29.5.17

RJ: QUARTETO CONCERTANTE APRESENTA, A MÚSICA SEM FRONTEIRAS DE RADAMÉS GNATTALI E CLAUDE BOLLING, NO ESPAÇO CULTURAL BNDES. DIA 31, ENTRADA GRATUITA

 REDAÇÃO -

Dedicado à obra do criador da fusão jazz-erudito e formado por Paulo Santoro (violoncelo), Tamara Ujakoya (piano), Alexandre Brasil (contrabaixo) e André Frias (bateria), grupo interpretará também obra raríssima de Gnattalli, escrita em 1966.


Na quarta-feira, dia 31 de maio, o Quarteto Concertante vai apresentar o espetáculo “A Música sem Fronteiras de Radamés Gnattali e Claude Bolling”, com entrada gratuita, às 19h, no Espaço Cultural BNDES, no Centro. Formado por Paulo Santoro( violoncelo), Tamara Ujakova (piano), Alexandre Brasil (contrabaixo) e André Frias (bateria), o quarteto fará um recital mostrando como Radamés Gnattali e Claude Bolling transitavam pelas mais diversas linguagens musicais, apresentando a música como um território sem fronteiras. Gnattali combinava os modelos tradicionais da música de concerto com a inventividade da música popular, folclórica e do jazz. Bolling, por sua vez, ficou famoso internacionalmente quando se voltou para a fusão do jazz com o clássico. De Gnattali, serão tocados “Modinha e Baião para violoncelo e piano” e “Trio para piano, contrabaixo e percussão”, obra raríssima, pouco conhecida e executada desde composta em 1966. O concerto se completa com a grandiosa “Suíte para Violoncelo e Jazz Piano Trio” de Bolling.

Formado em 2010 por Paulo Santoro, violoncelista da OSB, do Duo Santoro e do Quarteto Brasiliana; Tamara Ujakova, professora adjunta de piano da Escola de Música da UFRJ; Alexandre Brasil, contrabaixista da OSB e de diversos grupos de música popular e André Frias, percussionista da OSB, o grupo é especialista na obra de Claude Bolling, criador da fusão jazz-erudito e considerado o responsável pela renovação do jazz tradicional na década de 1960. Bolling escreveu música para mais de cem filmes, na maioria franceses, e ficou conhecido por uma série de colaborações com músicos eruditos como Jean-Pierre Rampal, Alexandre Lagoya, Pinchas Zukerman, Maurice André e Yo-Yo Ma.

A “Suíte para Violoncelo e Jazz Piano Trio” foi gravada pela primeira e única vez pelo próprio Claude Bolling ao piano e Yo-Yo Ma, um dos violoncelistas mais importantes da atualidade. Seus movimentos englobam formas contrastantes, como barroco romântico, lírico agitado etc, sempre inserindo elementos do jazz, inclusive a improvisação. No repertório do grupo, além da Suíte de Bolling, constam ainda a música brasileira de concerto, para as diversas combinações existentes, além de arranjos de música popular. O Quarteto Concertante fez sua estreia em um concerto memorável no auditório do BNDES, dentro da série “OSB Câmara”, e vem se apresentando regularmente por todo o Brasil.

QUARTETO CONCERTANTE
Paulo Santoro, violoncelo
Tamara Ujakova, piano
Alexandre Brasil, contrabaixo
André Frias, bateria

SERVIÇO:
31/05 – quarta-feira – Quarteto Concertante no Espaço Cultural BNDES
Horário: 19h
Endereço:  Av. República do Chile, 100 - Centro, Rio de Janeiro - RJ
Entrada Franca
Informações: (21) 2172-7447

Programa:
RADAMÉS GNATTALI - MODINHA E BAIÃO para violoncelo e piano
RADAMÉS GNATTALI - TRIO para piano contrabaixo e percussão
CLAUDE BOLLING - SUITE para violoncelo e jazz piano trio