24.8.18

1- PT CONVIDA E PSB DEVE OCUPAR COORDENAÇÃO DA CAMPANHA DE LULA E HADDAD, DIZ JORNAL; 2- INSTITUTO PEDE PARA TSE PROIBIR PESQUISAS ELEITORAIS COM O NOME DO LULA

REDAÇÃO -


Texto de Catia Seabra na Folha de S.Paulo informa que, consumado o acordo que levou o PSB à neutralidade nas eleições, a presidente nacional do PT, senadora Gleisi Hoffmann (PR), convidou o partido a integrar a coordenação geral da campanha do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva à Presidência.

De acordo com a publicação, apesar de uma tendência favorável à oferta, o presidente nacional do PSB, Carlos Siqueira, informou que ainda consultará outros integrantes do partido sobre a proposta antes da decisão.

“Fomos convidados para indicar um representante do PSB na coordenação da campanha do PT. Vamos decidir até o final do dia de amanhã [sexta-feira, 24]”, afirmou Siqueira, completa a Folha.

***
Instituto pede para TSE proibir pesquisas eleitorais com o nome do ex-presidente Lula

Reportagem de André de Souza e Daniel Gullino no Globo informa que o Instituto Democracia e Liberdade (IDL) entrou com um pedido nesta quinta-feira para o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) proibir a divulgação de pesquisas que incluam o nome do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) entre os candidatos. O instituto argumenta que a inclusão de Lula nos levantamentos “viola a segurança jurídica das eleições”.

De acordo com a publicação, o IDL quer que também sejam proibidas a divulgação de pesquisas que “incluam o nome de candidatos que se encontrem em situação idêntica ou análoga” à de Lula. O pedido, no entanto, não vale para levantamentos internos. O instituto quer que a proibição seja aplicada a quatro institutos: Ibope, Datadolha, Paraná Pesquisas e Vox Populi.

Nessa semana, pesquisas do Ibope e do Datolha mostraram Lula na liderança da disputa presidencial (com 37% e 39%, respectivamente). O processo foi distribuído para o ministro Tarcisio Vieira de Carvalho Neto, completa o Jornal O Globo. (via DCM)