25.5.17

FRUSTRAÇÃO E DECEPÇÃO DO SUPREMO

HELIO FERNANDES -

Desde quinta feira passada, Brasília vive exclusiva e totalmente em relação a Michel Temer, não pelo fato dele ser presidente. E sim pela constatação geral, de que ele não tem mais condições de ser presidente.

A opinião publica exige a sua saída do cargo. O Procurador Geral da Republica pediu ao Supremo que abra inquérito para o seu afastamento da presidência. O Ministro Fachin atendeu o pedido, foi marcada para ontem a sessão plenária, de modo que isso  se concretizasse.

Leia mais na COLUNA