21.1.17

APRESENTAÇÃO DE ATAS SOLICITADAS AGORA DEPENDE DO PRESIDENTE DO CONSELHO DELIBERATIVO DA ABI

MÁRIO AUGUSTO JAKOBSKIND -

O Conselheiro Deliberativo Efetivo da Associação Brasileira de Imprensa (ABI), Daniel Mazola, solicitou ao presidente do Conselho, Ivan Cavalcanti Proença que disponibilize as atas referentes a fatos anteriores e posteriores à eleição para a diretoria da ABI 2016/2019, em que a chapa Villa-Lobos teve vetada a sua inscrição para concorrer ao pleito.

É inacreditável que até hoje os associados da entidade não tiveram acesso a esta informação que deveria constar das Atas. Na realidade, o não conhecimento oficial dos fatos é a forma que os diretores que ocupam a ABI encontraram para a não divulgação do que aconteceu. Vale lembrar sempre que a atual diretoria se elegeu com pouco mais do que 52 votos.


Espera-se que de alguma forma Ivan Cavalcanti Proença possa sanar essa lacuna que demora há pelo menos dois anos e meio e caminha para o terceiro.

Espera-se também algum tipo de esclarecimento por parte do Sr. Domingos Meireles sobre o motivo pelo qual utilizou o site da ABI para tentar junto a TV Record a sua readmissão nos quadros da emissora depois de ter o contrato rescindido.

Fatos dessa natureza precisam ser divulgados oficialmente, sem subterfúgios e manipulações da informação.

*Mário Augusto Jakobskind, Professor, Jornalista e Escritor, Coordenador de História do IDEA, Unitevê - Canal Universitário, de Niterói - UFF – Universidade Federal Fluminense/Fonte:  blog Jornal da ABI.