28.2.19

A MINISTRA DAMARES ALVES, NA ONU, REPRESENTANDO O BRASIL, É O FIM DA PICADA!

EMANUEL CANCELLA -


Essa ministra acusou, levianamente, Fernando Haddad, ex-ministro da Educação e candidato à presidência, de distribuir nas escolas o KIT Gay (4).

Em vídeo, a ministra denunciou o KIT Macumba que estaria sendo distribuído nas escolas que seriam velas, sapos de boca aberta e o livro ‘O Diabo é Meu Amigo’ (5,6).

A ministra disse que, na Holanda, os pais masturbam as crianças a partir dos 7 meses de nascença (2).

A revista Época acusa Damares de sequestro e tráfico de crianças indígenas (3).

Damares não precisa de carteirinha para dizer que é doida. Aliás, louco precisa de tratamento e carinho. Entretanto, mandar nos representar na ONU, a filosofa que viu Jesus na goiabeira, é dose!

Aliás, Damares é pastora evangélica. Na igreja católica, o Papa Francisco tem feito uma limpeza nos adeptos da pedofilia. E nos evangélicos, não existe expulsar quem faz apologia à pedofilia?  Com todo respeito aos pastores evangélicos como o saudoso amigo deputado Lysâneas Maciel (8).

Minha preocupação é que o Alexandre Frota, artista pornográfico, é deputado federal e indicado por Bolsonaro para atacar a Globo (7). Creio que a Globo e Frota se merecem, mas já pensou Bolsonaro mandar Alexandre Frota nos representar no exterior?

Aí, eu prefiro a Damares!

Fonte: