3.7.17

1- GEDDEL VIEIRA LIMA É PRESO PELA PF; EM 2015, DISSE QUE SÓ IRIA PARA A CADEIA SE FOSSE PARA VISITAR A MÃE DE JOSÉ DE ABREU; 2- TEMER DEMONSTRA ABATIMENTO E PREOCUPA AMIGOS

REDAÇÃO -

Ex-ministro de Temer foi alvo da Operação Cui Bono.



Geddel Vieira Lima foi preso nesta segunda, dia 3, pela Polícia Federal. A prisão se deu na Bahia. Geddel, ex-ministro, é um dos braços direitos de Michel Temer. Como se sabe, ele tem vários. A prisão ocorreu no bojo da Operação Cui Bono. A decisão partiu do juiz Vallisney de Souza, titular da 10ª Vara Federal de Brasília.

A PF investiga a existência de práticas criminosas na liberação de créditos e investimentos por parte de duas vice-presidências da Caixa Econômica Federal: a de Gestão de Ativos de Terceiros (Viter) e a de Pessoa Jurídica, ocupada por Geddel. (via DCM)

***
Em 2015, Geddel disse que só iria para a cadeia se fosse para visitar a mãe de José de Abreu


***
Temer demonstra abatimento e preocupa amigos mais próximos
Da Folha:

O presidente Michel Temer tem mostrado abatimento a ponto de preocupar seus amigos mais próximos, segundo informações da colunista Mônica Bergamo, da Folha de São Paulo.

De acordo com um dos interlocutores mais frequentes do presidente, ele está “abalado, preocupado e triste”, sentindo-se numa “guerra sem trincheira nem guarita”.

A tristeza seria agravada pela euforia que precedeu o escândalo da JBS. Temer chegou a dizer aos amigos mais íntimos que estaria no segundo turno da eleição presidencial de 2018.

A família e inclusive a primeira-dama, Marcela Temer, também estariam no clima de baixo astral, piorando as coisas para o presidente.