20.11.17

A HORA DA PREVIDÊNCIA

SEBASTIÃO NERY -


Rio de Janeiro – Os poetas sabem das coisas. Fernando Pessoa, como poucos:

– “O homem e a hora são um só /quando Deus faz e a historia é feita / O mais é carne, cujo pó / a terra espreita”.

Os três acabam sendo uma coisa só: o homem, a hora e a história. A história é a hora acontecendo. Na hora, o homem faz a história acontecer. Com as lutas do homem, a história vai surgindo do ventre do tempo.

Leia mais na COLUNA