12.8.16

CUNHA COMANDA O ESPETÁCULO. A ODEBRECHT ACUSA TEMER, GILMAR MENDES DEFENDE

HELIO FERNANDES -

É ultrajante e até política e jornalisticamente repugnante. Mas o ex-presidente da Câmara continua vencendo todas as batalhas até chegar á guerra final e definitiva. Ele cada vez tem mais espaço e tempo para arquitetar e ir melhorando o roteiro do medo, do susto, da intimidação. Até á humilhação dos adversários.

A exigência dele, desde o inicio, uma só, agora referendada pela subserviência dos chamados lideres partidários. E a pusilanimidade assustada do Planalto-Jaburu, comandando sua complacente base parlamentar. Tudo isso levando á conclusão nada surpreendente e indiscutível: a data para a votação da cassação do ex-presidente da Câmara, fixada para 12 e 13 de setembro.

Leia mais na COLUNA