10.5.18

A LAVA JATO, JUSTIÇA, STF, PGR, NÃO PRENDEM AÉCIO NEVES. SERÁ POR CUMPLICIDADE OU MEDO?

EMANUEL CANCELLA -


O ministro Alexandre de Moraes mandou a ação de Aécio para os “Juízes Amigos” de Minas Gerais (7). Vão usar a mesma fórmula do ex-governador de MG, o tucano Eduardo Azeredo, cuja ação do mensalão tramita há mais de 20 anos e Azeredo continua livre graças a esses “juízes amigos” de Minas Gerais. Os mesmos que agora vão acudir Aécio, corrupto inconteste e reincidente em ameaças de morte.

Mesmo que Azeredo venha a ser condenado, os crimes a ele imputados já prescreveram.

Aliás, o mensalão é herança do ministro Joaquim Barbosa que julgou o do PT, mas o do PSDB, anterior ao do PT, está prescrevendo sem julgamento.

E a defesa de Azeredo já fala em imputabilidade, pois ele já tem mais de 70 anos, aliás isso não valeu para José Dirceu, Almirante Othon e Lula.  Mas vale para tucano!

É dureza para os golpistas manter Lula preso sem qualquer prova, enquanto os tucanos se revelam, não um partido, mas uma facção criminosa.

Tem tucano (Aécio e Aloysio Nunes) envolvidos em tráfico de drogas;  no roubo da merenda (Geraldo Alkmin). O tucano Pedro Parente faz a entrega da Petrobrás aos gringos, principalmente no favorecimento criminoso a acionistas americanos  de R$ 10 BI, e, por outro lado, faz o massacre financeiro de até 13% no contracheques de todos os petroleiros brasileiros, o que está levando aposentados à morte.

Mas a quadrilha tucana fica incólume porque conta com aval da Lava Jato que foi supimpa também no escândalo do Banestado, chefiado pelo Moro. Em ambos os escândalos,  Banestado e Lava Jato, apesar das provas equivalentes a “Baton na Cueca” nenhum tucano foi preso (2 a 6,8).

Fonte: