14.3.17

FRENTISTAS DE SÃO PAULO E PATRONAL NEGOCIAM NESTA QUINTA-FEIRA (16)

Via FEPOSPETRO -


A primeira reunião de negociação coletiva dos Empregados em Postos de Combustíveis e Lojas de Conveniência do estado de São Paulo, nesta quinta-feira (16), as 16 horas, no Sincopetro (patronal), em SP, reunirá dirigentes dos dezesseis sindicatos do estado e da Federação Estadual dos Frentistas – Fepospetro. Reajuste com aumento real de salário e benefícios, implementação da PLR-Participação nos Lucros e Resultados, e a preservação de direitos já conquistados são os principais pontos da  tratativa que terão os sindicalistas com o grupo patronal de SP, formado pelas entidades Sincopetro, Resan, Regran e Recap. Com data-base em 1° de março, a campanha salarial abrangente aos cem mil trabalhadores frentistas de São Paulo é unificada entre os dezesseis sindicatos e a Fepospetro.


Data-base assegurada

De acordo com Luiz Arraes, presidente da Fepospetro e secretário de Negociações Coletivas da Fenepospetro, apesar de iniciar com atraso as negociações este ano, em razão da demora do Sincopetro em definir a data de abertura das negociações após receber, no dia 8 de fevereiro, a pauta de reivindicações, a data-base assegurada na ocasião garante aos trabalhadores, ao final do acordo coletivo de trabalho de 2017,o recebimento retroativo à 1° de março dos valores adicionais.


União

Sobre o desafio da categoria com a continuidade dos avanços, diante do momento difícil por que passa o país, Arraes explica que virá da união e da participação dos trabalhadores junto aos sindicatos, o apoio fundamental ao bom andamento das negociações.

*Assessoria de Imprensa da Fepospetro