20.2.17

DUAS SEMANAS DE CARNAVAL PARA OS DEPUTADOS FEDERAIS, SÓ VOLTAM DIA 7; TRUMP INVENTA ATAQUE TERRORISTA NA SUÉCIA

ILUSKA LOPES -

Deputados federais começam a semana de olho na folga de quinze dias para a folia de Carnaval, as sessões param na quarta. Sem previsão de corte ou desconto no salário de R$ 33,7 mil, eles deixarão Brasília na tarde deste dia 22, em vez de voltar ao trabalho na tarde da quarta-feira de Cinzas (1º), como a maioria dos trabalhadores, os deputados federais só voltam ao batente no plenário em 7 de março. Que maravilha viver, haja desfaçatez.

Apesar da folga equivalente à metade de um mês, salário e também a cota parlamentar, de até R$ 45 mil, poderá ser usada integralmente pelos nobres deputados.

O presidente do Senado, Eunício Oliveira (PMDB), marcou sessão para quinta (2): os senadores só folgam nos dias de folia, ao contrário da Câmara. Em portaria publicada no início do mês, o Supremo Tribunal Federal confirmou retorno aos trabalhos às 14h do dia 1º de março.

O feriado de Carnaval no governo federal também termina na quarta-feira de cinzas, com expediente normal depois do almoço. Falou em Carnaval, a folia é geral na Capital, principalmente para os gloriosos deputados. "Se gritar pega ladrão, não fica um meu irmão. Se gritar pega ladrão, não fica um...”.

***
TRUMP INVENTA ATAQUE TERRORISTA NA SUÉCIA E INTERNET VAI AO DELÍRIO

O presidente dos EUA, Donald Trump, deixou a Suécia perplexa no sábado (17). Agências internacionais informam que enquanto discursava na Flórida sobre a crise dos refugiados e a insegurança no mundo, o magnata republicano mencionou um atentado cometido na noite anterior no país escandinavo – o que, de fato nunca aconteceu.

"Olhem o que está acontecendo na Alemanha, olhem para o que aconteceu ontem à noite na Suécia. A Suécia, quem acreditaria? A Suécia. Eles acolheram muitos refugiados, e agora eles têm problemas como nunca pensaram", disparou o presidente dos EUA.

Internautas fizeram a festa com memes, mas houve quem não tivesse gostado da brincadeira. "A Suécia? Um atentado? O que ele andou fumando?", escreveu o ex-premiê sueco Carl Bildt no Twitter. A forma como Trump governa é no mínimo um risco a espécie humana, é um completo insensato.