9.11.16

DE CURITIBA AOS ESTADOS UNIDOS. TEMER, TESTEMUNHA DE CUNHA

HELIO FERNANDES -

O mundo inteiro vive os últimos dias de uma batalha campal, que termina depois de 1 ano e 7 meses de confronto violentíssimo. Sem saber quando terminará a apuração, e proclamado o novo presidente. Um pouco pela diferença múltipla do fuso horário. Outra parte pela duplicidade da campanha: voto popular, direto. Voto no colégio eleitoral, indireto.

Os americanos não esquecerão a eleição presidencial de 2 mil. Não pela baixaria de agora, mas o choque, pela primeira vez em mais de 100 anos, entre o voto direto, da rua. E o indireto, do colégio eleitoral. Concorriam, Al Gore, Democrata, vice de Clinton. E George W. Bush, Republicano, filho de ex-presidente.

Leia mais na COLUNA