19.5.17

A GLOBO, QUE APOIOU TODOS OS GOLPES, COM CERTEZA, ESTÁ TRAMANDO O GOLPE DENTRO DO GOLPE

EMANUEL CANCELLA -


Michel Temer: Ele chegou ao poder através de um golpe contra uma presidenta eleita e sem ter cometido crime algum que justificasse sua saída. Conseguiu isso porque contou com a cumplicidade de toda a mídia, principalmente da Globo, do Congresso Nacional, do STF e da PGR.

Sem contar que a mais poderosa operação da Polícia Federal, a Lava Jato, além de vazar informações falsas para derrubar Dilma ainda protegeu Temer.  “Moro vetou pergunta de Eduardo Cunha a Temer sobre reunião para acerto de propina (1)”. A pergunta dizia respeito a uma propina de R$ 40 milhões pago ao PMDB por uma empreiteira, na Petrobrás.

Inclusive é muito estranho o silêncio do juiz Moro diante da denúncia da JBS. Um juiz que prendeu um almirante, senador, grampeou o telefonema do ex- presidente Lula com a presidente Dilma, neste momento político, se cala?

Quando abriram uma CPI para tirar, da presidência Fernando Collor, Brizola, do alto de sua ousadia e coerência bradou: “Por mim a CPI não saía”. Brizola com certeza, cobrava autocrítica da Globo, que criou e elegeu, através de manobra, o candidato Collor e depois, sem dar nenhuma explicação à sociedade, foi a principal articuladora do seu impeachment (2)

A Globo manipulou a sociedade contra Dilma e até ontem fazia coro com o governo criminoso de Michel Temer, mesmo este entre tantas atrocidades com o país, estar desempregando  milhões de brasileiros; armar para tirar direitos trabalhistas e previdenciários, inclusive acabando com a aposentadoria; e, através de seu nomeado, o tucano presidente da Petrobrás, Pedro Parente, estar desmontando a empresa e liquidando tudo.

Agora, a Globo, como fez com Collor , passou a defenestrar  Michel Temer.

Com certeza que a Globo e todos os golpistas estão articulando um golpe dentro do golpe. Eu vou seguir os ensinamentos de Brizola: “Quando vocês tiverem dúvidas quanto a que posição tomar diante de qualquer situação, atentem. (…). Se a Rede Globo for a favor, somos contra. Se for contra, somos a favor!”

Fonte:

* Emanuel Cancella, OAB/RJ 75.300, integra a coordenação do Sindipetro-RJ e da Federação Nacional dos Petroleiros (FNP), sendo autor do livro “A Outra Face de Sérgio Moro”