27.2.19

BRASIL ENXOVALHADO, POVO HUMILHADO

MIRSON MURAD -


A presença de certas pessoas em cargos públicos de relevância permite ao mundo fazer chacota com a nação brasileira. O povo fica humilhado e pede, reclama, exige que o presidente Jair Messias Bolsonaro troque alguns de seus ministros. O ocupante do ministério do Turismo não pode ficar no cargo pois, com seu laranjal, compromete a campanha eleitoral que elegeu o capitão. A ministra azul e rosa, a mesma que conversa com Jesus Cristo em uma goiabeira só abre a boca para proferir asneiras. O ridículo ministro do meio-ambiente evidenciou sua completa ignorância sobre a matéria ao ignorar Chico Mendes. O agraciado com a pasta da Educação, o alienígena, precisa ser - urgentemente - defenestrado da cadeira.Slogan de campanha é proibido por lei em atividades públicas pó-eleição, criancinhas não podem ser obrigadas a cantar e serem filmadas por determinação do ministério. E, para não dizer que não falei de flores, o guru presidencial escreve que a Terra é plana. O ministro da Economia ameaça o Congresso (aperte os deputados, disse ele) e, em palestra na FIRJAN debochou dos empresários presentes com um Ó!Ó!Ó de desprezo. Capitão, capitão! Bota essa cambada para correr. Faça isso, capitão!