24.12.18

CHUVAS FORTES NO VERÃO CARIOCA DE 50 GRAUS

ALCYR CAVALCANTI -

Um temporal caiu sobre a cidade do Rio de Janeiro bem na véspera do Dia de Natal, afugentando os compradores de última hora. O comércio que pensava faturar pelo ano todo nos dias de festas teve de amargar mais um prejuízo em um ano de recessão.

A diversão favorita dos cariocas, a praia, hoje (24) não deu para celebrar. As praias ficaram desertas para tristeza de centenas de ambulantes que iriam fazer as férias de Natal.


Saiba mais:

RIO DE JANEIRO É ATINGIDO POR CHUVA FORTE E ENTRA EM ESTADO DE ATENÇÃO

Via EBC - Com chuva forte no começo da tarde de hoje (24), a cidade do Rio entrou em estado de atenção. Segundo o serviço Alerta Rio, da prefeitura, pancadas de chuva de intensidade moderada a forte vão atingir as zonas norte, sul e centro da cidade nas próximas horas.

Os núcleos de chuva moderada a forte são causados pela passagem de uma frente fria pelo oceano. Segundo a prefeitura, a formação da Zona de Convergência de Umidade (ZCOU) deixa o tempo instável. “Há previsão de pancadas de chuva nos períodos da tarde e noite, podendo apresentar intensidade forte e descargas elétricas. As temperaturas estarão em declínio”, informou nota do Alerta Rio.

Para amanhã (25), Dia de Natal, a umidade do oceano continua a ser transportada em direção ao continente, com atuação de uma Zona Convergência de Umidade sobre a Região Sudeste, o que deve manter o céu nublado a encoberto, com previsão de chuva moderada a forte no período, além de ventos moderados e temperaturas amenas.

A nota informa também que para quarta-feira (26) a previsão é de céu nublado, com chuva fraca na madrugada e de manhã, ventos com intensidade fraca a moderada e temperaturas estáveis. “Destaca-se que os modelos numéricos de previsão do tempo indicam maiores acumulados de chuva entre a tarde de hoje e a noite dessa terça-feira”.

Segundo o Centro de Operações da prefeitura, os locais mais atingidos pela chuva no momento são: São Cristóvão, com acumulado de 23,8 milímetros na leitura das 12h30, Saúde, com 16,4 mm, e Vidigal, com 12,6 milímetros no período.

Sul fluminense - Em Angra dos Reis, a previsão é de chuva moderada a forte para hoje, mas até o momento não houve nenhuma ocorrência. Ontem, Volta Redonda registrou alguns transtornos causados pela chuva forte, mas sem vítimas nem famílias desabrigadas.

Segundo a Defesa Civil do município, foram registrados em Volta Redonda dois deslizamentos de terra, dois alagamentos, uma queda de árvore e uma enxurrada. Os pluviômetros da cidade registraram ontem o total de 42  e 62 mm. Hoje não choveu na cidade, a prefeitura já fez a limpeza necessária e a situação está normalizada.

Em Barra Mansa, houve transbordamento do Córrego Secades, que atingiu 18 imóveis, desalojando cinco famílias.