28.10.17

JUÍZES CONTRIBUÍRAM PARA A EXTINÇÃO DA JT

ROBERTO M. PINHO -

(...) “O assunto não é novidade para os meus leitores. Por diversas vezes adverti os juízes quanto à postura a frente das audiências. O trato com as partes se degenerou, os confrontos com a advocacia aguçou, e várias formas de afrontar os patronos, foram acontecendo, a exemplo do não recebimento dos advogados e a demora na liberação de alvarás”.


A insolência, o desrespeito aos mais elementares principais humanísticos e procurando fazer justiça sem levar em conta os ditames de lei, os magistrados da especializada, destruíram com o maior patrimônio social do planeta, a justiça especializada trabalhista do Brasil, uma trincheira de resolução de conflitos, que infelizmente exorbitou e se tornou extremada. 

Leia mais na COLUNA