7.10.17

BRINCANDO DE ESCONDE-ESCONDE ENQUANTO O LOBO MAU DEVORA A VOVOZINHA

Por PEDRO AUGUSTO PINHO -


Os tempos nublados fertilizam os retrocessos civilizatórios. Em satírica crônica, Frei Beto diz que a conhecida história infantil, do título deste artigo, seria noticiada pela revista Veja com a manchete: “Lula sabia das intenções do lobo”.

Nas ditaduras, de qualquer ordem, aguçam-se as ações anti-humanas, eivadas de irracionalidades.

Com fino humor e profundidade analítica, Marcos de Oliveira, em sua coluna Fatos & Comentários (Monitor Mercantil, 05/10/2017), trata do surto moralista que, subitamente, envolve parte da sociedade do sul e sudeste brasileiro em exposições de arte plástica (Alguma coisa está fora da ordem).

Leia mais em POLÍTICA

* Via e-mail / Pedro Augusto Pinho, avô, administrador aposentado