20.7.18

PLANOS DE SAÚDE ASSALTAM O CLIENTE, ACUMPLICIADOS COM A ANS

HELIO FERNANDES -


É a maior polemica provocando revolta geral. São 45 milhões de pessoas dependentes desses Planos enriquecidos, e cada vez mais exploradores. Aumentam desabridamente os preços, protegidos pela Agencia Nacional de Saúde (ANS).

O presidente desse órgão autoriza os aumentos absurdos. E diante dos protestos coletivos, tem a audácia e imprudência de afirmar: "A Agencia de Saúde não é órgão de defesa do consumidor". Espantoso.

Insistindo nos aumentos abusivos, consultaram a inútil Advogada Geral da União, que afirmou: "Não ha nenhuma inconstitucionalidade nesses aumentos". Ela só defende o presidente corrupto e usurpador, abandonando a União.

A Datafolha fez pesquisa sobre o assunto, publicou o resultado: "96% dos clientes têm queixas contra os Planos". Não poderia ser de outra forma, os Planos só se interessam por dinheiro. Para quem apelar?

OS MARAVILHOSOS ADOLESCENTES DA TAILANDIA

Protagonistas do fato que emocionou e comoveu o mundo, ficará inesquecível para sempre. O drama quase tragédia, desencadeou um Movimento de solidariedade que empolgou milhões, liberando o que a Humanidade tem de melhor. Mas mostraram que são predestinados. No dia em que saíram do hospital, deram entrevista coletiva para mais de 600 jornalistas do mundo todo.

Espetáculo de simpatia, grandeza, desprendimento, simplicidade. Personalidade. Contaram o que aconteceu nos 10 dias em que ficaram perdidos e isolados, e sem arrogância, ou pose de heroísmo. Já surgem sinais de interesse num filme, obrigatório.

VACÂNCIA NA PRESIDÊNCIA

Pela segunda vez, e por 3 dias cada, Carmen Lucia troca a presidência do STF, pela presidência da Republica. Os substitutos naturais, seriam o presidente da Câmara ou do senado. Se assumissem, não poderiam disputar a reeleição. Então arranjaram uma viagem oficial, com tudo pago pelo Congresso.

A partir de setembro, quem substitui o presidente usurpador, é o ministro Toffoli. Não devia estar no STF é alçado á presidência da República.

Em 1964, Castelo Branco tentava assumir como "presidente" eleito pelo Congresso. Fez tudo para enganar Juscelino. Um dia, na casa do deputado Joaquim Ramos, (irmão do Nereu), convidou José Maria Alckmin (que estava presente) para ser seu vice. Ele aceitou e assumiu.

4 meses depois, Castelo viajou, o vice Alckmin teve que ir dormir 5 dias num motel do Paraguai. Para não assumir!!!