22.5.19

QUEM AGUENTA ESTE PAÍS?

WILSON DE CARVALHO -


Depois de nove anos de espera na fila do INTO, no Rio, para a troca da prótese no quadril, idoso de 64 anos morre. De nada adiantou o seu pedido de socorro, chorando, em entrevista na TV. Na mesma fila, mais de 12 mil pessoas também podem aumentar os números do extermínio na área da saúde. O Instituto Nacional de Traumatologia e Ortopedia, vale lembrar, foi um dos hospitais mais roubados pela turma do Cabral. Enquanto isso, o mercado de hospitais de luxo cresce em São Paulo, longe da crise econômica.

Supervia

Com um contrato feito pelos corruptos do governo passado, a Supervia (Odebrecht) só tem a obrigação de faturar. Colocar seguranças? Hahahahaha! E o atual governador, que deveria rever também o contrato com o MetrôRio, além de verificar a péssima administração, já demonstrou que não é chegado a pobre. São muitas as cláusulas não cumpridas. Observem o estado deplorável da estação TOMBADA Central do Brasil. Também as passarelas, tudo errado, inclusive o preço abusivo da passagem. As concessionárias estão à vontade, pois se o atual governador não é corrupto, é omisso...