Antonio Rangel e o Secretário Assistente de Comunicação Tiago Santos para a coordenação da delegação de 41 profissionais que estarão atuando na capital carioca durante todo o período dos jogos entre os dias 5 e 21 de agosto.

O primeiro grupo já está cobrindo os eventos pré Olímpicos.

No dia 19 de julho visitamos a loja de produtos temáticos do COI que funciona no Posto 4 de Copacabana. Na oportunidade foram realizadas gravações do ambiente e uma entrevista com a gerente geral Roberta Clark (o vídeo está disponível no youtube e no site da ANI). No dia 20 pela manhã, outra equipe cobriu a inauguração dos tradicionais Arcos temáticos das Olimpíadas, na Praia de Copacabana, em frente o Hotel Copacabana Palace.

Conteúdo - Os noticiários da Olimpíada estarão presentes na programação do site e rádio web da ANI, a partir do dia 28 de julho. Um estúdio parceiro localizado na Avenida Presidente Vargas no Centro do Rio, funcionará como local das edições e seleção do conteúdo de divulgação.

Diariamente estaremos no Centro de referência da imprensa que irá cobrir os Jogos Olímpicos e Paraolímpicos, o Rio Media Center onde concentrará todos os profissionais, pelo Comitê Olímpico Internacional (COI). Localizado no Pavilhão Olímpico, ao lado dos prédios da prefeitura e do Comitê Rio 2016, no bairro Cidade Nova.

O RMC disponibiliza uma estrutura com estações de trabalho com internet cabeada e Wi-Fi de alta capacidade, sinal de satélite para transmissões ao vivo e estúdios de rádio e TV 24 horas. A área de 2.700m² comporta até 600 jornalistas além de um auditório multiuso com capacidade para até 300 pessoas. O espaço conta ainda com dois estúdios de TV e seis de rádio, que poderão ser utilizados gratuitamente por meio de agendamento prévio, bem como profissionais bilíngues para atender às demandas jornalísticas.