21.10.17

MORO: “CRIMES NÃO SÃO COMETIDOS NO CÉU”. ATÉ DENTRO DE CASA, DURAN, DEPOSITOU NA CONTA DA SRA. MORO!

EMANUEL CANCELLA -


Moro fez severas criticas aos que citam o uso excessivo de delações premiadas que segundo o próprio Moro são base na maioria dos seus julgados (1). A sociedade que entender por que os principais condenados da Lava Jato pagam suas penas em casa verdadeiros clubes de lazer construído com dinheiro da roubalheira (2).

E aí entra a entrevista do advogado da Odebrecht, Tacla Duran, na Folha que à jornalista Monica Bergamo relatou que foi procurado pelo advogado, Carlos Zucoloto Junior, que falando em nome da Lava Jato lhe pediu dinheiro para celebrar acordo de delação premiada que entre outras benesses lhe daria a prisão domestica.

“Segundo Duran, haveria diminuição da multa e da pena que Duran deveria pagar, em um acordo de delação premiada, em troca de um pagamento que seria feito pelo caixa 2 para acertos com membros da Lava Jato” (3,4).

Depois tem a advogada, Beatriz Catta Preta que assim como Zucoloto intermediou acordos de delações premiadas e segundo a mídia, nos 9 acordos que participou arrecadou R$ 20 milhões nesses casos teve acertos com membros da Lava Jato (5)? Em tempo: Catta Preta abandonou os acordos na Lava Jato por conta de ameaças de morte.

Eu até respeito esse jeito Sherlock Holmes de Moro tentar provar a todo custo que o ex presidente Lula é o comandante máximo da corrupção na Petrobrás. Primeiro Moro aceitou a denuncia de Deltan Dallagnol, prolatada ao vivo na Globo:“sem provas mas com convicção”.    Depois Moro condenou Lula a 9 anos e meio de prisão.

Como diria o mordomo de Sherlock Holmes: é elementar meu caro Moro: FHC deve ser o comandante máximo da corrupção na Petrobrás.

FHC, diferente de Lula que a Lava Jato tentou, sem sucesso,  provar a propriedade de um tríplex em Guarujá e um sitio em Atibaia.  Moro que não conseguiu provar a propriedade dos imóveis agora corre atrás dos recibos de aluguel de Lula.

Ao contrario de Lula, FHC, o “Príncipe dos Sociólogos” tem apartamento em Paris, Nova York e fazenda em Buritis, com aeroporto. E como se não bastasse, FHC é citado varias vezes em corrupção na Petrobrás e em muitas envolvendo seu próprio filho (6,7,8,9).  Matamos a charada: FHC com muito mais que convicções, é o comandante máximo da corrupção na Petrobrás.

Nessa historia de propriedade de imóveis pegou mau que o  procurador, Deltan Dallagnol da Lava Jato, tenha comprado duas unidade do programa, Minha Casa Minha Vida, e não foi para morar, foi para ganhar dinheiro. Creio que Dallagnol um homem probo e de fortes convicções deveria devolver os imóveis para os sem teto, publico alvo do Programa (10)!

Pois é tem razão Moro, os crimes não são cometidos no céu que o digam as delação premiadas da lava Jato!

Fonte: