1.3.17

PIADA DA QUARTA FEIRA DE CINZAS: JANOT PEDIU AO MINISTRO GILMAR MENDES QUE AÉCIO PRESTE DEPOIMENTO SOBRE FURNAS

EMANUEL CANCELLA -


O mesmo Rodrigo Janot que, buscando ser mais uma vez encaminhado à chefia do PGR, nesta semana, deu parecer favorável ao vergonhoso auxílio educação de juízes e procuradores.

Auxilio educação e moradia que, juntos, somam quase dez salários mínimo, por mês, para o bolso de cada  juiz e procurador, num país em  que não há dinheiro para pagar salário de policiais e funcionários, nos estados e municípios.

Essa dobradinha de Janot e Gilmar Mendes já está manjada, em se tratando de tucano. Um manda e o outro devolve, só para parecer que há justiça no país. O fato é que até hoje nenhum tucano foi para cadeia, inclusive o senador Aécio Neves, recordista em delações.

Vamos dizer que fosse verdade e Aécio fosse preso e usasse a delação para diminuir sua pena. O primeiro a ser delatado por Aécio seria o próprio ministro Gilmar Mendes, que está citado como propineiro junto com Aécio, na Lista de Furnas(1).

O outro delatado seria o juiz Sérgio Moro, que chefia a Lava Jato, pois ele é o protetor mor da tucanalha. Na Lava Jato, Aécio já foi citado sete vezes e o Moro diz não saber de nada. Como também não vê nada do período de FHC,  apesar de provas e convicções,  e também finge que não vê o feirão atual na Petrobrás, num verdadeiro bota-fora de bens públicos pelo tucano Pedro Parente.

Não sou especialista de interpretação de sorrisos, mesmo porque ninguém é. Até hoje ninguém decifrou o enigma de Monalisa. Entretanto, a presença de Moro, na entrega do prêmio da revista Isto É, cercado de golpistas, e sorrindo ao lado de Aécio, é batom na cueca (2).

O fato positivo é que a Globo aderiu ao Fora temer no carnaval. Como esconder da sociedade os diversos blocos Fora Temer? A Globo é golpista, mas não é burra. Fez o mesmo com as “Diretas Já” e a ditadura militar. Escondeu enquanto pode as diretas e, depois do ato de um milhão na Candelária, aderiu. A Globo apoiou e cresceu à sombra da ditadura e depois fez autocrítica.

Agora eles vão tentar o golpe dentro do golpe. Que é tirar Temer e colocar um pau mandado, através do Colégio Eleitoral, eleito pelos picaretas do Congresso Nacional.

E o plano B dos golpistas é prender Lula ou torná-lo inelegível para 2018.

Não se iludam, a mídia, principalmente a Globo, Moro, STF, MPF, PGR e Polícia Federal ainda têm bala na agulha, eles não jogaram a toalha.

Quanto ao Rodrigo Janot, que disse que dorme com uma pistola com dois cartuchos; depois dessa tramoia de mandar Aécio para Gilmar, tem que aumentar a munição.

Fonte:

*Emanuel Cancella que é da coordenação do Sindipetro-RJ e da Federação Nacional dos Petroleiros (FNP) e autor do livro “A outra face de Sérgio Moro”