11.10.17

COMO É BOM SABER TOCAR UM INSTRUMENTO

Por ANDRÉ MOREAU -


O Presidente da "Generalitat", Carles Puigdemont, compareceu ao parlamento da "Catalunya" (10), para se pronunciar sobre o Referendo de 1º de outubro. O plenário do parlamento foi dividido. À sua esquerda estavam assentados aqueles que foram favoráveis ao Referendo, pela independência da "Catalunya" e à sua direita, os que se posicionaram contra, com exceção das duas primeiras filas. No balcão destinado ao público, encontravam-se presentes os apoiadores do Referendo, inclusive o ex-Presidente Artur Mas, a quem Puigdemont sucedeu, inabilitado desde 9 de novembro de 2014, sob a acusação de promover um processo participativo, não vinculante e sem efeitos jurídicos, bem como as ex-Conselheiras Joana Ortega e Irene Rigau, hoje deputada, o ex-Conselheiro da Presidência Francisco Gomes. Como se não bastasse, todos foram multados de forma arbitrária e abusiva em cinco milhões de Euros pelo Tribunal de Contas Espanhol, ficando todos os seus bens ameaçados de embargos, fato que poderá afetar todos os seus familiares.

Leia mais em INTERNACIONAIS

* Via e-mail / André Moreau, é Coordenador-Geral da Pastoral IDEA, Professor, Jornalista, Diretor do IDEA, Canal Universitário de Niterói, Unitevê, Universidade Federal Fluminense (UFF).