9.5.17

EIKE PREPARA DELAÇÃO; PALOCCI ASSUSTADO E ASSUSTADOR

HELIO FERNANDES -

No mês passado contei aqui, que estava tratando do assunto. Cuidava dos detalhes. Tentando equilibrar informações e recompensas em liberdade. Assim que o advogado verdadeiro soube, conseguiu demovê-lo, garantindo que a liberdade não demoraria. Realmente não demorou. Mas precariamente. A situação voltou a se complicar. Surgem protestos das mais diversas procedências. A argumentação de sempre: "Se um criminoso múltiplo como Eike ficar em liberdade, então todos os outros presos serão injustiçados. Até Sergio Cabral e Eduardo Cunha".

E lembram oportunamente: a maior parte do dinheiro arrebanhado ou arrecadado pelo ex-governador, no cargo, foi pago por Eike, em troca de vantagens oficiais. É impossível desmentir ou negar estes fatos. Seria desmoralização ainda maior do que se imagina.

Leia mais na COLUNA