27.5.17

A MARCHA FOI VITORIOSA; MPT ELABORA CARTILHA DA MALDADE; FORD ANUNCIA DISPENSA DE 20 MIL TRABALHADORES

REDAÇÃO -


Centrais avaliam grande ato dos trabalhadores.

Sob qualquer ângulo que se queira avaliar a 9ª Marcha dos Trabalhadores sobre Brasília, nesta quarta-feira (24), a conclusão é que foi um ato unitário, maciço, forte e que cumpriu ao que se propôs — demonstrar oposição firme ao governo ilegítimo e contra as reformas neoliberais da Previdência (PEC 287/16) e trabalhista-sindical (PLC 38/17 - PL 6.787/16), que exterminam o direito à aposentadoria e ao trabalho.


***

OIT prevê aumento do desemprego na América Latina

A Organização Internacional do Trabalho afirmou que cerca de 1 milhão de pessoas perderão o emprego em 2017 na América Latina e Caribe. O contingente de demitidos pode elevar para mais de 26 milhões o número de desempregados nas regiões.

As previsões da OIT indicam que a taxa de desemprego na região latino-americana poderia aumentar de 8,1% para 8,4%. (Fonte: Agência EFE)

***

MPT elabora cartilha da maldade

O Ministério Público do Trabalho (MPT) elaborou cartilha que pretende esclarecer a polêmica "reforma trabalhista", proposta por Temer e amplamente contestada pelo sindicalismo.

A edição é o de nº 31 da série “MPT em Quadrinhos”, elaborada pelo Ministério Público do Trabalho do Espírito Santo (MPT-ES) com temas sobre o mundo do trabalho.


***

Ford anuncia dispensa de 20 mil trabalhadores

A montadora, segunda maior em vendas nos Estados Unidos, planeja demitir 20 mil trabalhadores em todo o mundo. Conforme o Wall Street Journal, a empresa sofre um recuo no mercado norte-americano.

A multinacional emprega atualmente 202 mil pessoas. A empresa espera economizar três bilhões de dólares (2,74 bilhões de euros) em 2017 com as demissões. (com informações do DIAP e Repórter Sindical)