6.11.17

FRENTISTAS DE SÃO PAULO UNIFICARÃO NA CAPITAL PAULISTA ATOS DO DIA NACIONAL DE PARALISAÇÕES, DIZ FEPOSPETRO

Via FEPOSPETRO -

Ação conjunta das dezesseis entidades contra as Reformas Trabalhista e da Previdência do Governo de Michel Temer foi definida em reunião da Fepospetro com dirigentes dos sindicatos no último dia 01, em SP.

Na sede da Fepospetro dirigentes  da entidade e dos dezesseis sindicatos dos frentistas do Estado de São Paulo.
A decisão de centrar na capital paulista a participação dos dezesseis sindicatos dos frentistas de SP no “ Dia Nacional de Paralisações”, na próxima sexta-feira, 10 de novembro, véspera da entrada em vigor da Reforma Trabalhista aprovada, tem por objetivo fortalecer os dois atos da mobilização definida pelas centrais sindicais CUT, Força Sindical, UGT, CTB e Nova Central. “Vamos nos reunir na Praça da Sé e, depois, às 10:30h, seguir numa grande massa de trabalhadores até a avenida Paulista”, explica Luiz Arraes,presidente da Federação Estadual dos Frentistas, entidade que congrega no Estado cem mil trabalhadores. O dirigente destaca que orientou a categoria a divulgar amplamente nas redes sociais a movimentação do dia, ao qual vê como “ novo momento histórico do sindicalismo na luta permanente de enfrentamento ao governo ilegal e de ataques aos direitos sociais e trabalhistas”.

Participação: A entidade tenciona agrupar para o dia de protestos cerca de 250 pessoas entre trabalhadores, funcionários e dirigentes dos dezesseis sindicatos e das vinte e oito subsedes dos frentistas de São Paulo, cujas chegadas em vans e ônibus na Praça da Sé estão programadas para as 8 horas da manhã do dia 10. Antes, porém, conforme deliberado na reunião da Fepospetro, os sindicalistas no decorrer da semana, durante o trabalho de base, cuidarão de reforçar as ações de panfletagem em divulgação aos atos e em engajar os trabalhadores para a luta social e política.

Uma reunião na Fepospetro na semana seguinte a do “ Dia Nacional de Paralisações” debaterá o balanço da participação da categoria, entre outros assuntos.

*Assessoria de Imprensa da Fepospetro- Leila de Oliveira/Imagem: Janekelly