11.6.18

KIM JONG UN JÁ ESTÁ EM SINGAPURA PARA ENCONTRO COM TRUMP

LUCAS RUBIO -


Na manhã deste dia 10 de junho, o Marechal KIM JONG UN, Presidente do Comitê de Estado da República Popular Democrática da Coreia, partiu da capital do país, Pyongyang, rumo à Singapura, país no sudeste asiático que será palco do histórico encontro entre o líder norte-coreano e o líder estadunidense Donald Trump. No aeroporto de Pyongyang, ocorreu uma cerimônia de despedida ao líder. Para o encontro, ele está levando consigo uma delegação de importantes autoridades da República, inclusive sua irmã, Kim Yo Jong. KIM JONG UN partiu em um avião da empresa aérea estatal da China - a Air China.

Pela tarde, por volta das 15h, o avião levando o Marechal da Coreia pousou no Aeroporto Internacional Changi de Singapura. Para recepcionar o líder coreano, estavam presentes importantes ministros de Singapura, inclusive o Ministro das Relações Estrangeiras Vivian Balakrishnan.


Depois, o Marechal KIM JONG UN foi de carro até o palácio presidencial, onde se encontrou oficialmente com o primeiro-ministro singapurense Lee Hsien Loong. KIM JONG UN escreveu no livro de visitas do palácio e teve conversações com o líder de Singapura. O Marechal disse que estava muito alegre em sua visita a magnífica e bela República de Singapura e deu suas saudações e desejos sinceros de sucesso ao governo e ao povo singapurense. Além disso, KIM JONG UN agradeceu profundamente a cooperação sincera de Singapura, que ofereceu todas as condições e comodidades para a histórica cúpula entre Estados Unidos e Coreia do Norte.

Encontro com o primeiro-ministro de Singapura
O primeiro-ministro singapurense agradeceu o fato da RPDC ter eleito Singapura como a sede da cúpula e expressou a esperança de que o encontro sirva como uma importante oportunidade para se alcançar a paz e estabilidade na Península Coreana.

Entre as conversações, trataram de temas para se manter a boa relação entre os dois países, para se estreitar a amizade e o intercâmbio e aumentar a cooperação entre ambas as partes.

Dentro de poucas horas, KIM JONG UN e Donald Trump se encontrarão.

* Lucas Rubio - Presidente do Centro de Estudos da Política Songun-Brasil, colaborador do site TRIBUNA DA IMPRENSA Sindical - com informações da Agência Central de Notícias da Coreia - KCNA.