4.3.17

QUEM MANDA NESSA... SURUBA FEDERAL

DANIEL MAZOLA -


Finalmente a Lava Jato começa a incomodar o ninho tucano. O senador Aécio Neves, presidente do PSDB, saiu carbonizado do depoimento do ex-presidente da Odebrecht Infraestrutura. Benedito Júnior revelou que a transnacional baiana doou ao menos R$ 9 milhões para campanhas tucanas em 2014. O “bobo da corte” Marcelo Bahia Odebrecht já havia revelado, na quarta-feira, que, em 2014, repassou R$ 15 milhões a Aécio, na campanha presidencial do mesmo ano.

O relator do caso no TSE, ministro Herman Banjamin, preferiu não ouvir mais detalhes de Benedito Júnior sobre os tucanos, alegando que o foco era a aliança PT-PMDB. Mas observe a grande ironia desse caso, o processo no TSE foi movido pelo PSDB – que agora se transformará em “vidraça”.

Se os tucanos ficaram definitivamente carbonizados (FHC já saiu em defesa de Aécio e criticando a imprensa), quem segue preocupadíssimo é o sangue suga dos trabalhadores, Michel Temer. Sua estratégia é tentar impedir que questões políticas e judiciais interfiram na prometida agenda de reformas econômicas (praticamente um tiro de misericórdia no peito do povão). O depoimento-bomba de Marcelo Odebrecht também lhe causou danos claros, pior ainda ficou seu fiel-escudeiro Eliseu Padilha, fatalmente atingido pela denúncia de negociar o recebimento de R$ 10 milhões para a campanha do PMDB.

O mafioso Padilha, que segue “recuperando-se da operação de próstata” pretende voltar ao governo no dia 13 ou 14 de março, inacreditável a desfaçatez dessa “gente”. Mas ainda vem coisa bem pior pela frente para o vampirão da república, Temer está se borrando só em pensar no ex-deputado cassado Eduardo Cunha. Preso em Curitiba, o ex-presidente da Câmara formulou 19 perguntas que o usurpador Temer deverá responder como testemunha de defesa na ação penal que corre na Justiça Federal no DF para investigar a liberação de recursos do FI-FGTS via pagamento de propina. (O FI-FGTS é um fundo de investimento bilionário administrado pela Caixa Econômica Federal que aplica recursos do trabalhador em projetos de infraestrutura). Como sabemos o mundo da muitas voltas...

A lista da ‘suruba federal’ com diversas denúncias vai estourar, sobretudo se Rodrigo Janot, pedir, e o relator da Lava Jato no STF, Edson Fachin, determinar o fim dos sigilos judiciais das 77 delações da Odebrecht. Aí será uma festa, e está próxima de começar. O Procurador-Geral da República também será pressionado publicamente para apurar com mais detalhes e denunciar tudo que foi revelado por Benedito Júnior contra os “primos” entreguistas do PSDB.

Com a nova tormenta se voltando agora contra o PSDB e o PMDB, o PT voltará a ganhar espaço para seus argumentos no cenário político oposicionista. Artistas, intelectuais e representantes de diversos movimentos sociais assinaram um manifesto que defende a candidatura do ex-presidente Lula ao Planalto em 2018, que será lançado na internet na próxima segunda-feira (6) para colher assinaturas. O cerco tende a se fechar para os golpistas do PMDB-PSDB, a ‘suruba federal’ de Temer e sua gang pode terminar abruptamente, assim como um dia ocorreu com Sergio Cabral, Eduardo Cunha, Marcelo Bahia Odebrecht, Eike Batista... quem viver verá!