7.4.17

1 - PEZÃO AFIRMA QUE VAI PROCESSAR FILHO DE EX-PRESIDENTE DO TRIBUNAL DE CONTAS; 2 - PARLAMENTARES ACIONAM PROCURADORIA CONTRA RACISMO DE BOLSONARO

REDAÇÃO -


O governador do Rio de Janeiro, Luiz Fernando Pezão, negou o recebimento de propina em esquema envolvendo o Tribunal de Contas do Estado (TCE-RJ). Por meio de videoconferência, Pezão foi ouvido pelo juiz Sergio Moro como testemunha de defesa do ex-governador Sérgio Cabral, sobre outro caso, que trata do superfaturamento na terraplanagem do Complexo Petroquímico do Rio de Janeiro (Comperj), da Petrobras.

À saída do prédio da Justiça Federal, nesta quinta-feira (6), Pezão falou com os jornalistas e disse que vai processar quem tiver dito que ele recebeu propina. Em delação premiada, Jonas Lopes Neto, filho do ex-presidente do TCE,Jonas Lopes disse que o governador recebeu R$ 900 mil em recursos ilícitos por meio de seu subsecretário de Comunicação, Marcelo Amorim.

Leia mais em POLÍTICA