11.11.17

NA PALESTRA DO “INTERESSE DA NAÇÃO” TEVE A CABEÇA DE LULA NA BANDEJA, MAS FALTARAM OVOS E TOMATES [VÍDEO]

EMANUEL CANCELLA -


Nos relatos da Bíblia,  em Mateus (14, 1-11) e Marcos (6,17-28), Salomé pediu a cabeça de João Batista em uma bandeja.

Já no rega-bofe, no Country Club de Curitiba, patrocinado pelo governador Beto Richa, com a presença de Juiz Sergio Moro, Dallagnol, o ministro do STF, Luiz Edson Fachin, foi pedida a cabeça de Lula.

De forma muito suspeita e antecipando o julgamento:

“O relator Gebran também não se furtou a falar – o que seria absolutamente justificável, dado o ambiente – e acenou com “boas notícias”: ‘talvez seja possível julgar antes das eleições”. É, diz  Thompson Flores, presidente do Tribunal Regional Federal da 4ª Região, que vai julgar Lula: “interesse da nação” (2)...

Creio que esses golpistas e corruptos estão, como na fábula do gato e do rato, com medo de colocar o guizo no pescoço do gato, pois todos sabem que o povo quer Lula e pode reagir. Para derrotá-lo só no tapetão e para  isso gastaram uma fortuna de dinheiro público, mas não encontraram nada que desabonasse a conduta de Lula.

 Vai ser o Moro? Vai ser TRF da 4ª região?

Fachin, que estava ali representando o STF? O mesmo STF em que a ministra Rosa Weber queria impedir Dilma de sequer poder falar a palavra  “golpe”, provando de que lado está essa instituição golpista (5).

O governador do Paraná, Beto Richa, mostra bem quem é essa turma, já que é polidenunciado por corrupção.

Essa é a turma que deu o golpe na Dilma e agora quer dar no Lula!

Juiz Sergio Moro e o procurador Deltan Dallagnol estão amarrados ao advogado da Odebrechet, Tacla Duran, que vai depor dia 30 na CPI da JBS (1). Duran vai confirmar a denúncia bomba de que foi procurado pelo advogado Carlos Zucoloto Junior, compadre de Moro e ex-sócio de sua mulher, Rosangela Moro, solicitando propina.

Na ocasião,  Zucoloto, falando em nome da Lava Jato, pedira a Duran dinheiro para a Lava Lato, pois só assim conseguiria a  delação premiada que, entre outras benesses, daria a ele a regalia de uma prisão domiciliar, benefício suspeitamente já concedido a tantos criminosos confessos (8).

O que piorou a situação de Moro e da Lava Jato é que a revista Veja, com base em informação da Receita Federal, mostrou que houve depósito de Duran na conta de Rosângela Moro (6,7).

Creio que o rega-bofe não foi bem divulgado, pois, se fosse, com certeza não faltariam ovos e tomates: os ovos que recepcionaram o prefeito João Dória, na Bahia, e os tomates de Gilmar Mendes, em São Paulo (3,4)!

Fonte: