26.2.17

O SENTIMENTO DO MEDO

CARLOS CHAGAS -


Vale recontar a história. Juscelino Kubitschek era governador de Minas, candidato declarado  à presidência da República, mesmo  que o PSD  ainda não tivesse realizado  sua convenção. Tinha audiência com Café Filho, presidente, e informou aos jornalistas, no palácio do Catete, que não trataria de política, mas da questão do café, cujo preço desagradava os fazendeiros mineiros. Ao entrar no gabinete presidencial, foi surpreendido com exagerados gestos de euforia. De início, Café levou-o à sua mesa de trabalho, insistindo para que  sentasse na cadeira presidencial.

Leia mais na COLUNA