18.2.18

CRIVELLA CHEGA DO TOUR NA EUROPA E NÃO FOI PRESO... POR QUE NÃO ?

MIRSON MURAD -


É um absurdo, o "bispo" da seita do titio, Marcelo Crivella, abandonou a Cidade Maravilhosa de onde ainda é prefeito sem trabalhar (segundo ele mesmo, não está preparado para isso), e foi fazer turismo na Europa com dinheiro dos cofres públicos levando com ele alguns amigos. Essa não é a primeira vez que o Marcelo Pinóquio faz passeios turísticos no exterior com os impostos da Cidade. Sempre o mentiroso contumaz, cínico e debochado, declara que foi atrás de negócios para o Rio. Na volta, sempre, não presta contas e só o que se sabe é que desfrutou de "dolce far niente" às nossas custas.

A cidade do Rio de Janeiro, cujo prefeito é seu relações públicas maior, tendo recebido mais de 2 milhões de visitantes para as festas do carnaval, foi por ele abandonada. Da Europa, disse que eram uns poucos dias de folga mas que estava lá para buscar tecnologia para a segurança do Rio, quando na verdade a segurança compete ao governo do Estado. Visitou uma empresa de alta tecnologia e foi desmentido pela diretoria da indústria de que sua visita era particular, não oficial como declarava o Pinóquio "bispo", mesmo porque eles não exportam tecnologia. Na maior cara de pau, Marcelo Pinóquio e sua assessoria reafirmam que foi sim, visita oficial em busca de novas tecnologias. Alguém acredita nisso? Nem mesmo a loura burra... Marcelo Crivella chegou ao Brasil e foi ao encontro do Temer e do Pezão. Por que não foi preso por abandonar seu posto de prefeito num momento crucial e foi gastar na Europa os impostos do carioca?