5.12.18

JUIZ SERGIO MORO VIRA MINISTRO DA JUSTIÇA PRENDENDO LULA SEM PROVAS E FAZENDO CAMPANHA PARA BOLSONARO!

EMANUEL CANCELLA -

Palocci que Moro vazou as véspera da eleição foi recusada pelo Ministério Público por falta de provas (2).


O juiz Sergio Moro, do alto da sua soberba, é daqueles juízes que não têm dúvida, pois ele  já tem certeza que é um deus.

Aliás, Moro não é mais juiz, é ministro da Justiça de Bolsonaro, candidato que apoiou nas eleições, e não foi fazendo boca de urna, foi vazando pessoalmente a delação premiada de Lula e Dilma, a 5 dias da eleição.

Detalhe é que essa delação premiada vazada para imprensa era de Antônio Palocci e estava proibida pelo MPF, por falta de provas (2).

Aliás, essa tem sido uma prática da Lava Jato chefiada por Moro, pois também saiu da Lava jato, às vésperas da reeleição de Dilma, a falsa informação de que Lula e Dilma sabiam da corrupção na Petrobrás. Essa fake News virou capa da revista Veja e foi notícia do Jornal Nacional da Globo. Na ocasião, o TSE havia proibido a divulgação da farsa, mas o que representa a justiça para a Globo e Veja (1)?

“Reportagem da semana passada diz que Youssef afirmou que "Lula e Dilma sabiam de tudo"; eis, no entanto, o que aponta Figueiredo Basto: "Não houve depoimento no âmbito da delação premiada. Isso é mentira” (3).

Moro agora voltou a defender o futuro ministro de Bolsonaro, seu colega de governo, o deputado do DEM/RS,  Onyx Lorenzoni, réu confesso de caixa dois.

Sérgio Moro, que considerava o caixa 2 crime pior do que o de corrupção, disse que o "perdoava" (4).

E Lula está preso por Moro, sem provas, com base só em convicção pessoal, num claro intuito de favorecer a candidatura de Bolsonaro. Aliás, pesquisas do Ibope consideravam Lula vitorioso já no primeiro turno (5). Por isso Moro, pelos serviços prestados, foi agraciado com a pasta de ministro da Justiça.

Hoje, 04/12/18, tem mais um julgamento no STF de Lula, na verdade uma grande farsa já que Lula nunca deveria estar preso. Quem prendeu Lula foi o juiz Sérgio Moro, com aval do STF, e ajuda da mídia, principalmente a Globo.

Nunca conseguiram provas materiais contra Lula e sua prisão se deu por convicção, coisa inédita em nossa Justiça! E Lula ainda perdeu sua liberdade por condenação em segunda instância, contrariando a Constituição Federal.

Só quem poderá libertar Lula é a mobilização popular. A mesma que derrubou a ditadura militar, que garantiu as “Diretas Já!” e tirou Fernando Collor do poder.

Moro agora não é mais juiz, é politico, ministro de Estado. Se os juízes são deuses, ou quase isso, os políticos são chamados de bandidos. Na verdade nem todo juiz é Nicolau dos Santos Neto, também conhecido como Lalau, e nem todo politico é Eduardo Cunha. Existem honrosas exceções!

Mas alguém tem que lembrar Moro do seguinte ditado: ‘A mão que afaga é a mesma que apedreja!”

Fonte: