16.12.17

CONFRATERNIZAÇÃO DA FAMÍLIA CSB-RJ, 2018 SERÁ DE LUTA

ILUSKA LOPES -

As dirigentes Maria Bárbara da Costa e Lygia Maria Vieira Sampaio, com o editor e diretor da Tribuna da Imprensa Sindical, Daniel Mazola / Fotos: TIS.
Ontem (15), na capital fluminense, com a presença de diversas lideranças sindicais, ocorreu a confraternização de fim de ano da Central dos Sindicatos Brasileiros (CSB) da Seccional Rio de Janeiro. A ‘família CSB-RJ’ se reuniu no Hotel Vila Galé, na Lapa, para o tradicional almoço de fim de ano, durante o encontro, a presidente da CSB-RJ e secretária de Saúde da CSB-Nacional, Maria Bárbara da Costa, parabenizou a equipe pelo trabalho realizado em um ano de tantas adversidades e ataques aos direitos sociais.

Dirigentes e funcionários da Federação e do Sindicato dos Contabilistas do Município do Rio de Janeiro
Durante o almoço a TRIBUNA DA IMPRENSA Sindical teve a oportunidade de entregar para a Presidente do SINDICONT-RIO e da Federação dos Contabilistas, Lygia Maria Vieira Sampaio, o troféu e o certificado de ‘Destaque Sindical 2017’. A honraria foi concedida pela Tribuna da Imprensa Sindical, juntamente com a Ordem dos Advogados do Brasil, seção do Estado do Rio de Janeiro, uma inédita iniciativa com entrega de prêmios em Defesa do Movimento Sindical e Liberdade de Imprensa. Na ocasião, dia 7 de dezembro na sede da OAB-RJ, foram homenageados presidentes de diversos sindicatos e categorias em reconhecimento pelas boas práticas sindicais, lutas e solidariedade, geradas diante das dificuldades cotidianas.

Maria Bárbara da Costa, Claudemis Lopes da Cunha (presidente do SINDIERJ) e Iluska Lopes
A presidente da CSB-RJ, Maria Bárbara da Costa, uma das homenageadas na OAB-RJ, ressaltou que “2018 será de embate e enfrentamento. Com a efetiva e permanente mobilização das entidades sindicais teremos condições de reverter tudo isso, por mais difícil que possa parecer”, destacou a importância da formação política para barrar o retrocesso dos direitos dos trabalhadores. Após agradecer a homenagem da Tribuna, entregue em mãos pelo editor Daniel Mazola, a dirigente Lygia Sampaio, enfatizou que “o trabalhador precisa do sindicato, não vão conseguir acabar com nossas entidades representativas, com união venceremos em 2018!”.

Daniel Mazola, Bartolomeu França (diretor da CSB), Francisco Cláudio de Souza Melo (Presidente do SINFAERJ) e esposa
Sob a bandeira dos ideais progressistas na luta pelos direitos trabalhistas, pelo desenvolvimento econômico e social, os lutadores da CSB Rio estão imbuídos e conscientes da árdua tarefa que virá após a virada de ano, e do protagonista nesse enfrentamento. Parabéns aos aguerridos dirigentes da família CSB-RJ, seguiremos juntos em defesa dos trabalhadores do Brasil!

---
Leia também: