7.5.17

1 - BOLSONARO DEVE IR PARA PARTIDO PATROCINADO POR CONDENADO NO MENSALÃO; 2 - MORO PEDE A FÃS DA LAVA JATO QUE NÃO VÃO A CURITIBA NO DIA DO DEPOIMENTO DE LULA [VÍDEO]

REDAÇÃO -



O deputado Jair Bolsonaro (RJ) acelerou as negociações para trocar seu partido atual, o PSC, pelo “Muda Brasil”, legenda que ainda está em processo de criação e é patrocinada pelo ex-deputado Valdemar Costa Neto, condenado no mensalão.

Bolsonaro, que aparece em cenários do Datafolha na segunda colocação para a disputa presidencial de 2018, não migrará sozinho. Ele planeja levar os três filhos para a nova sigla. Lançará dois à Câmara e um, Flávio Bolsonaro, ao Senado.

Testa de ferro

José Renato da Silva, presidente do “Muda Brasil”, é quem está formalmente à frente da criação da legenda. Ele disse que, na próxima semana, entrega ao TSE as 486 mil assinaturas exigidas para que a sigla consiga logo o registro.

Conexões

Ex-dirigente do PR de Valdemar Costa Neto, José Renato diz que ainda “não pode tocar conversas com quem quer que seja”, mas admitiu ligação com a família Bolsonaro. Em 2014, ele atuou na prestação de contas do deputado Eduardo Bolsonaro (PSC-SP).

***
Moro pede a fãs da Lava Jato que não vão a Curitiba no dia do depoimento de Lula