8.7.18

A INGLATERRA NO CAMINHO DO SEGUNDO TÍTULO

HELIO FERNANDES -


Eliminou a Suécia facilmente, 2 a 0, facilitou. Desde 1966 quando ganhou em casa, voltou a ser personagem. Tem um futebol prestigiado. Grandes jogadores disputam seu campeonato. Os dois técnicos mais famosos do mundo, trabalham lá. Guardiola no Manchester City, e Mourinho, no Manchester United. Lógico, não são ingleses, contratados por fortunas.

Faltam duas vitórias. A primeira tem que ser obtida na quarta contra a Croácia. Depois de 52 anos, é o mais perto que a Inglaterra chega do título.

RÚSSIA, ANFITRIÃ DA ZEBRA

O titulo vale tanto para o dono da casa quanto para o visitante. Mas a Rússia, desacreditada, ninguém imaginava que fizesse caminhada tão longa, perto de chegar á semifinal, merecidamente.

1 a 1 no primeiro tempo. 1 a 1 no segundo, com a Croácia empatando no final. Com o jogador da Rússia, tolamente fazendo uma falta na beira da área. Levando o jogo para a prorrogação, para um pênalti perdido, e a eliminação injusta, inadequada, desarrazoada.

Agora, ou melhor, terça, França e Bélgica numa semifinal. No dia seguinte, a outra, Inglaterra e Croácia.

PS- Que final iremos assistir no domingo 15? Mesmo pela televisão, tem tudo para ser ou não espetáculo. Mesmo ou apesar do Putin, preferiria a Rússia.