17.1.17

BOULOS (MTST) É PRESO PELA PM [VÍDEO]; DILMA: PRISÃO DE BOULOS FERE DEMOCRACIA E CRIMINALIZA DEFESA DOS DIREITOS SOCIAIS; REPÓRTER DA GLOBO É AGREDIDA AO VIVO DURANTE COBERTURA DE MOTIM EM PRESÍDIO DE MG [VÍDEO]

REDAÇÃO -

O companheiro Guilherme Boulos, membro da coordenação nacional do MTST, que estava acompanhando a reintegração de posse da ocupação Colonial, visando garantir uma desfecho favorável para as mais de 3000 pessoas da ocupação, acaba de ser preso pela PM de São Paulo sob a acusação de desobediência civil.

Um verdadeiro absurdo, uma vez que Guilherme Boulos esteve o tempo todo procurando uma mediação para o conflito.

Neste momento, o companheiro Guilherme está detido no 49ª DP de São Mateus.

Não aceitaremos calados que além de massacrem o povo da ocupação Colonial, jogando-os nas ruas, ainda querem prender quem tentou o tempo todo e de forma pacífica ajuda-los. (via Facebook do MTST)


***
Dilma: Prisão de Boulos fere democracia e criminaliza defesa dos direitos sociais

A prisão do líder do MTST, Guilherme Boulos, é inaceitável. Os movimentos sociais devem ter garantidos a liberdade e os direitos sociais, claramente expressos na nossa Constituição cidadã, especialmente, o direito à livre manifestação.

Prender Guilherme Boulos, quando defendia um desfecho favorável às famílias da Vila Colonial em São Paulo, evidencia um forte retrocesso. Mostra a opção por um caminho que fere nossa democracia e criminaliza a defesa dos direitos sociais do nosso povo. (via site da Dilma)

***
VÍDEO: repórter da Globo é agredida ao vivo durante cobertura de motim em presídio de MG