2.3.17

A FEBRE AMARELA É UMA GRAVE AMEAÇA QUE ESTÁ SENDO NEGLIGENCIADA PELO GOVERNO TEMER

ILUSKA LOPES -



Existem três mosquitos que transmitem a febre amarela, cientificamente são: o Haemagogus, o Sabethese o Aedes aegypti (esse famoso por também transmitir a Dengue). Os dois primeiros vivem em matas e áreas rurais. No Brasil, a febre amarela silvestre é endêmica em toda região Norte e Centro-Oeste e em partes das regiões Sudeste, Sul e Nordeste. O vírus da doença está presente em macacos e passa para as pessoas pela picada do mosquito. "Fora das cidades existem as condições ideias para manter o ciclo da doença, que é a presença dos mosquitos e do macaco", diz Helena Brigido, epidemiologista da Sociedade Brasileira de Infectologia.

Os especialistas começam a admitir que será quase inevitável o surgimento de febre amarela em humanos se novos macacos contaminados forem localizados – mortos, naturalmente. Os animais vêm da floresta ou do que restou delas e vão continuar a procurar as cidades próximas. As condições anti-higiências ou mesmo insalubres completam o quadro para completar o ciclo até a contaminação dos seres humanos. É uma questão de tempo e de probabilidade.

Por isso, as autoridades do setor deviam organizar campanha sistemática de vacinação para se antecipar a instalação da doença nas principais cidades e capitais afetadas. Sem pânico, mas coerentes com a gravidade da situação e a urgência de enfrentá-la. Soubemos através de profissionais da área que nas principais instituição relacionada às doenças tropicais, funcionários e familiares estão sendo obrigados a se vacinar. Podemos chamar de NEGLIGENTE a postura do governo Temer com a população?

É a lógica 'Justo Veríssimo': "Eu quero é que Pobre se exploda!"