12.3.18

1- VÍDEO: COMERCIANTES SE REVOLTAM AO TER BARRACAS DESTRUÍDAS NA VILA KENNEDY; 2- NAS REDES, PERRELLA DIZ QUE AVIÃO APREENDIDO COM COCAÍNA NÃO É DELE

REDAÇÃO -


Uma foto emblemática tem causado revolta neste fim de semana: um casal se ajoelha diante de seu quiosque para evitar a derrubada na Vila Kennedy, zona oeste do Rio de Janeiro, numa operação de ordenamento urbano da prefeitura (veja aqui). "É o meu único ganha-pão. Tudo que eu quero é ter uma vida digna", desabafou Leonardo, dono do quiosque.

Quiosques e barracas localizados na Praça Miami foram derrubados mesmo sob protestos. Alguns comerciantes se arriscaram diante das máquinas para tentar salvar seus produtos. A operação se deu num momento em que as Forças Armadas desenvolve ações na comunidade, que fica às margens da Avenida Brasil.

"Fui camelô durante dois anos na Vila Kennedy e a legalização da minha barraca e das 52 que foram encontradas com ilegalidades sempre foi uma utopia. Queremos resposta!", postou nas redes sociais Carol du Pré. O usuário Jefferson Xarutin manifestou apoio aos comerciantes. "Vergonhoso o que fizeram na Vila Kennedy. Os moradores precisando de luz e saneamento básico. O governo faz o que? Destrói as fontes de renda deles".

Após a repercussão negativa da operação, o prefeito Marcelo Crivella divulgou nota admitindo "excessos". Ele disse ter constatado que "houve uso desproporcional da força, atingindo também desnecessariamente trabalhadores". O texto diz que, além das irregularidades no comércio, havia denúncias de atividades criminosas tais como venda de drogas e de carga roubada. Informa ainda que a operação foi um pedido da Polícia Militar, o que foi confirmado pela corporação. (via Rio247, com informações da Agência Brasil e do perfil @VilaKennedy)

***
Nas redes, Perrella diz que avião apreendido com cocaína não é dele
1-Aos engraçadinhos de plantão q nunca tiveram interesse em se informar sobre o desfecho do episódio envolvendo helicóptero de minha propriedade, assim como grande parte da mídia, que não quis divulgar fatos como a prisão da quadrilha, inquérito policial, escutas telefônicas,etc, https://twitter.com/g1/status/971144515422752768 

2-Segue, nos próximos twitts algumas documentações que, mais uma vez, calam meus detratores e informam aqueles carentes de informação. https://twitter.com/g1/status/971144515422752768