9.4.18

CREA-RJ PROMOVE AUDIÊNCIA PÚBLICA SOBRE PRIVATIZAÇÃO DO SETOR ELÉTRICO

GABRIEL FRÓES -


Nesta segunda-feira (09/04), a partir das 18h, o auditório da sede do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Rio de Janeiro (CREA-RJ) será palco de uma audiência pública sobre a privatização do setor elétrico. O evento é uma iniciativa da própria entidade e tem o objetivo de fomentar o debate sobre a privatização do setor elétrico, em especial sobre a privatização da Eletrobras (Projeto de Lei 9463/18), em reunião pública, transparente e com ampla discussão entre os vários setores da sociedade e as autoridades públicas.

Os debatedores convidados para o evento são: o Presidente do CREA-RJ, Eng. Luiz Antonio Consenza, do ex-presidente da Eletrobras, José Luiz Alqueres, do professor do Instituto de Economia da UFRJ, Ronaldo Bicalho, e do diretor da Associação dos Empregados de Furnas (ASEF), Eng. Felipe Araújo. O mediador do encontro será o Engenheiro Civil Artur Obino Neto, Diretor de Atividades Técnicas do Clube de Engenharia.

Segundo o engenheiro Felipe Araújo, “este espaço será uma arena técnica muito importante para o assunto, pois os resultados dos debates podem influenciar as esferas políticas com a base técnica necessária para analisar a privatização da Eletrobras e suas consequências”.

Os Conselhos de Engenharia de várias regiões do país já se mostraram contrários à privatização da Eletrobras, a exemplo do CREA-MG e do CREA-AM, que divulgaram cartas abertas com suas posições sobre o assunto. Na mesma esfera, de órgãos que representam determinados segmentos profissionais, o Conselho Federal de Economia (CONFECON), órgão que abriga 18 Conselhos Regionais e fiscaliza a atividade profissional de cerca de 230 mil economistas no Brasil, divulgou uma “Carta Aberta aos Brasileiros” na última sexta-feira (06/04), na qual demonstra claramente o temor pela venda, entre outros recursos, “da Eletrobras e, consequentemente, da parte da matriz energética derivada das hidrelétricas”, visando atender interesses específicos. (informações do jornalista Antonio Mello)