DANIEL MAZOLA

http://www.abi.org.br/?s=Daniel+Mazola


1º DE MAIO É DIA DE COMBATE E RESISTÊNCIA EM TODO MUNDO

O Dia do Trabalhador é uma conquista da Luta da Classe Operária que impôs aos patrões e classe dominante um dia de Greve Geral para lembrar os mártires da luta dos trabalhadores.


Hoje, nos cinco continentes, as bandeiras de luta contra a exploração e a agressão imperialista estarão erguidas! É Dia 1º de Maio, saúdo vigorosamente as trabalhadoras e os trabalhadores do Brasil e do Mundo. 1º de Maio é dia de combate e resistência!

A classe trabalhadora tem muitos motivos para não considerar esse 1° de Maio como dia de festa, e sim como dia de luta. O ataque neoliberal do desgoverno Temer aos Direitos Trabalhistas e os acontecimentos da última sexta-feira, quando as forças de segurança e repressão do 'Estado Autoritário de Direita' agrediram manifestantes, reafirmam nossa Resistência, Combate e Luta. Essa é uma data tradicional de mobilizações em todo planeta, mas que neste momento adquire um caráter específico no Brasil diante dos ataques que os trabalhadores vêm sofrendo, sem precedentes na História Moderna do país.

"O crime de rico, a lei o cobre
O Estado esmaga o oprimido
Não há direitos para o pobre
Ao rico tudo é permitido
À opressão não mais sujeitos
Somos iguais todos os seres
Não mais deveres sem direitos
Não mais direitos sem deveres"

IMAGEM HISTÓRICA DO 1º DE MAIO NO BRASIL



Recordar é reafirmar a luta. “O 1º de Maio de 1919 foi uma manifestação sem precedentes no Rio de Janeiro. A polícia e o governo ficaram preocupados seriamente. Na Avenida Rio Branco, cheia desde a Praça Mauá até a Praça Floriano Peixoto, havia várias tribunas, onde oradores anarquistas defendiam as suas doutrinas sociais, sem o menor constrangimento. Essa grande massa humana, ao longo da Avenida, dava vivas à liberdade e à igualdade. Como a polícia limitou-se, apenas, a observar sem nenhuma interferência ou restrição, as manifestações terminaram em paz. Floresciam, então, as associações operárias. A polícia fechara a Federação (Operária), mas havia o Centro Cosmopolita, a União dos Tecelões, a União dos Operários em Construção Civil, a dos Sapateiros, as duas últimas na Praça da República 45.” (por Edgar Rodrigues).

OS MÁRTIRES DE CHICAGO

Em 1886, grandiosas batalhas operárias ocorreram no estado de Chicago, nos EUA, pelo direito a 8 horas de trabalho, 8 horas de repouso e 8 horas para outras atividades.

O aparato repressivo do 'Estado Autoritário de Direita' reprimiu aquela luta violentamente e, após uma farsa de julgamento, condenou e enforcou os dirigentes operários Adolph Ficher, Albert Parsons, August Spies e George Engel. Louis Lingg morreu na prisão. Michael Schwab, Oscar Neebe e Samuel Fielden, condenados à prisão perpétua, foram libertados anos depois devido a enorme pressão popular. Isso é LUTA DE CLASSES e História pura.

Sigamos sem temor, até a vitória final!





***






SANGUE, SUOR, LÁGRIMAS E O TRIUNFO DA GREVE GERAL [VÍDEOS]


Nada pode ser tão estúpido quanto ver trabalhadores a serviço das elites golpistas atacando violentamente outros irmãos da classe trabalhadora. E ainda somos obrigados a ver a "recatada" esposa de Sérgio Cabral tranquila em casa, Eike Batista, agora solto, gozando as gargalhadas e usufruindo de tudo que pilhou do Brasil, mas para os vermes da mídia golpista e seus patrões, o povo que está nas ruas não passa de baderneiros, vândalos, vagabundos, arruaceiros ou bandidos! Temos certamente a imprensa mais reacionária do mundo.

Ainda não consigo descrever bem o sentimento de hoje, mas tenho certeza que a GREVE GERAL foi um retumbante sucesso em todo o país. Aqui no Rio de Janeiro, a TRIBUNA DA IMPRENSA Sindical esteve presente acompanho todos os fatos. Até mesmo a grande imprensa internacional, todos direitistas, são unanimes em dizer que a mobilização de ontem, foi demonstração de força da classe trabalhadora e sucesso total.

A covardia desmedida das forças de segurança começou como tem sido costume, na ALERJ. Desde muito jovem me envolvi em movimentações políticas. Comecei ainda na década de 80 e de lá pra cá, muitos atos, manifestações, passeatas... O que vimos de violência e truculência hoje no centro do Rio é algo indescritível.

O repórter Roger Mcnaught partiu para a ALERJ (confira a matéria) onde havia um grupo desde cedo, eu e Iluska Lopes fomos para a Cinelândia acompanhar e cobrir os acontecimentos por lá. Havia uma multidão que só seria possível dimensionar do alto dos prédios, mas certamente eram centenas de milhares, todos cumprindo o dever cívico e revolucionário de romper com as políticas neoliberais do nefasto usurpador Temer.

José Trajano e Daniel Mazola / Fotos: Iluska Lopes
Em 2013 e 2014 nossa equipe cobriu diversas passeatas, mas a de ontem foi das piores e mais covardes. Por volta das 17h30 estávamos conversando com o jornalista José Trajano (foto acima), assim que nos despedimos dele começou o escracho, a truculência e covardia sem limites. Pareciam capitães do mato caçando escravos, a PMERJ não permitiu mais que ninguém se manifestasse, foram dezenas ou centenas de bombas vindas de todos os lados para dispersar a multidão (crianças, mulheres, senhoras, idosos, cadeirantes, estudantes, sindicalistas, brasileiros de todos os matizes). As bombas explodiram nas Avenidas Primeiro de Março e Rio Branco, Candelária, Carioca, Cinelândia, Lapa, Glória, Bairro de Fátima, Praça Tiradentes, até onde vimos e sabemos...

Quebrar vidraças de bancos e incendiar ônibus é apenas reflexo, revolta pelo fim dos direitos trabalhistas e da aposentadoria básica, isso para falar o mínimo. Antes de percebermos que não haveria alternativa a não ser correr, gravei dois vídeos, observe como os cidadãos correm passando mal, cobrindo olhos e boca em função das bombas de gás. Da Cinelândia, precisamos seguir até o Largo do Machado, o Metrô fechou as portas. No caminho fui conversando com manifestantes e conhecidos que encontrava, todos chocados com nossa "democracia", querendo apenas se manifestar sem saber como. Uma das frases que não saem da cabeça foi essa: "Se a polícia, no Centro da cidade, fez o que fez, observada o tempo inteiro por milhares de pessoas com celulares em punho, imagina o que não deve ser feito nos morros e favelas do Rio de Janeiro".
Raysa Lima, Iluska Lopes e membros da Auditoria Cidadã da Dívida / Foto: Mazola
É fundamental continuarmos pressionando nas ruas, trabalhadores, sindicatos, movimentos sociais, servidores, estudantes, aposentados, todos, temos que agendar nova manifestação já! Na batalha vamos garantir que não se rasgue os direitos conquistados com muito sofrimento, suor e lágrimas. As contrarreformas perversas do desgoverno Temer, dos barões da mídia, banqueiros, grandes latifundiários e multinacionais serão derrotadas nas ruas através da pressão popular, com violência, ou não.

Outros dias virão, amanhã vai ser maior, sigamos sem temor, até a vitória final!






***







CARLOS CHAGAS, PRESENTE!

Carlos Chagas, Helena Maria de Freitas Chagas e a mãe / Reprodução Google.
A imprensa está de luto. Carlos Chagas era um dos nomes mais experientes do jornalismo brasileiro. Formado em Direito pela PUC-RJ, foi professor na Faculdade de Comunicação da UnB por 25 anos. Ocupou diversos cargos em alguns dos principais veículos do país. Durante quase 30 anos devorei seus artigos diariamente, sentiremos muito sua falta.

Ele foi um grande exemplo para nós, filhas, e para uma geração inteira de jornalistas por sua seriedade, integridade, amor pela notícia e pela profissão. Foi um apaixonado pelo jornalismo e pelo nosso país. Infelizmente perdi um grande pai”, disse a filha do jornalista por meio do Facebook, à ex-ministra Helena Chagas, que comandou a Secretaria de Comunicação Social no primeiro governo Dilma Rousseff.  “Amigos, meu pai, jornalista Carlos Chagas, acaba de falecer. Era a melhor pessoa que conheci nesse mundo”.

Nasceu em Três Pontas, Minas Gerais, no dia 20 de maio de 1937. Além de Helena Chagas, era pai da Promotora de Justiça do Distrito Federal, Claudia Maria de Freitas Chagas, que também exerceu o cargo de Secretária Nacional de Justiça, do Ministério da Justiça, na gestão do Ministro Márcio Thomaz Bastos. Ocupou diversos cargos em veículos como O Globo, O Estado de S. Paulo, Tribuna da Imprensa, SBT, Manchete, Rede TV, CNT, entre outros. Era colunista em 12 jornais, blogs e sites, incluindo nossa Tribuna da Imprensa Sindical.

Ele também era autor de livros, como A ditadura militar e os golpes dentro do golpe: 1964-1969, em que relata o período que trabalhou como assessor de imprensa da Presidência da República no governo do general Costa e Silva. Segundo artigo do jornalista Carlos Newton: “Carlos Chagas recusou o convite de Costa e Silva, mas nós o convencemos a aceitar…”.

Nos últimos anos, após Silvio Santos tirar todos os comentaristas dos noticiários de sua emissora, Chagas saiu do SBT e migrou para a rede CNT, mas logo depois foi substituído pela programação evangélica. Dessa forma, o jornalista anunciou sua despedida da TV, em dezembro de 2016.

Certamente o professor e jornalista Carlos Chagas deixa uma enorme lacuna na imprensa brasileira, que jamais será preenchida. Durante o mês de Maio iremos reproduzir seus melhores artigos.

Carlos Chagas, Presente!




***





ENTREVISTA – “DIA 28 É NA RUA! ESTAMOS EM ESTADO DE GUERRA CONTRA AS ELITES E O DESGOVERNO” EUSÉBIO PINTO NETO, PRESIDENTE DA FENEPOSPETRO E DO SINPOSPETRO-RJ [VÍDEO]

Diretoria conclama para a GREVE GERAL na próxima sexta-feira.
Diante dos abomináveis ataques perpetrados pelo usurpador Michel Temer a serviço do grande capital, o presidente da Federação Nacional dos Frentistas (FENEPOSPETRO) e do SINPOSPETRO-RJ, EUSÉBIO LUIS PINTO NETO, recebeu este editor na nova sede do Sindicato dos Trabalhadores em Postos de Combustíveis do Rio de Janeiro, para conclamar todos a irem às ruas na sexta-feira (28). “É preciso comprometimento de todos os sindicatos do país, adesão de todos os brasileiros aos protestos. A classe trabalhadora precisa entender que estamos em guerra contra esse governo e contra as elites”.

A categoria dos trabalhadores em postos de combustíveis do RJ já pode usufruir de mais de 400 m² da nova sede, localizada na Rua Professor Manoel de Abreu, nº 850, em Vila Isabel, Zona Norte da capital fluminense. “O sindicato cresceu muito em 12 anos (2005) de existência, consequentemente as demandas também cresceram, a construção da nova sede teve como objetivo atender melhor e trazer mais conforto para o trabalhador, além de criar novos departamentos. Contamos com consultórios médicos e odontológicos modernos, equipados de acordo com todas as exigências, além do departamento jurídico”, informou o dirigente da entidade.

O sindicalista observa que para entender melhor a gravidade da crise que estamos vivendo hoje, precisamos voltar um pouco no tempo. “O Brasil desde sua colonização vive nas mãos da elite, que chegou aqui, escravizou, e roubou os índios. Quanto a esse aspecto, temos até hoje uma elite destrutiva, que não pensa em projeto de nação apenas na exploração com a mesma lógica escravocrata (...) hoje nosso país é o paraíso dos rentistas e empresários sonegadores”.



“O País foi tomado pelo grande capital para implantar uma política neoliberal e o governo popular foi substituído por um governo entreguista explorador. O capital selvagem quer acabar com todas as conquistas dos trabalhadores, isso é um grande retrocesso, uma imposição dos banqueiros e das multinacionais (...). Após derrotas sucessivas, a elite se reorganizou para dar um golpe, cooptando os poderes legislativo, judiciário e a mídia. Querem tirar (o dinheiro) os direitos e bem estar social dos trabalhadores para transferir tudo aos grandes capitalistas: rentistas, banqueiros, seguradoras, donos da Globo, etc”.

Segundo o presidente, mesmo numa conjuntura de ataques do capital selvagem, nossa boa legislação trabalhista e a atuação do movimento sindical tem garantido proteção ao trabalhador. “Ainda vemos no Brasil a fiscalização libertar trabalhadores escravos nos centros das grandes cidades como São Paulo e Rio de Janeiro. Um país com tanta precarização da mão de obra, não pode permitir o projeto da terceirização. Com essa contrarreforma trabalhista o Brasil vai regredir um século, voltaremos à escravidão”, frisou.

Sem meias palavras o lúcido sindicalista disse: “A chamada grande mídia e o capital financeiro (através dos bancos e as grandes empresas como, JBS, Globo, Itaú, Bradesco, etc) são as corporações que mais faturam no Brasil, e inacreditavelmente são também as maiores sonegadoras do país. Não pagam impostos e devem bilhões a previdência, bilhões em direitos trabalhistas, esses são os que mais enriquecem, se beneficiam do sistema, exploram, concentram rendam, e que dão calotes. Com isso falta merenda escolar, falta comida na mesa da criança, saúde, educação, etc. Esses sim são criminosos hediondos, e a maioria trata isso com normalidade”.

Diretoria reunida debatendo estratégias para o dia 28 / Fotos: Daniel Mazola
Dia 28 temos que resistir e dar uma resposta a esse tipo de investida do capital selvagem contra o povo brasileiro. Vamos mostrar as elites, a esse governo ilegítimo-sem moral, que nós ESTAMOS EM ESTADO DE GUERRA, ou lutamos agora ou vamos viver o resto da vida de joelhos, e não teremos moral para olhar na cara dos nossos filhos e netos. Conclamo a todos para irem às ruas no dia 28 de abril, vamos parar o Brasil, é questão de vida ou morte!”. A TRIBUNA DA IMPRENSA Sindical também reforça a conclamação para a GREVE GERAL.

Agora confira a entrevista e o chamamento do presidente da FENEPOSPETRO e do SINPOSPETRO-RJ.








***







SINDICATO CONTINUARÁ COBRANDO E DENUNCIANDO O DESCUMPRIMENTO DAS NORMAS DE SEGURANÇA OBRIGATÓRIAS, PARA EVITAR MAIS MORTES [VÍDEOS]

Câmeras de segurança do posto Osório's Colubandê (bandeira da Ipiranga) gravaram o momento exato da explosão / Foto: Google.
Eusébio Luis Pinto Neto, presidente da Federação Nacional dos Frentistas (FENEPOPETRO) e do SINPOSPETRO-RJ, e Alexsandro Santos, presidente do SINPOSPETRO-NITERÓI e Região estiveram neste domingo (9) no posto de combustíveis Osório's Colubandê, onde uma mulher morreu e duas pessoas ficaram feridas após o veículo que estava sendo abastecido com gás natural veicular (GNV) explodir, na noite deste sábado (8), às 21h29.

A vítima fatal estava dentro do veículo e foi identificada como Érica Lima Thiengo Siqueira, de 27 anos. O motorista Francisco José Gomes da Costa no momento da explosão estava do lado de fora do veículo, e ficou gravemente ferido. O frentista Jorge Siqueira de Souza, que também se feriu no acidente com estilhaços, foi encaminhado junto com o motorista para o Hospital Estadual Alberto Torres, mas foi liberado e passa bem.


Imagens da câmera de segurança do posto, que circulam na internet (acima), mostram o dramático momento da explosão, que matou a jovem e deixou o carro destruído. Para o presidente da FENEPOSPETRO e do SINPOSPETRO-RJ (veja o vídeo abaixo), Eusébio Luis Pinto Neto: “Em muitos postos de combustíveis, os empresários, motoristas e passageiros desrespeitam a Lei Estadual que obriga a todos os ocupantes dos carros a saírem do veículo enquanto o tanque é abastecido com GNV ou outros combustíveis. A maioria das pessoas ainda desconhece a existência desta norma, que pode ajudar a prevenir acidentes como o ocorrido nesse fim de semana, onde uma jovem morreu e dois homens ficaram feridos. É muito importante que os donos de postos cumpram essa Lei, treinem seus trabalhadores, e que a sociedade colabore seguindo rigorosamente as normas. Isso é muito grave, um posto pode ter uma explosão muito maior que a de ontem, com proporções gigantescas causando muitas mortes”.


Segundo o presidente do SINPOSPETRO-NITERÓI, Alexsandro Santos: “Os frentistas ficam sem poder atuar de forma efetiva na hora de averiguar as condições e validade dos cilindros de GNV. A maioria dos patrões e empresários não dão treinamento necessário, deixando os trabalhadores sem a qualificação prevista pelas normas de segurança (NR20). Nosso sindicato está cobrando esse treinamento rotineiramente, já são mais de 250 empresas denunciadas pelo descumprimento das normas de segurança obrigatórias”.

Tudo que estava próximo a explosão foi danificado: bombas, logomarca da Ipiranga, telhas de alumínio da cobertura, janelas de vidro, etc
O presidente da Federação Nacional dos Frentistas (FENEPOPETRO) questionou se no local havia documentação que comprove a realização do curso da NR 20, constatou que os funcionários não foram treinados para riscos de acidentes, também acompanhou parte da vistoria do Corpo de Bombeiros. A polícia aguarda o laudo da perícia para identificar a causa do acidente. O titular da delegacia da região vai ouvir o frentista e o gerente do posto para obter mais informações e dar andamento às investigações. Segundo informações obtidas por este repórter: “o cilindro do automóvel que explodiu estava enferrujado e vencido desde o ano de 2012”, disse uma testemunha que não quis se identificar.

O posto fica localizado na Estrada José Mendonça de Campos esquina com a RJ-104, bairro Colubandê, município de São Gonçalo, região metropolitana do Rio de Janeiro. Vai abastecer? Obrigatoriamente desça e afaste-se do veículo!






***







ENTREVISTA – "QUEREM TRANSFORMAR O BRASIL EM COLÔNIA! SENGE-RJ E FISENGE INICIAM O PROJETO SOS BRASIL SOBERANO", OLÍMPIO DOS SANTOS, PRESIDENTE DO SENGE-RJ [VÍDEO]


Nós, brasileiros, somos reféns de uma agenda neoliberal, prejudicial e destrutiva que nos levará a situações ainda mais trágicas. Cientes desta triste realidade, engenheiros e especialistas vão discutir um verdadeiro projeto para o Brasil. O presidente do Sindicato dos Engenheiros no Estado do Rio de Janeiro (SENGE-RJ) e vice-presidente da Federação Interestadual de Sindicatos de Engenheiros (FISENGE), Olímpio Alves dos Santos revelou em primeira mão ao site TRIBUNA DA IMPRENSA Sindical os detalhes da série de debates “SOS Brasil Soberano” que será realizado em todo o país para discutir propostas alternativas à atual crise vivida no Brasil.

Segundo o dirigente sindical, esse projeto é fundamental para colocar ações em prática. Precisamos debater e propor alternativas que recoloquem o Brasil em condições de voltar a crescer economicamente, com soberania e dignidade para o povo trabalhador. O objetivo é debater um modelo de construção do Brasil até 2035, focado na engenharia, na soberania e no desenvolvimento econômico e social. Será realizada uma série de encontros, com especialistas em vários setores estratégicos da tecnologia, ciência, economia, política e defesa para discutir propostas para a crise brasileira.

Durante a entrevista, vejam o vídeo, falei com o valoroso lutador sobre como podemos garantir nosso conhecimento acumulado através de pesquisas de profissionais e cientistas formados no Brasil, ele contou o seguinte caso estarrecedor: “Mazola, nos tivemos sucesso rápido no pré-sal por conta da pesquisa que já existia dentro da Petrobras, um engenheiro, que trabalhava em uma mina de sal de potássio no Sergipe, que foi formado pelo mesmo professor que orientou a minha tese, pegou todo o seu conhecimento e todas as equações que tinha feito para explorar a mina e aplicou na exploração do pré-sal, e assim conseguimos rapidamente explorar o petróleo do pré-sal. Queriam que esse engenheiro entregasse todo seu conhecimento para as empresas estrangeiras, ele se negou a fazer isso e foi demitido por justa causa (...) então é isso, o nosso conhecimento acaba que não fica aqui dentro, querem nos obrigar a entrega-lo de graça, coisa que nenhuma empresa estrangeira no mundo faz”.

Olímpio dos Santos alertou que no entender dele o modelo de empresa estatal acabou: “Essas empresas acabaram capturadas por interesse de mercado e da mesquinharia da política. Precisamos ter empresas pesadas na área de construção, o Brasil precisa construir sua infraestrutura e não pode entregar isso para empreiteiras estrangeiras, se por a caso dirigentes das empresas cometerem crimes, eles tem que pagar, até porque quem comete crime não é CNPJ é o CPF. Nós temos que preservar as empresas como brasileiras por que elas têm conhecimento, e isso é fundamental pra gente (...). Outra área importante é a indústria de defesa, um país como o Brasil tem que ter sua indústria de defesa para defender suas riquezas, a defesa de um país não cabe apenas a aqueles que usam fardas, muito pelo contrário”.

Olímpio dos Santos e Daniel Mazola / Fotos: Iluska Lopes
A respeito da privatização da Companhia de Águas e Esgoto do Rio de Janeiro-CEDAE, Olímpio dos Santos disse que o modelo de concessão da CEDAE é diferente, especifico. Lembrou que o poder de concessão é dos municípios atendidos, por isso não será nada fácil entregarem a empresa. “Privatizar a CEADE é uma chantagem entreguista contra o povo do Rio de Janeiro. O saneamento não é mercadoria e está ligado a questões ambientais e de saúde da população”.

Atenção lutadores e demais interessados, o primeiro encontro da série de debates “SOS Brasil Soberano” será realizado dia 31 de março, no Rio de Janeiro, o tema será "Contra a crise, pelo emprego e pela inclusão". Especialistas irão debater medidas de caráter imediato, anticíclicas, visando a retomada imediata do emprego e a reversão das perspectivas cruéis de uma longa depressão da economia brasileira. O evento será das 9h as 17h, no auditório da Faculdade MacKenzie, Av. Rio Branco 277 – 3º andar.

O que houve nesse país foi um golpe escancarado que criou uma grande instabilidade jurídica, aí a primeira coisa que aconteceu foi à fuga dos capitais. Agora estão oferecendo bens, empresa e recursos naturais a preço de banana no exterior (...). Querem transformar o Brasil em colônia, não querem um país soberano, querem o povo escravizado, daí a reforma do ensino, da previdência e trabalhista. É esse o “projeto de nação” que eles querem pra gente, por isso nós vamos lutar contra tudo isso”. Olímpio Alves dos Santos fez questão de destacar.

Agora confira a entrevista na íntegra:








***








QUEM MANDA NESSA... SURUBA FEDERAL


Finalmente a Lava Jato começa a incomodar o ninho tucano. O senador Aécio Neves, presidente do PSDB, saiu carbonizado do depoimento do ex-presidente da Odebrecht Infraestrutura. Benedito Júnior revelou que a transnacional baiana doou ao menos R$ 9 milhões para campanhas tucanas em 2014. O “bobo da corte” Marcelo Bahia Odebrecht já havia revelado, na quarta-feira, que, em 2014, repassou R$ 15 milhões a Aécio, na campanha presidencial do mesmo ano.

O relator do caso no TSE, ministro Herman Banjamin, preferiu não ouvir mais detalhes de Benedito Júnior sobre os tucanos, alegando que o foco era a aliança PT-PMDB. Mas observe a grande ironia desse caso, o processo no TSE foi movido pelo PSDB – que agora se transformará em “vidraça”.

Se os tucanos ficaram definitivamente carbonizados (FHC já saiu em defesa de Aécio e criticando a imprensa), quem segue preocupadíssimo é o sangue suga dos trabalhadores, Michel Temer. Sua estratégia é tentar impedir que questões políticas e judiciais interfiram na prometida agenda de reformas econômicas (praticamente um tiro de misericórdia no peito do povão). O depoimento-bomba de Marcelo Odebrecht também lhe causou danos claros, pior ainda ficou seu fiel-escudeiro Eliseu Padilha, fatalmente atingido pela denúncia de negociar o recebimento de R$ 10 milhões para a campanha do PMDB.

O mafioso Padilha, que segue “recuperando-se da operação de próstata” pretende voltar ao governo no dia 13 ou 14 de março, inacreditável a desfaçatez dessa “gente”. Mas ainda vem coisa bem pior pela frente para o vampirão da república, Temer está se borrando só em pensar no ex-deputado cassado Eduardo Cunha. Preso em Curitiba, o ex-presidente da Câmara formulou 19 perguntas que o usurpador Temer deverá responder como testemunha de defesa na ação penal que corre na Justiça Federal no DF para investigar a liberação de recursos do FI-FGTS via pagamento de propina. (O FI-FGTS é um fundo de investimento bilionário administrado pela Caixa Econômica Federal que aplica recursos do trabalhador em projetos de infraestrutura). Como sabemos o mundo da muitas voltas...

A lista da ‘suruba federal’ com diversas denúncias vai estourar, sobretudo se Rodrigo Janot, pedir, e o relator da Lava Jato no STF, Edson Fachin, determinar o fim dos sigilos judiciais das 77 delações da Odebrecht. Aí será uma festa, e está próxima de começar. O Procurador-Geral da República também será pressionado publicamente para apurar com mais detalhes e denunciar tudo que foi revelado por Benedito Júnior contra os “primos” entreguistas do PSDB.

Com a nova tormenta se voltando agora contra o PSDB e o PMDB, o PT voltará a ganhar espaço para seus argumentos no cenário político oposicionista. Artistas, intelectuais e representantes de diversos movimentos sociais assinaram um manifesto que defende a candidatura do ex-presidente Lula ao Planalto em 2018, que será lançado na internet na próxima segunda-feira (6) para colher assinaturas. O cerco tende a se fechar para os golpistas do PMDB-PSDB, a ‘suruba federal’ de Temer e sua gang pode terminar abruptamente, assim como um dia ocorreu com Sergio Cabral, Eduardo Cunha, Marcelo Bahia Odebrecht, Eike Batista... quem viver verá!







***






ASSOCIAÇÃO DOS MILITARES PERSEGUIDOS PELA DITADURA HOMENAGEIA A GRANDE MULHER MARIA PRESTES

José Bezerra da Silva, Maria Prestes e Yara Vargas / Fotos: Iluska Lopes.
Maria do Carmo Ribeiro Prestes, a viúva comunista do “Cavalheiro da Esperança” Luiz Carlos Prestes, mais conhecida como Maria Prestes foi homenageada ontem (6) pela Associação dos Militares Perseguidos pela Ditadura Militar (1964/85). Durante a justa homenagem presenciada por centenas de populares na Praça da Cinelândia, cidade do Rio de Janeiro, foi entregue uma medalha pela por sua luta em defesa da Liberdade, da Democracia e pelo Socialismo.

Vitoriosa, lutadora e combatente, a grande homenageada  recebendo o respeito de todos.
Maria Prestes se dedica à tarefa de defender o legado do líder Revolucionário e chefe militar da histórica Coluna (Invicta) Prestes. O companheiro José Bezerra da Silva, presidente da Associação, fez a entrega da Medalha e do título assinado, em seguida passou a palavra para o advogado Paulo Gomes que destacou as lutas da companheira Maria Prestes. Também fizeram uso do microfone o cineasta Luiz Carlos Prestes Filho, a professora Universitária Yara Vargas e os jornalistas da TRIBUNA DA IMPRENSA Sindical, Daniel Mazola e Iluska Lopes.

Paulo Gomes,  Luiz Carlos Prestes Filho, Maria Prestes e Daniel Mazola.
Vale destacar que a história de vida e luta de Maria Prestes vai virar filme. Já viajou para Pernambuco, sua terra natal, para gravar parte do documentário sobre sua luta pelo socialismo no Brasil. A filmagem já passou pelos Lençóis Maranhenses e pelo Delta do Parnaíba, e termina em abril, em Moscou, onde Dona Maria Prestes viveu exilada por 10 anos. Além disso, a grande lutadoravirou recentemente rótulo de cerveja. A ideia da Cervejaria Feminista (artesanal) foi homenagear mulheres que tenham uma trajetória de vida importante na luta por igualdade e liberdade, com receitas criadas conforme a história de cada uma.

A primeira edição da nova marca é mais uma homenagem a ela, Maria Prestes, mulher militante do Partido Comunista, que viveu parte da vida na clandestinidade e no exílio, durante a Ditadura Militar no Brasil. Mãe de nove filhos, Maria Prestes foi companheira de Luís Carlos Prestes por 40 anos. Essa história de vida pode ser conhecida através do seu livro “Meu Companheiro: 40 anos ao lado de Luis Carlos Prestes”, lançado em 2012. Um belíssimo exemplo para o Dia Internacional da Mulher.
Maria Prestes, Daniel Mazola, Paulo Gomes e Iluska Lopes / Foto: TIS




***








ENTREVISTA – “OS POBRES NÃO TERÃO COMO PAGAR A TARIFA DA ÁGUA APÓS A CEDAE SER PRIVATIZADA”, CLOVIS NASCIMENTO, PRESIDENTE DA FISENGE [VÍDEO]


Querem privatizar a Companhia Estadual de Águas e Esgotos do RJ - CEDAE, mas a ladainha de que o Estado está quebrado justifica passar a Companhia para a iniciativa privada? Para responder essa e outras perguntas relevantes fui entrevistar o presidente da Federação Interestadual de Sindicatos de Engenheiros (FISENGE), Clovis Francisco do Nascimento Filho (foto). Engenheiro civil há 38 anos, especialista na questão do saneamento, também é vice-presidente do Sindicato de Engenheiros no Estado do Rio de Janeiro (Senge-RJ).

O dirigente afirmou que caso essas privatizações aconteçam quem vai sofrer, principalmente, é a camada mais pobre do povo, pois a iniciativa privada só atende a quem tem dinheiro para pagar. “Somos contra a privatização da CEDAE porque saneamento, água e esgoto tem que ter gestão pública, do contrário o povo não terá como pagar pela tarifa (...) a CEDAE é uma empresa lucrativa que cumpre seu papel e dá dividendos ao estado. Não tem cabimento privatizá-la. Isso sem falar do pior dos problemas, água é questão de saúde pública, sem acesso a água tratada muitas pessoas irão adoecer de diversas enfermidades”.

A consequência da precarização é o crescimento dos gastos com saúde provocados pelo aumento das doenças. Segundo a ONU, a cada 1 real investido em saneamento, economiza-se 4 reais em saúde. Mas os capitalistas pouco se preocupam com isso. Eles só pensam no lucro. Isso sem falar nas demissões, arrocho salarial e na retirada de mais diretos trabalhistas e sociais.

Clovis Nascimento explicou detalhadamente como será difícil avançar com a privatização da estatal, é um processo desgastante. 61 municípios atendidos pela CEDAE precisam aprovar a privatização, tem que ser votado em todas as casas legislativas e por todos os prefeitos, depois também pela ALERJ e por fim pelo insuspeito governador, agora cassado pelo TRE-RJ, Pezão.

Segundo fontes, apesar de a empresa valer entre R$ 10 e R$ 14 bilhões, nos bastidores, membros do governo dizem que a negociação seria de cerca de R$ 4 bilhões, valor irrisório – a receita operacional da CEDAE em 2015 foi de R$ 4,47 bilhões. Ao contrário do que afirmam aliados de Pezão, a empresa é lucrativa. Em 2015, o lucro líquido foi de R$ 248,8 milhões. O termo de compromisso também prevê que, se a venda for realizada por valor inferior ao do empréstimo obtido, a diferença será paga com recursos da previdência social dos servidores, sacrificando ainda mais os funcionários públicos.

Após termos gravado, o presidente do FISENGE lembrou que cidades, como Paris, Buenos Aires, Berlim, Barcelona, Sevilha, Nápoles e Atlanta, estão retomando o controle sobre o serviço, devido às altas taxas cobradas pela iniciativa privada e à piora das condições nos bairros mais pobres por não haver interesse de empresários em investir nesses locais.

Assista:







***









ENTREVISTA – A MAESTRIA DO SINDICALISTA EUSÉBIO PINTO NETO EM DEFESA DOS FRENTISTAS DO BRASIL [VÍDEO]

O dirigente a postos para mais um dia de luta em frente a sede do SINPOSPETRO-RJ no bairro do Grajaú, Rio de Janeiro/Fotos e vídeo: Daniel Mazola.
A dinâmica e militante rotina de um verdadeiro lutador, Eusébio Pinto Neto, baiano do município de Vitória da Conquista (BA), dirigente da Força Sindical, radicado no Rio de Janeiro, presidente da FENEPOSPETRO e do SINPOSPETRO-RJ foi sem dúvida a grande pauta da semana. Vivenciei um dia de trabalho desse batalhador que não perde a esperança em dias melhores, apesar das grandes dificuldades políticas e econômicas da atual conjuntura.

Consciente e imbuído da sua missão, com a cabeça sempre voltada para temas como: benefícios e salários, data base, negociações, dissídio, seguimos em um dos carros do sindicato, ao volante, o presidente Eusébio P. Neto iniciou o dia conferindo o cronograma de obras da nova sede do SINPOSPETRO-RJ - bairro Vila Isabel próximo ao Estádio do Maracanã - com previsão de inauguração para o próximo mês.

Em seguida nos deslocamos para o Engenho Novo, antes o sindicalista parou em um posto de gasolina para dialogar com os frentistas sobre as pautas de luta da categoria. Da subsede do Engenho Novo, que servirá principalmente como espaço para plenárias, assembleias, reuniões e festas, seguimos para a atual sede do SINPOSPETRO-RJ no aprazível Grajaú. Lá o presidente despachou com diretores e advogados.

Por fim seguimos para outra subsede no município de Nova Iguaçu, onde o foco principal é o atendimento por conta das homologações e questões jurídicas.

Eusébio Pinto Neto dialogando com os frentistas sobre as pautas de luta da categoria.
Sendo o líder de duas importantes entidades representativas dos trabalhadores em postos de combustíveis, o dirigente tem grandes responsabilidades, representando mais de 500 mil trabalhadores em todo o país. “A nossa rotina aqui no Rio se dá de acordo com as demandas, em um dia normal vou ao sindicato, de lá despacho e sigo minha agenda de acordo com as prioridades, assim é meu dia-a-dia, isso quando não estou percorrendo outros sindicatos pelo país”.

Constatei que o dirigente segue diariamente sua rotina com espírito de luta, consciência classista, mente e corpo saudáveis. São muitas as pressões, empregos e vidas dependem das boas práticas sindicais do presidente Eusébio. Lidar com patrões, negociar com esses empresários donos de postos de combustíveis não é tarefa fácil, exige compromisso ideológico e sensibilidade social com a causa dos trabalhadores, visando sempre à garantia de conquistas e direitos. Tarefas que Eusébio Pinto Neto exerce com destreza e maestria.

Despachando na sede situada no bairro do Grajaú.
Contamos com um corpo de diretores atuantes, onde delegamos e distribuímos tarefas para que cada um cumpra o seu papel”. O Fundador do SINPOSPETRO-RJ, também um dos pioneiros da Federação Nacional (FENEPOSPETRO), que representa hoje 55 sindicatos em todo o território nacional, Eusébio Pinto Neto conhece a fundo a categoria, isso facilita o diálogo e o relacionamento com as partes envolvidas na relação capital-trabalho, possibilitando o desenvolvimento do seu trabalho e dos diretores das duas entidades que representa.

Eusébio também atua como um dos conselheiros no SENAC. “Já participei de duas reuniões do conselho do SENAC, estou me inteirando e ouvindo, aprendendo nesse espaço que é dirigido pelo setor empresarial para a formação e qualificação do trabalhador, a maior parte dos recursos injetados vem da folha de pagamento do trabalhador, portanto devemos fazer valer nossos interesses e cobrar uma participação mais efetiva e decisiva”, disse.

O presidente lembrou que apesar da fundação do SINPOSPETRO-RJ ter acontecido em 2005, só puderam começar a negociar a partir de 2009, tiveram que obedecer ao prazo legal: “Somos uma categoria historicamente nova e estamos bem organizados e estruturados, já conseguimos desmembrar o sindicato e hoje contamos com três entidades representando os Frentistas no estado do Rio de Janeiro: Campos dos Goytacazes que representa o norte fluminense, Niterói que abrange São Gonçalo e região”.

O presidente com o diretor Renato Cândido no escritório da subsede em Nova Iguaçu. 
Eusébio atua e se posiciona firmemente sobre questões fundamentais:

A luta de classes se faz no dia-a-dia, é sempre um desafio avançar nas conquistas para o trabalhador, como melhores salários e mais benefícios, enfim trazer qualidade de vida para o trabalhador que é isso que interessa (...) o trabalhador sempre teve dificuldades, nunca houve nada fácil, nem mesmo quando o país esteve em um momento melhor, a luta de classes é permanente independente da crise, hoje estamos vivendo um momento muito difícil, sabemos que a crise do capitalismo é cíclica, e agora estamos enfrentando grandes dificuldades com uma agenda neoliberal implementada pelo governo Temer e que nós já esperávamos. Ele tem o controle do legislativo e até certo ponto uma grande influencia no poder judiciário, isso facilita muito a agenda desse governo, nós vamos ter grandes dificuldades em barrar algumas dessas medidas que pretende tirar direitos do trabalhador e que obedece a exigências do poder econômico do capital, não só nacional como internacional (...). Sofremos um golpe apoiado pelo EUA, tiraram uma presidente eleita democraticamente (...) todos os obstáculos são superáveis e eu tenho certeza que vamos superar, porém vai exigir uma sintonia do movimento sindical, dos movimentos sociais e de toda a sociedade para que a gente possa de forma unida enfrentar os desafios e reverter a favor do trabalhador e da sociedade, não podemos continuar num país que toda sua riqueza seja produzida em prol de uma minoria chamada elite, e em detrimento do sofrimento do povo (...). Espero que as pessoas se conscientizem da grandiosidade do nosso país e da nossa nação, para que assim consigamos transformar o Brasil num país justo para todo o povo”.

Assista a entrevista:







***







EIKE VAI LIQUIDAR CABRAL E SUA TURMA. TAMBÉM PODE ATINGIR CORRETORAS, BOLSAS E BANCOS



O caráter, práticas empresariais e corporativas do mega espertalhão Eike sempre estiveram localizados no esgoto mais fétido possível. Enquanto esteve à frente do "império X", sempre mentiu aos acionistas. Divulgava frequentemente fatos relevantes e otimistas. Quando sua situação já estava insustentável, sabia que a exploração de petróleo era inviável, mas continuava mentindo. Chegou a prometer injetar US$ 1 bilhão, do próprio bolso, na própria empresa, caso as ações se desvalorizassem. Mas veio a falência do mega espertalhão, seus papéis viraram pó, claro ele nunca cumpriu suas promessas. Em sua conta pessoal no Twitter o canalha iludia investidores com promessas falsas de recuperação da companhia.

Burgueses como o mega espertalhão Eike (filho de Eliezer Batista, ministro de Minas e Energia de 1979 até 1986) ganham “seu patrimônio” de modo altamente inescrupuloso. Thor Batista, filho do “ex-bilionário paraquedista” agora presidiário, confidenciou a amigos que o pai tem um dossiê com centenas de páginas, em formato de um livro, no qual fornece informações valiosas para turbinar uma “colaboração premiada” com a Lava Jato. Eike já sinalizou, no aeroporto de Nova York, que estaria disposto a ajudar com o esforço do Ministério Público Federal para “passar o Brasil a limpo”. Além de detonar o companheiro de negociatas e de crimes lesa-pátria Sergio Cabral, espera-se que Eike traga informações que compliquem muita gente poderosa no mercado político, financeiro e acionário.

Lamentável constatarmos que sequer ele foi algemado no retorno ao Rio de Janeiro, no voo 973 da American Airlines. Demorou apenas meia hora fazendo exame de corpo de delito IML-RJ. Ficou evidente que o espertalhão negociou a própria prisão, embora o MPF insista em negar tal versão. Viajou aos EUA já tendo a valiosa informação de que seria preso a qualquer momento. Por isso não viajou para a Alemanha – onde tem nacionalidade. Foi furado o papo dele ter figurado na lista da Interpol, já que não foi preso na terra de Donald Trump, outra prova da negociação.

A boca do inferno chamada de presídio Ary Franco, uma cadeia superlotada, com infestação de insetos e morcegos, que abriga acusados de crimes federais foi sua segunda parada. Eike não tem diploma, comprou e corrompeu meio mundo incluindo o pobre diabo do ex-governador, mas nunca se preocupou em comprar um diploma, jamais completou o curso de engenharia, por isso não pode ser levado a uma das celas especiais de Bangu 8, onde Sérgio Cabral está.

Já de cabelo raspado como exige as regras do presídio, Eike foi transferido ao presídio de Bangu 9, onde ficam condenados por ligações com as milícias que extorquem moradores de bairros e favelas. Diferentemente de traficantes de drogas, os milicianos tem um comportamento menos violento na cadeia. O ilustre espertalhão está dividindo a cela com outros cinco encarcerados. Seu advogado já entrou com pedido de habeas corpus.

Uma hipótese é que um novo pedido de prisão seja feito pelo juiz Sérgio Moro, para que ele fique guardado em Curitiba. O tal dossiê de Eike Batista tem certamente muito a revelar. Embora não falem abertamente, fontes garantem que ele se sentiu usado pelos políticos, e estaria pronto para se vingar de quem o prejudicou.

O campo da análise política está fervilhando em terras tupiniquins, só espero um dia poder ver a Justiça triunfar e o Brasil livre dos saqueadores.




***







Crivella na cerimônia de posse. Tá rindo do quê Paespalhão?/Foto: arquivo Google.
O “bispo” efetivamente assumiu a prefeitura do Rio de Janeiro, em seu discurso de posse na manhã deste domingo na Câmara Municipal, o prefeito Marcelo Crivella (PRB) voltou a defender a necessidade de cortar gastos, enumerou propostas em áreas prioritárias e agradeceu a Deus, familiares e apoiadores, destacando a votação entre os eleitores evangélicos.

"É com imenso senso de responsabilidade e prudência, mas também com fé e sem medo, que assumo a prefeitura da cidade do Rio de Janeiro. Venho cumprir o mandato com a determinação de cuidar das pessoas. É para essa nobre missão que peço humildemente a benção de Deus", disse Crivella.

O novo prefeito disse que vai pedir ajuda dos planos de saúde para atender pacientes do SUS, fato inédito. Segundo ele, seria feito um encontro de contas, baseado em dívidas que os planos têm com o município, que seriam pagas na forma de atendimentos médicos. "Estou conversando com os planos de saúde, que têm dívidas exuberantes com o fisco municipal, para que eles possam ressarcir os cofres com consultas de especialistas, com exames e cirurgias de baixa complexidade. Seria uma maneira de nós adiantarmos os tratamentos", afirmou.

O partido de Crivella, o PRB, com uma bancada de apenas quatro vereadores (total são 51), deve ter algumas dificuldades no seu relacionamento com a Câmara Municipal do Rio. Para o presidente reeleito da Casa, vereador Jorge Felippe (PMDB), esse quadro vai exigir "habilidade". Segundo o MP, o peemedebista Jorge Felippe abriu uma empresa de fachada no Panamá com ajuda do ex-genro, o ex-deputado federal Rodrigo Bethlem, também do PMDB, mas isso não vem ao caso agora. "Diferente dos outros governos, em que os prefeitos tinham 10 ou 11 vereadores, o prefeito Crivella começa com uma bancada de quatro. A Câmara está muito dividida e ele vai ter que ter muita competência e trato. Não posso garantir que ele vai conseguir uma maioria absoluta, é muito prematuro. Mas vejo muita dificuldade. Ele terá mais dificuldade que Eduardo Paes", disse Jorge Felippe.

A primeira reunião do prefeito Marcelo Crivella com os 12 secretários que compõem sua equipe será nesta segunda-feira (2), no Centro Administrativo da Prefeitura, na Cidade Nova, na região central. Na reunião, Crivella deverá falar sobre as diretrizes de seu governo, já traçadas nos 80 decretos do novo prefeito, já publicados neste domingo em edição extra do Diário Oficial do Município. Os decretos determinam medidas e fixam prazos para a realização de estudos em praticamente todas as áreas de administração da cidade.

Agora é esperar, depois cobrar e cobrar, nas ruas se necessário. O “bispo” não pode manter a lógica das gestões anteriores, privatista e excludente, a serviço dos poderosos, um balcão de negócios que só converteu público em privado... O povo carioca exige respeito prefeito.




***






CONHEÇA AS PRINCIPAIS ESTRATÉGIAS

PARA O CONTROLE DA POPULAÇÃO
ATRAVÉS DO PODER DA MÍDIA HEGEMÔNICA


Vivemos claramente uma falsa democracia, ditadura do capital, tá mais para estado fascista e de exceção, onde governos autoritários eleitos pelo voto direto e obrigatório, aliados de uma elite cínica e inescrupulosa, debocham e usurpam o povo. Onde “policiais” podem bater, prender e matar, com a certeza de que seus agentes assassinos e torturadores ficarão impunes.

Um país onde as leis protegem bandidos do colarinho branco, um estado corporativo e corrupto. Onde na prática, não é garantido o direito básico a liberdade de expressão e direitos humanos, apesar de ser texto constitucional. Onde os políticos, na maioria, se elegem apenas para garantir privilégios perpétuos, e para favorecer grupos e empresas que financiaram suas campanhas. Onde a mídia de mercado se limita a manipular os fatos e a opinião pública, (jogando o povo contra o próprio povo) defendendo apenas seus interesses, e os interesses dos grupos capitalistas que as sustentam.

Precisamos limpar essa sujeira de décadas de ditadura do pensamento único, de opressão, mentiras e manipulações. É um trabalho árduo, porém necessário e fundamental, existem grupos e pessoas muito poderosas que preferem deixar a sujeira onde está. Milhões de pessoas se conformam apenas com a ilusão de sombras projetadas na parede, e outros milhões que ignoram a verdade porque simplesmente o acesso a outros meios de informação lhes é negado.

Metade da população brasileira sequer tem acesso à Internet, espaço que reúne a maior concentração de mídias independentes e canais de informação alternativos, por isso não existe interesse político em tornar a Internet acessível à todos. É por essa esmagadora maioria de escravizados pela mídia hegemônica que precisamos lutar por uma nova regulamentação e democratização dos meios de comunicação no Brasil. A "mãe" de todas as lutas sociais!

"O tempo dos barões da comunicação precisa acabar", rever esse modelo cruel e prejudicial ao conjunto da sociedade, é urgente e de suma importância. Assim como fazem, ou já fizeram, nossos vizinhos: argentinos, venezuelanos, equatorianos, chilenos e uruguaios, precisamos acabar com o feudo da comunicação de massa. Informação livre, plural e diversa é um direito humano fundamental, e necessário para construirmos a real democracia que tanto sonhamos e desejamos. Uma nação para todos, de verdade, e não uma peça de marketing político.

PARTIDO DA IMPRENSA GOLPISTA

Partido da Imprensa Golpista (comumente abreviado para PIG) é uma expressão usada para se referir a órgãos de imprensa e jornalistas considerados tendenciosos, vendidos, manipuladores, que se utilizam do que chamam "grande" mídia como meio de propagar suas ideias (e dos patrões) e tentar desestabilizar grupos e organizações de orientação política contrária, ou movimentos sociais que ameaçam o poder de grupos capitalistas ou partidos políticos sob controle do capital.

A expressão foi popularizada pelo jornalista Paulo Henrique Amorim em seu blog Conversa Afiada. Amorim, quando utiliza o termo, escreve com um i minúsculo, em alusão ao portal iG, do qual foi demitido em 18 de março de 2008, no que descreve como um processo de “limpeza ideológica”. De acordo com ele, até políticos teriam passado a fazer parte do PIG: “O partido deixou de ser um instrumento de golpe para se tornar o próprio golpe. Com o discurso de jornalismo objetivo, fazem o trabalho não de imprensa que omite; mas que mente, deforma e frauda".

O pior cego é o que se recusa a enxergar a verdade. O pior analfabeto é o analfabeto midiático: ele não pensa, não questiona, não duvida e aceita passivamente tudo aquilo que lhe é dito e exibido. Liberte a sua mente por 24 horas. Desligue a TV. Se após essas 24 horas você ainda sentir uma necessidade incontrolável de ligar a TV, o seu caso é grave, mas ainda tem solução. Se você ligar a TV apenas para confrontar os fatos mostrados, com o que você já viu pela mídia alternativa, parabéns, você é um questionador. Se você não sentir mais nenhuma vontade de ligar a TV, parabéns você é um vencedor. Você é livre.

CONHEÇA AS 10 ESTRATÉGIAS PARA CONTROLE DA POPULAÇÃO ATRAVÉS DO PODER DA MÍDIA HEGEMÔNICA

Você está sendo o tempo todo manipulado. A maioria das pessoas é incapaz de perceber isso devido à sutileza e à engenhosidade por trás das técnicas empregadas pela mídia para manipular a sua opinião, os seus gostos e as suas necessidades.

1- A estratégia da distração

O elemento primordial do controle social é a estratégia da distração que consiste em desviar a atenção do público dos problemas importantes e das mudanças decididas pelas elites políticas e econômicas, mediante a técnica do dilúvio ou inundações de contínuas distrações e de informações insignificantes. A estratégia da distração é igualmente indispensável para impedir ao público de interessar-se pelos conhecimentos essenciais, na área da ciência, da economia, da psicologia, da neurobiologia e da cibernética. “Manter a atenção do público distraída, longe dos verdadeiros problemas sociais, cativada por temas sem importância real. Manter o público ocupado, ocupado, ocupado, sem nenhum tempo para pensar; de volta à granja como os outros animais” (citação do texto “Armas silenciosas para guerras tranquilas).

2- Criar problemas, depois oferecer soluções

Este método também é chamado “problema-reação-solução”. Cria-se um problema, uma “situação” prevista para causar certa reação no público, a fim de que este seja o mandante das medidas que se deseja fazer aceitar. Por exemplo: deixar que se desenvolva ou se intensifique a violência urbana, ou organizar atentados sangrentos, a fim de que o público seja o mandante de leis de segurança e políticas em prejuízo da liberdade. Ou também: criar uma crise econômica para fazer aceitar como um mal necessário o retrocesso dos direitos sociais e o desmantelamento dos serviços públicos.

3- A estratégia da gradação

Para fazer com que se aceite uma medida inaceitável, basta aplicá-la gradativamente, a conta-gotas, por anos consecutivos. É dessa maneira que condições socioeconômicas radicalmente novas (neoliberalismo) foram impostas durante as décadas de 1980 e 1990: Estado mínimo, privatizações, precariedade, flexibilidade, desemprego em massa, salários que já não asseguram ingressos decentes, tantas mudanças que haveriam provocado uma revolução se tivessem sido aplicadas de uma só vez.

4- A estratégia do deferido

Outra maneira de se fazer aceitar uma decisão impopular é a de apresentá-la como sendo “dolorosa e necessária”, obtendo a aceitação pública, no momento, para uma aplicação futura. É mais fácil aceitar um sacrifício futuro do que um sacrifício imediato. Primeiro, porque o esforço não é empregado imediatamente. Em seguida, porque o público, a massa, tem sempre a tendência a esperar ingenuamente que “tudo irá melhorar amanhã” e que o sacrifício exigido poderá ser evitado. Isto dá mais tempo ao público para acostumar-se com a ideia de mudança e de aceitá-la com resignação quando chegue o momento.

5- Dirigir-se ao público como crianças de baixa idade

A maioria da publicidade dirigida ao grande público utiliza discurso, argumentos, personagens e entonação particularmente infantis, muitas vezes próximos à debilidade, como se o espectador fosse um menino de baixa idade ou um deficiente mental. Quanto mais se intente buscar enganar ao espectador, mais se tende a adotar um tom infantilizante. Por quê? “Se você se dirige a uma pessoa como se ela tivesse a idade de 12 anos ou menos, então, em razão da sugestionabilidade, ela tenderá, com certa probabilidade, a uma resposta ou reação também desprovida de um sentido crítico como a de uma pessoa de 12 anos ou menos de idade”. (Pesquise “Armas silenciosas para guerras tranquilas”).

6- Utilizar o aspecto emocional muito mais que a reflexão

Fazer uso do aspecto emocional é uma técnica clássica para causar um curto circuito na análise racional, e por fim ao sentido critico dos indivíduos. Além do mais, a utilização do registro emocional permite abrir a porta de acesso ao inconsciente para implantar ou enxertar ideias, desejos, medos e temores, compulsões, ou induzir comportamentos…

7- Manter o público na ignorância e na mediocridade

Fazer com que o público seja incapaz de compreender as tecnologias e os métodos utilizados para seu controle e sua escravidão. “A qualidade da educação dada às classes sociais inferiores deve ser a mais pobre e medíocre possível, de forma que a distância da ignorância que paira entre as classes inferiores às classes sociais superiores seja e permaneça impossíveis para o alcance das classes inferiores (ver ‘Armas silenciosas para guerras tranquilas’)”.

8- Estimular o público a ser complacente na mediocridade

Promover ao público a achar que é moda o fato de ser estúpido, vulgar e inculto…

9- Reforçar a revolta pela autoculpabilidade

Fazer o indivíduo acreditar que é somente ele o culpado pela sua própria desgraça, por causa da insuficiência de sua inteligência, de suas capacidades, ou de seus esforços. Assim, ao invés de rebelar-se contra o sistema econômico, o indivíduo se auto-desvalida e culpa-se, o que gera um estado depressivo do qual um dos seus efeitos é a inibição da sua ação. E, sem ação, não há revolução!

10- Conhecer melhor os indivíduos melhor do que eles mesmos se conhecem

No transcorrer dos últimos 50 anos, os avanços acelerados da ciência têm gerado crescente brecha entre os conhecimentos do público e aquelas possuídas e utilizadas pelas elites dominantes. Graças à biologia, à neurobiologia e à psicologia aplicada, o “sistema” tem desfrutado de um conhecimento avançado do ser humano, tanto de forma física como psicologicamente. O sistema tem conseguido conhecer melhor o indivíduo comum do que ele mesmo conhece a si mesmo. Isto significa que, na maioria dos casos, o sistema exerce um controle maior e um grande poder sobre os indivíduos do que os indivíduos a si mesmos.

*Publicado originalmente no dia 13/01/2014. Com informações de Noam Chomsky e de Sylvain Timsit.




***


A TRAJETÓRIA COERENTE 
DO PINÓQUIO-CARREIRISTA

Artigo de utilidade pública para todos os brasileiros, em especial cariocas e fluminenses. Publicado originalmente aqui no site (17 de fevereiro de 2014).


Para que não fiquem dúvidas sobre a “carreira política” do prefeito que conseguiu ser o anfitrião dos dois maiores eventos do planeta, onde terá espaço privilegiadíssimo como espectador e “negocista”, Eduardo Paes, veja como iniciou sua vida pública e como ascendeu a política. Tirem suas próprias conclusões!

Aos 24 anos, em 1993, ainda antes de terminar a faculdade de Direito na PUC-RJ, já estava no comando da subprefeitura da Barra da Tijuca, quando o prefeito da cidade era César Maia (pai do não menos oportunista deputado Rodrigo Maia), que agora é vereador, e jamais conseguiu decolar nacionalmente.

A partir daí, Paes sempre foi um dedicado e aplicado pupilo, seguiu à risca a principal lição de seu mestre: estar ao lado do CAPITAL, sempre aliado ao poder econômico. Vale lembrar, repetir, ele foi guindado à subprefeitura por César Maia, mesmo que agora o discípulo faça todo o possível para se dissociar do criador e mestre.

Aí a criatura foi eleita vereador, em 1996. Depois em 1998, foi eleito para a Câmara dos Deputados, com apenas 29 anos, e em 2002, foi reeleito. Antes da reeleição, porém, assumiu a Secretaria Municipal do Meio Ambiente do Rio de Janeiro, durante a gerência de César Maia.

E o carreirista-oportunista continuava sua subida vertiginosa no velho Estado brasileiro. Em 2007, a convite do desgovernador Cabralzinho, Paes assumiu a Secretaria Estadual de Turismo, Esporte e Lazer, mas deixou o cargo em março de 2008, queria a Prefeitura.

Para garantir êxito na empreitada rumo ao Palácio da Cidade, em apenas cinco anos o atual prefeito do Rio passou por três partidos: PFL, PSDB e PMDB. E de 1993 pra cá, nos últimos 20 anos, também já por PV e PTB. Se for possível falar de infidelidade num regime de partido único, seu comportamento é mesmo um dos mais volúveis. Mas na verdade a infidelidade partidária é coerente e fiel ao capital, seus financiadores eleitorais.

Remoções e violência

No início dessa trajetória, em 1993, quando ainda era subprefeito, Eduardo Paes comandou uma tentativa de despejo violento numa favela da Zona Oeste, a Vila Autódromo. Vejam como as remoções com Paes vem de longe. Os moradores da região disseram que Paes os acusou de causar "dano visual, ambiental e estético", discurso punitivo contra a classe trabalhadora. E isso foi utilizado pelo então jovem estudante de Direito, de 24 anos, para concorrer e ser eleito vereador, apoiado financeiramente principalmente pelas grandes construtoras e empresas de ônibus.

Em 1996, a Vila Autódromo sofreu uma ação de reintegração de posse movida pela Prefeitura. Inscrito sob o número 2245 na 4ª Vara de Fazenda Pública, e assinado por Luiz Roberto da Mata, da Procuradoria Geral do Município (PGM), o texto colocou como réus os ocupantes da Vila Autódromo e "objetiva reprimir dano ao meio ambiente urbano, dano ao meio ambiente natural, dano estético, paisagístico e turístico pedindo-se limitar (...), tomando-se providências para retirada de pessoas e coisas".

Com esse histórico não é difícil analisar e compreender a política do "Choque de Ordem", e o higienismo disfarçado de combate às drogas, promovido pelo prefeito Eduardo Paes. É coerente.

É apenas uma consequência natural das alianças que fez durante sua "carreira" política. Para alegria e deleite das empreiteiras e do monopólio dos meios de comunicação, que evidentemente lucram com a violência contra a classe trabalhadora. Paes chegou a criar uma secretaria de governo apenas para tratar de ações contra mendigos, camelôs e gente que não tem onde morar.

Hoje, o Rio de Janeiro tem dois desgovernos a desserviço do cidadão. Paes e Cabral representam melhor do que qualquer coisa o uso da máquina pública pelos ricos para massacrar os pobres. Cidade e Estado são dois grandes balcões de negócios.

Apoio a criminosos

O que também marca a história do prefeito do Rio, são as milícias. Esses grupos paramilitares são responsáveis por milhares de casos de assassinatos, torturas, ameaças e diversos tipos de agressões contra a população favelada do Rio de Janeiro. Jornalistas também já foram vítimas da brutalidade desses delinquentes, apêndices do aparato estatal para exercer controle sobre determinadas regiões e explorar serviços de gás, telefonia, TV a cabo, "segurança", entre outros.

Eduardo Paes, seguindo as diretrizes de seu mestre político, César Maia, defendeu a ação desses bandidos numa entrevista a Rede Globo, no RJTV, durante as eleições para governador do Rio de Janeiro, em 2006, quando se candidatou pelo PSDB. Na ocasião, o atual prefeito declarou o seguinte:

“Jacarepaguá é um bairro que a tal da polícia mineira, formada por policiais, por bombeiros, trouxe tranquilidade para a população. O morro do S. José Operário era um dos morros mais violentos desse estado, e agora é um dos lugares mais tranquilos”.

Em 2008, foi instalada a CPI das Milícias na Alerj, presidida pelo deputado Marcelo Freixo (PSOL). Posteriormente, deputados estaduais e vereadores do Rio foram presos acusados de chefiarem os grupos paramilitares, mas nada foi efetivamente feito para que esses grupos deixassem de existir e eles continuam atuando livremente e com o apoio velado do Estado.

Assim como seu criador, o carreirista Eduardo Paes, mesmo ainda sendo jovem, jamais sairá da política provinciana, assim espero. Já é muito sofrimento para os cariocas, menos mal para os milhões de brasileiros que não terão a agonia e o sofrimento que temos. Eduardo Paes é um “fiel e coerente” oportunistas, graças ao financiamento privado de campanha.

Prefeito Pinóquio

Paes é um autentico mentiroso. O “jovem” que representa o velho, o atraso. Mas não engana apenas o povão, sabe muito bem escolher a quem deve mentir na política partidária. Sua fábrica de mentiras sempre teve por objetivo favorecer seus financiadores, e claro, buscar vantagem pessoal.

Primeiro mentiu para seu criador, Cesar Maia. Vendeu a imagem de jovem dinâmico, dirigente e supostamente eficiente colaborador. Cesar acreditou e investiu nele, caiu como um patinho e começou a lapidá-lo, até que o mentiroso quis voar mais alto, sem o mestre.

Aí vendeu a imagem de grande aliado dos tucanos, aceitando ser o candidato de oposição contra o candidato do então governador Garotinho, Sergio Cabral. Na campanha atacou agressivamente seu atual aliado, Cabralzinho, sem perdão.

Aí mais um pulo, e mais uma traição coerente. Paes assumiu a secretaria de Esportes e abandonando os tucanos, para aliar-se a Cabralzinho. Eleito prefeito, fez uma administração para favorecer seus principais financiadores. Inventou ter trazido as Olimpíadas para a cidade, e o custo disso? Qual legado os Jogos deixarão?

Reeleito, faz “obras” e “projetos” que já começam superados, e desnecessários. Visando apenas “vender” a cidade para negócios privados. Empreiteiros, banqueiros, donos de ônibus, Eike Batista, entre outros, esses merecem verdade e fidelidade. Para o povo, muitas inverdades, remoções, violência, apoio as milícias, aumento das tarifas de transporte, trânsito caótico, um verdadeiro saco de maldades. Aí quem se apresenta é o prefeito Pinóquio.

* Em 17/02/2014.


***



VIVEMOS NO PAÍS DO PRESIDENCIALISMO ABSOLUTISTA DE COALIZÕES QUE GERAM COLISÕES E SÓ FAVORECEM OS TUBARÕES. A REVOLUÇÃO SOCIAL SÓ DEPENDE DE NÓS!


Não dá mais para suportar tanta sacanagem e humilhações, mesmo anestesiado pela beleza das Olimpíadas e bestializado pela mídia hegemônica, o povão ainda vai cair na real. Nosso Presidencialismo absolutista de coalizões que geram permanentes colisões e aprofundam a desgraça econômica será questionado novamente nas ruas!

É bem verdade que essa juventude atual - que caça pokémon e tem gosto duvidoso – pouco ou nada faz para alterar a correlação de forças e a realidade social, na maioria é despolitizada e mal organizada, alguns são até fascistas... mas as pressões, humilhações e derrotas para os trabalhadores serão tantas e tantas daqui para frente que certamente virá um novo levante popular, assim como ocorreu em junho e julho de 2013.

Mas qual poderá ser o resultado dessa nova revolta?

As jornadas de 2013 começaram reivindicando a redução da tarifa do transporte público, a princípio o poder público negou, mas logo em seguida cedeu, ocorreu comemoração principalmente em São Paulo. Outros movimentos sociais e populares começaram então a levantar suas bandeiras de luta... pronto, veio à desunião em torno das diversas reivindicações, com o tempo a luta abrandou, esfriou e foi cada um para o seu lado, praticamente caiu no esquecimento, contribuindo até mesmo com afastamento da presidente eleita. Alguém teria que pagar o pato por tanta corrupção e mazelas políticas.

Mas agora, perto de ser afastada definitivamente do cargo, a maior parte das pessoas mesmo despolitizadas questiona se a queda da Dilma foi mesmo a solução. É claro que não! Chegará um momento que a máquina da mentira e da ilusão nada mais poderá fazer para manter os explorados passivos e desmobilizados.

O fato é que precisamos para ontem de uma verdadeira REVOLUÇÃO social, uma nova Constituição, enxuta, claramente interpretável, sem necessidade de constante emenda ou mediação por um STF. Necessitamos de um imposto justo que financie um Estado forte, precisamos do petróleo e de todos os recursos minerais e hídricos 100% nacional para garantir nosso desenvolvimento.

Sobrevivemos em um País estruturalmente errado. A chamada governabilidade gera a ingovernabilidade. Somos uma República Federativa que não consegue ser República, e muito menos federativa. Somos na verdade uma ditadura capitalista disfarçada de democracia. Só precisamos ter a resposta para minha pergunta acima. Qual poderá ser o resultado dessa nova revolta popular? Poderemos retroceder ainda mais ou nos tornar uma verdadeira Nação Independente. Depende de Nós!





***





ENTREVISTA - RICARDO PATAH, PRESIDENTE DA UGT, FALA SOBRE A PROFUNDA CRISE QUE VIVE O BRASIL, EM ESPECIAL A CLASSE TRABALHADORA [VÍDEO]




Agora, com o presidente da República interino Michel Temer, a ordem é “valorizar” a negociação coletiva, diga-se flexibilização trabalhista, em que o negociado se sobreponha ao legislado, acabando com os direitos garantidos da CLT (Consolidação das Leis Trabalhistas). Pela gravidade dos acontecimentos e rumos da política nacional, fui ouvir um dos principais dirigentes sindicais do país, RICARDO PATAH, presidente da UNIÃO GERAL DOS TRABALHADORES – UGT e do maior sindicato da América Latina, Comerciários de São Paulo.

Hoje penas a CUT é maior que a UGT, a nova central cresceu rapidamente. Fundada em 19 de julho de 2007 durante o Congresso Nacional de Trabalhadores que se realizou na capital paulista, e reuniu mais de 3.400 delegados, representando 623 entidades sindicais de todo o país e mais de 4 milhões de trabalhadores. Agora, em 2016, está representando mais de 1.300 Sindicatos e Federações e 10 milhões de trabalhadores.

Conversei com o dirigente na manhã da ultima quinta-feira (16), na sede da entidade no bairro da Bela Vista. Graduado em Direito pela Universidade São Judas Tadeu e em Administração pela Pontifícia Universidade Católica (PUC) de São Paulo, Ricardo Patah falou sobre a profunda crise que vive o país: lava-jato, terceirização, impeachment, CPMF, previdência, eleições gerais, presidente interino, causa indígena, informalidade, manifestações de rua, juros altos, pluralismos sindical, precariedade, etc.

Só haverá solução política a partir das Eleições gerais, que na pior das hipóteses vai ocorrer em 2018”, disse o dirigente. Foi uma clara demonstração de um líder sindical possuidor de ampla percepção do momento que vive o sindicalismo e a política nacional.

Somos um órgão de imprensa voltado para a construção de um verdadeiro projeto de Nação, que apoia o movimento social, a luta dos trabalhadores e o sindicalismo. Aqui é o espaço dos republicanos justos e lutadores, onde podemos falar todos a mesma língua, e defender os mesmos princípios, fazendo com que as lideranças sindicais se unam de maneira firme, decidida e definitiva.

A partir de julho nossa trincheira da informação adotará a palavra: sindical.TRIBUNA DA IMPRENSA SINDICAL. Sinal dos tempos, continuaremos com os mesmos colaboradores e conteúdo. Além de homenagear a causa, é uma questão de convicção e lado. A imprensa sempre teve uma posição política desde os primórdios de sua existência, essa conversa de "jornalismo imparcial" é mentira repetida milhões de vezes para enganar os trabalhadores.

Assista agora mais esse ‘QUEM É QUEM NO SINDICALISMO BRASILEIRO’.







****





SAIBA QUAIS SÃO AS 10 IDEOLOGIAS DO NAZI-FASCISMO [VÍDEO]


Certas coisas precisam ser revistas e repassadas para as novas gerações, do contrário podemos repetir erros monstruosos.

O nazismo e o fascismo foram regimes políticos que surgiram durante o chamado período entre-guerras (1919-1939), as maiores e mais sangrentas até hoje. O clima na Europa era de tensão devido aos problemas econômicos, políticos e sociais que surgiram após a Primeira Grande Guerra Mundial. Os problemas aumentaram ainda mais com a Crise Capitalista de 1929, nos Estados Unidos.

Assim, prometendo a solução para a violenta crise em seus países, Mussolini e Hitler assumiram, respectivamente, o poder na Itália e Alemanha. Posteriormente, Francisco Franco, outro carniceiro, assumiria o governo da Espanha.

Listei abaixo as características do nazi-fascismo, baseado em ideologias que tiveram grande impacto (alguns terríveis) na Europa e no mundo, e que infelizmente ainda hoje seguem vivíssimas como sustentáculos do capitalismo hegemônico globalizado. 

1- TOTALITARISMO

Significa a presença de um estado forte, cujo poder central tem autoridade absoluta. Esta ideologia defende que o indivíduo deve viver em função do estado. O totalitarismo está baseado no seguinte princípio: “tudo dentro do estado, nada fora do estado e ninguém contra o estado”. Para controlar um grupo de camponeses da cidade de Guernica – imortalizada na pintura de mesmo nome criada por Picasso – Francisco Franco teve a ajuda da aviação militar alemã (Luftwafe).

2- MILITARISMO

É uma ideologia que acredita na guerra como fator de grandeza e prosperidade. Assim, a sociedade só consegue a se desenvolver quando governada ou guiada por conceitos incorporados na cultura, na doutrina ou no sistema militares. Segundo este princípio, Hitler teria dito: “Na guerra eterna a humanidade se torna grande – na paz eterna, a humanidade se arruinaria”.

3- ULTRANACIONALISMO

Exalta tudo que é próprio da nação, de uma forma exagerada. Toda a política interna está ligada ao desenvolvimento do poder nacional. Esta ideologia vem carregada de autoritarismo, esforços para a redução ou proibição da imigração, expulsão e opressão de populações não-nativas dentro da nação ou de seu território e emocionalismo.

4- UNIPARTIDARISMO

Significa a existência de um só partido. Para fazer valer este princípio, Hitler e Mussolini dominaram o poder executivo e judiciário, enfraqueceram o poder legislativo, perseguiram políticos opositores e implantaram regimes ditatoriais em seus países.

5- CONTROLE DA PROPAGANDA

Era uma característica forte em regimes totalitários, destinado a convencer as pessoas e manter o controle do Estado sobre a população. Junte-se a isto a forte repressão política contra a liberdade de expressão, imprensa ou qualquer manifestação contrária ao regime. Através dele, buscava-se manipular a opinião pública e fazer o povo trabalhar e viver pelo regime.

6- CULTO AO LÍDER

O totalitarismo passou por um forte trabalho de culto ao líder, visando construir a imagem de um governo forte e onipotente. A construção desta imagem ia desde a representação em obras de arte, como o retrato a ser saudado nas escolas. Mussolini recebeu o título de Duce e, Hitler, o título de Fuhrer. Ambas palavras significam algo como “Grande Chefe”. Na Alemanha, a leitura do livro Mein Kampf (Minha Luta), escrito por Hitler, era estimulada entre a população.

7- ANTICOMUNISMO

As vezes é difícil compreender uma posição político-ideológica nos regimes nazi-fascistas, em especial no nazismo.  O regime alemão não depositava todas as suas fichas no capitalismo, mas também odiava o comunismo, apesar dessa farsa criada e chamada de “nacional-socialismo”.  Assim, o anticomunismo se caracterizou pelo desprezo às ideologias de esquerda, governos de origem socialista, movimentos operários, greves e sindicatos.

8- RACISMO

O racismo esteve presente mais visivelmente no nazismo alemão. Neste caso, o ódio era disseminado a todos aqueles que não pertenciam à raça ariana, denominação dada às características físicas e biológicas do chamado povo alemão. Este fato estimulou a eugenia, ou seja, a tentativa de criar uma raça pura. No caso alemão, isto significava eliminar os impuros, em especial os judeus.

9- ANTISSEMITISMO

antissemitismo não surgiu na Alemanha, mas lá obteve seus contornos mais terríveis que levaram à morte de mais de 6 milhões de judeus em campos de concentração e extermínio, como Auschwitz e Bikernau. Assim, o antissemitismo se manifestou através do ódio, perseguição, tortura e extermínio dos judeus. A princípio, judeus tiveram seus bens confiscados e muitos foram expulsos ou fugiram da Alemanha. Dentre os que permaneciam, havia também o isolamento nos guetos e o uso como cobaias em experiências científicas.

10- EXPANSIONISMO

A ideologia nazista pregava a existência de um espaço vital para os alemães, chamado de lebensraum, ou seja, um grande território para que a raça ariana pudesse se desenvolver. Vale ressaltar que Hitler tinha a intenção de conquistar praticamente o mundo todo, assimilando as regiões que tivessem forte concentração alemã, como as colônias germânicas no sul do Brasil. O expansionismo levou Hitler a invadir a Polônia, fato que fez estourar a Segunda Guerra Mundial.

Para concluir, vejam a mensagem deixada por Charles Chaplin no filme “O Grande Ditador”, de 1940. Neste filme, ele faz um último discurso, condenando as práticas totalitaristas e a transformação do homem em máquina. Sua mensagem é a mais atual possível. Essa escalada chegou a níveis ainda mais desumanos no século XXI, onde chegaremos?

****






ELIMINAÇÃO NA COPA AMÉRICA PODE CUSTAR EMPREGO DE DUNGA. ROGÉRIO MICALE COTADO PARA BUSCAR OURO OLÍMPICO; MARCO POLO TERÁ DE INDENIZAR ÁRBITRO EM R$ 300 MIL





Neste domingo, o Brasil entrou em campo para enfrentar o Peru pela última rodada da Copa América Centenário, no grupo B. A equipe treinada pelo técnico Dunga precisava apenas de um empate para se classificar para a próxima fase, porém, acabou sendo eliminada por um gol irregular da Seleção peruana.

O resultado fez com que a Seleção Brasileira virasse piada novamente na web, após o eterno 7 a 1.

Foi sem dúvida a partida mais polêmica até o momento da competição, nitidamente a Seleção foi prejudicada pela arbitragem do uruguaio Andres Cunha, que validou o gol de mão do Peru aos 30 minutos do segundo tempo, em duelo realizado em Foxborough, nos Estados Unidos.

Esta é a primeira vez que o time canarinho não alcança a fase de mata-mata da Copa América desde 1987, quando o torneio foi disputado na Argentina.

Derrota pode custar emprego de Dunga

A eliminação certamente vai gerar pressão o suficiente para que Dunga seja demitido. Ele começou a competição pressionado por causa do desempenho irregular e a sexta colocação nas Eliminatórias.

O presidente da corrupta CBF, o roedor Marco Polo Del Nero sabe que a pressão dos patrocinadores, Tv Globo e da maior parte da imprensa comercial será insustentável.

Tite continua sendo o nome mais comentado na corrupta CBF. O único fator que pesa a favor de Dunga, agora, é o atraso no planejamento para a disputa das Olimpíadas. A tendência, caso haja demissão dele, é que Rogério Micale, hoje interino, assuma o posto de maneira definitiva em busca do ouro olímpico.

***

Segundo o site Consultor Jurídico, Marco Polo Del Nero, foi condenado a pagar R$ 300 mil ao árbitro de futebol Wagner Tardelli, que entrou com uma ação contra a falsa acusação de que teria manipulado o resultado de jogos e de corrupção. Depois de acusado Tardelli, foi afastado da partida final do Campeonato Brasileiro de 2008. Leia a matéria na íntegra:

Marco Polo Del Nero terá de indenizar árbitro em R$ 300 mil
Via Consultor Jurídico

A Justiça do Rio de Janeiro condenou o presidente da Confederação Brasileira de Futebol, Marco Polo Del Nero, a pagar R$ 300 mil ao árbitro de futebol Wagner Tardelli. A indenização, a título de dano moral, se deve à acusação de manipulação do resultado de jogos e corrupção feita por Del Nero contra Tardelli. Por causa disso, o árbitro foi afastado da partida final do Campeonato Brasileiro de 2008.

Na época, Nero ocupava a presidência da Federação Paulista de Futebol. Em telefonema ao presidente da Confederação Brasileira de Futebol e, em seguida, repassada ao presidente da Comissão de Arbitragem, o atual presidente da CBF disse que, na véspera da partida final do campeonato, ele havia sido informado pela secretária da presidência da federação que o São Paulo Futebol Clube tentara encaminhar um envelope fechado ao árbitro Wagner Tardelli. A denúncia de corrupção se provou falsa.

Segundo a juíza Maria Cristina Barros Gutiérrez Slaibi, da 3ª Vara Cível da Comarca da Capital e quem assina a sentença, “o valor fixado a titulo de indenização pelos danos morais sofridos pelo autor, R$ 300 mil, também levou em consideração que o autor, isento de qualquer conduta culposa, teve seu nome, sua imagem, sua honra e sua dignidade, abalados em âmbito nacional e internacional” com a falsa acusação. Com informações da Assessoria de Imprensa do TJ-RJ.
Processo 0107574-31.2010.8.19.0001





***





OLAVO SETÚBAL COMPROU OS QUE VOTARAM A FAVOR DA EMENDA DA REELEIÇÃO DE FHC, AFIRMA PEDRO CORRÊA. MPF VAZA DIÁLOGOS INVENTADOS, ACUSA O INSTITUTO LULA

Japonês da federal e Pedro Corrêa (Foto: Geraldo Bubniak/AGB/Estadão).





























Pedro Correa foi condenado pelo juiz Sergio Moro a mais de 20 anos de cadeia por ter praticado 72 crimes de corrupção e 328 operações de lavagem de dinheiro. Foi para não cumprir essa pena na cadeia que ele aceitou negociar com o Ministério Público Federal uma narrativa falsa envolvendo o ex-presidente Lula, inventando até mesmo diálogos que teriam ocorrido há 12 anos.

É repugnante que policiais e promotores transcrevam essa farsa em documento oficial, num formato claramente direcionado a enxovalhar a honra do ex-presidente Lula e de um dos mais respeitáveis políticos brasileiros, o falecido senador José Eduardo Dutra, que não pode se defender dessa calúnia.




***






UNI-VOS, É HORA DA NECESSÁRIA UNIDADE SINDICAL E DAS GREVES, DO CONTRÁRIO SOFREREMOS A DERROTA FINAL

Geraldo Pereira alertando os sindicalistas durante o 10º Encontro Nacional dos Trabalhadores Hoteleiros da FETRHOTEL.
“Que dívida é essa que não para de crescer e que levou praticamente 1 trilhão em 2014, metade do Orçamento Geral da União? Qual é a contrapartida dessa dívida? Onde é aplicado esse dinheiro?”

Segundo o jornalista Geraldo Pereira essa é a questão que mais prejudica o país e o Movimento Sindical brasileiro. “A brasileira que se dedica a responder essas perguntas chama-se Maria Lucia Fattorelli, auditora aposentada da Receita Federal e fundadora do movimento “Auditoria Cidadã da Dívida”, afirmou nosso diretor de Redação para uma plateia repleta de dirigentes sindicais durante o 10º Encontro Nacional dos Trabalhadores Hoteleiros, que foi realizado pela FETRHOTEL (Federação Interestadual dos Trabalhadores Hoteleiros de São Paulo e Mato Grosso do Sul) durante os dias 25 e 26 de fevereiro, no Leques Brasil Hotel Escola, em São Paulo.

Geraldo Pereira lembrou que depois de várias investigações, no Brasil, tanto em âmbito federal, como estadual e municipal, em vários países latino-americanos e em países europeus, a “Auditoria Cidadã da Dívida”, determinou que existe um sistema da dívida. O que é isso? É a utilização desse instrumento, que deveria ser para complementar os recursos em benefício de todos, como o veículo para desviar recursos públicos em direção ao sistema financeiro, engordando assim os cofres da banqueirada interna e externa.

Assim não podemos avançar nas questões mais elementares e básicas do nosso desenvolvimento, pobre Povo brasileiro! Somos todos reféns desse crime lesa-pátria, inclusive e principalmente os sindicatos e seus trabalhadores, metade de tudo que arrecadamos, e que deveria ser aplicado na qualidade de vida da população, em projetos sociais, escolas, saúde, saneamento, habitação, etc, é sugado por verdadeiros tubarões do capital.

“E os ataques ao Movimento Sindical não param aí, a Operação Lava-Jato, que precisa prender todos que vem roubando a Petrobras há algumas décadas, não pode se tornar um instrumento para culpar só o PT e os governos Lula e Dilma. Isso é no mínimo irresponsável, além de uma tremenda injustiça”, afirmou Geraldo Pereira.

A operação Lava-Jato é o caminho indispensável para atingir esse objetivo, fazendo crer ao nosso Povo que ela vai resolver todos os problemas do Brasil, e o próximo desdobramento dessa campanha sistemática e venal da mídia dominante, com o objetivo de entregar as riquezas do Brasil ao capital externo pode ser uma espécie de Lava-Jato sindical. Isso causaria um impacto tão grande no Movimento Sindical que jamais seria reabilitado para as Lutas.

“A proposta de extinguir a Contribuição (ou imposto) Sindical e o fortalecimento da Terceirização para dar fim a Carteira de Trabalho, voltaria com toda força nas pautas diárias para garantir que sejam sepultadas no Congresso Nacional. A mídia comercial aí está absoltamente irmanada nessa triste e vergonhosa missão, querem liquidar com as conquistas dos trabalhadores, acumuladas em anos de muitas lutas, sangue, suor e lágrimas”, disse.

Uni-vos, é hora da tão sonhada e necessária UNIDADE. Do contrário poderemos sofrer uma derrota definitiva.

Durante o Encontro conversamos com o dirigente sindical Luiz Parente Dias, presidente do SINDEHOT-SBC. Esse aguerrido lutador foi entrevistado por Geraldo Pereira. Assista agora:







***





O BRASIL PRECISA REGULAMENTAR E LEGALIZAR AS DROGAS ILÍCITAS. MAS PRIMEIRO VAMOS AO DEBATE QUE NOS É NEGADO PELA MÍDIA HEGEMÔNICA

A sociedade brasileira precisa refletir e debater com extrema urgência a questão da proibição das drogas ilícitas, mas sem preconceitos, do contrario continuaremos sendo vitimas do “mostro” que ajudamos a criar e estamos alimentando. Precisamos aprovar e regulamentares Leis, principalmente para a prevenção dessas substâncias. Essa questão não afeta somente traficantes e usuários, mas toda população, somos vitimas dessa grande corporação multinacional chamada narcotráfico.

Estima-se que mais de 200 milhões de pessoas consomem drogas ilícitas no mundo, e certamente mais de US$ 500 bilhões circulam por ano, em função da proibição do mercado das drogas ilícitas. Os ricamente favorecidos: banqueiros, sistema financeiro e bolsas de valores, responsáveis pela lavagem de dinheiro proveniente do comercio ilegal, e claro, os “empresários” do narcotráfico. Segundo um estudo elaborado pela ONU, a lavagem do dinheiro do narcotráfico serviu para salvar vários bancos da bancarrota.

A escalada do poder econômico do narcotráfico teve inicio com a proibição de algumas drogas nos Estados Unidos da América, isso na primeira metade do século XX. Nessa época até as bebidas alcoólicas foram proibidas, lembram da famosa Lei Seca de 1919. Os proprietários de fabricas forçaram a proibição de diversas drogas, pois estavam interessados no aproveitamento máximo da força de trabalho, a coerção industrial estabeleceu como principais alvos o sexo (prostituição), e as drogas. A partir da década de 60 ocorreu a grande explosão do consumo, houve  aumento significativo da demanda de maconha, haxixe e cocaína no EUA e na Europa, estimulando a formação dos famosos cartéis mafiosos aqui na América do Sul. Colômbia, Peru e Bolívia.

Não faz sentido seguirmos repetindo chavões e piadas idiotas de drogados e traficantes, não é sensato e bom para o conjunto da sociedade que continuemos reproduzindo preconceitos moralistas, deixando esse importante debate de lado, obscurecido. Lembremos que são drogas tanto medicamentos lícitos vendidos em qualquer farmácia, quanto álcool, tabaco e as drogas ilícitas como maconha, cocaína, etc. O uso descontrolado de qualquer droga pode ser problemático e perigoso, então se faz necessário políticas publicas e sociais voltadas para a prevenção e o tratamento dos dependentes químicos, seja a droga que for.

“Guerra às Drogas”

Vivemos o cotidiano do contraditório e da criminalização da pobreza, a proibição só amplia a desigualdade social, a repressão, e a exploração da classe trabalhadora. Alguns indivíduos são recrutados ou seduzidos, e encontram na comercialização das drogas seu meio de sobrevivência. A juventude negra e pobre que vive nas periferias e favelas do Brasil é a principal vítima da chamada “Guerra às Drogas”, que é a grande justificativa para ações policiais que esculacham e matam diariamente dentro dessas comunidades.

O Estado por meio dos governantes e parlamentares do sistema, e de seu braço militar e jurídico, elege o “Tráfico” como sendo o mal a ser combatido na sociedade, e baseia sua política de segurança pública no seu combate, contando com a sustentação ideológica feita pela "grande" mídia. Foi, e é por termos governos com essas características que fomos um dos últimos países do mundo a abolir a escravidão. E mesmo depois de aboli-la mantivemos todo o apartheid, comprovado com a repressão aos “rolezinhos” atualmente.

Sobre esse tema prioritário para o povão massacrado, e para os rumos políticos do país, seguimos desinformados e iludidos pelo jornalismo de mercado. Omitindo-nos e fazendo piadinhas de mau gosto, milhares de pessoas morrem todo ano em função do mostro ilegal que ajudamos a alimentar (com omissão e desinformação), e criamos. Mas assim como alguns países vizinhos estão fazendo, com debate sem preconceito, e sem nos eximir, podemos transformar algo perverso e destruidor, em projetos sociais, medicinais, industriais, trabalhistas, e também libertários e criativos.

Com tudo isso, estaremos melhorando nossa tão degradada qualidade de vida, fortaleceremos a Liberdade de Expressão e Individual, estaremos avançando e contribuindo para atingirmos a sonhada Democracia Real. *Em 18/01/2014.






***







O JORNALISMO DE MERCADO

NÃO TEM COMPROMISSO COM A SOCIEDADE


A imprensa sempre teve uma posição política desde os primórdios de sua existência. Ao longo dos 200 anos de história do jornalismo brasileiro sempre tivemos jornais e revistas que não fazem parte do esquema das classes dominantes; sempre tivemos veículos ligados às lutas dos trabalhadores e às correntes de pensamento contrárias ao capitalismo. Sempre tivemos imprensa libertária, anarquista, socialista e comunista, seja no campo dos jornais alternativos, e mesmo na chamada grande imprensa.

Mas a partir da ditadura militar-empresarial apoiada pela CIA (1964-1985), com patrulhamento ideológico permanente nos grandes jornais, censura, perseguição e mortes, surgiu um tipo de pensamento único, e se consolidou o jornalismo “chapa branca”, pautado pela versão dos vitoriosos. Nesse período de nossa história a imprensa contra-hegemônica ou alternativa, que também foi chamada de nanica, assumiu a luta pela democracia, contra o autoritarismo e as violências do Estado. Os veículos de comunicação que resistiam acabaram fechados por falta de publicidade.

Hoje, a imprensa de mercado, se afigura a um instrumento de Estado ou de grupos econômicos, uma poderosa ferramenta a serviço das classes dominantes. O jornalista virou um funcionário burocrata. A única saída digna é ocupar os espaços da imprensa alternativa, seja pela internet, pelos movimentos sociais, ou pelos partidos legitimamente de esquerda. Este jornalismo que se consolidou nas grandes Redações, nas revistas semanais, é cada vez pior, profissional, política e culturalmente. A perda do senso crítico é um fato.

A última grande geração de jornalistas militantes do nacionalismo de esquerda, foi derrotada com o golpe de 1964 e ficou relegada ao segundo plano. Osvaldo Costa, Lourival Coutinho, Fernando Segismundo, João Antonio Mesplé, Gumercindo Cabral, Edmar Morel, entre outros, foram profissionais que trabalhavam com ética, sinônimo de integridade e lisura profissional, interesse público e dignidade pessoal. Helio Fernandes, para não ficar relegado ao segundo plano, fez da Tribuna da Imprensa sua trincheira de luta e resistência ao autoritarismo.

As novas gerações de jornalistas, e estudantes de comunicação, na maioria não sabem nem que um dia existiu jornalismo assim.

Edmar Morel, é um ótimo exemplo dessa geração. Começou fazendo reportagem, depois fez livro-reportagem e, em seguida, jornalismo histórico. Fazia não só um livro sobre determinada reportagem, mas também, se dedicava a pesquisa histórica a partir do jornalismo. Fazia a pesquisa histórica e, ao mesmo tempo, escrevia de uma maneira jornalística com texto mais agradável, mais claro, fácil de entender. Atualmente podemos citar, dentre outros cada vez mais raros, Fernando Moraes nesta linha de trabalho.

A partir de 1964, foram criadas gerações de jornalistas que não tiveram contato com essa geração anterior, criando este vácuo, um enorme vazio. Ao mesmo tempo, a ditadura foi cerceando o perfil de jornalista mais crítico, mais investigativo. Não apenas a ditadura, mas também a “evolução” das empresas jornalísticas sob a forte influência do grande capital.

A “reinvenção” do jornalismo

A mídia dominante usa seu poder para sustentar ideologicamente o sistema capitalista, são necessárias mais vozes críticas ao modelo de sociedade hegemônico, precisamos “reinventar” o jornalismo. Falta na grande imprensa, hoje, uma proposta editorial no campo da esquerda, que paute as mazelas produzidas pelo capitalismo, que priorize a defesa da igualdade e os direitos humanos (moradia, saúde, educação, cultura, comunicação, lazer, etc) atuando na oposição ao neoliberalismo. Defendendo o fim dos privilégios e das discriminações, dos preconceitos e da violência do Estado contra todos que lutam por seus direitos fundamentais.

Após o fim da ditadura, que durou 21 anos, não surgiu nenhum homem de mídia ousado, que investisse e apostasse na criação de um grande veículo de comunicação com uma linha editorial mais independente em relação aos Governos e grupos empresariais; que produza um conteúdo com mais qualidade jornalística, com boas reportagens e entrevistas, com material mais crítico e mais comprometimento com as posições dos trabalhadores e movimentos sociais.

Continuamos vivendo uma grande contradição: de um lado o modelo econômico favorece a concentração dos meios em poucos oligopólios, que dominam e controlam a informação que circula no mundo; de outro lado existe uma pressão cada vez maior da sociedade para que o Estado adote medidas no sentido da democratização, já que a mídia dominante usa seu grande poder para a sustentação ideológica do sistema. É preciso que os meios de comunicação (tvs, rádios, jornais e revistas) assumam compromissos com a transformação social, econômica e política do Brasil.

Ficou apenas para a imprensa alternativa, cada vez mais nanica, fazer o contraponto a imprensa dominante, de mercado, ligada ao capital. A publicidade privada procura fortalecer os veículos do mercado, a mídia neoliberal concentra a maior fatia das verbas privadas de publicidade nos veículos que defendem a sociedade capitalista. Quem tem o dever de democratizar as verbas publicitárias são os poderes públicos, na medida em que deveriam contemplar todos os veículos da sociedade, sem discriminação, inclusive aqueles que acreditam num outro sistema político-econômico. Defendo que as verbas publicitárias sejam distribuídas de forma equitativa para todos os meios de comunicação. Isso seria o início de um processo de democratização da comunicação, necessário e fundamental para a sociedade brasileira.

A internet e o papel da universidade

A internet ainda tenta escapar do controle do sistema, mas também já se apresenta como uma ferramenta a mais para fortalecer o capitalismo. As mensagens comerciais ganham em muito das mensagens de conteúdo libertário, independente e contra-hegemônico. Hoje, a internet já é o segundo faturamento publicitário brasileiro. Os sites mais visitados são os mesmos da mídia empresarial tradicional. É preciso reforçar e defender o espaço de liberdade na internet, especialmente o que está ligado às lutas dos trabalhadores e às transformações sociais e políticas.

Outro problema crucial é a formação dos estudantes de Jornalismo e o papel que a universidade precisa cumprir. Lamentavelmente as universidades brasileiras estão perdidas porque não estão sintonizadas com nenhum projeto de nação. Estão apenas formando mão-de-obra para o mercado, o que significa não se preocupar com a pesquisa, a experimentação, a inovação e o contato com o povo brasileiro. Raras universidades se relacionam com os movimentos sociais, poucas interagem com os excluídos, explorados e oprimidos.

Os cursos de Jornalismo não escapam dessa lógica, não conseguem contribuir de forma efetiva para as transformações que a sociedade brasileira está a demandar há muitos anos. O que falta no país é envolver a universidade num amplo projeto de inclusão – com o Jornalismo envolvido diretamente nesse projeto. Assim todo estudante, saberá por que está fazendo jornalismo.

As novas gerações precisam entender o verdadeiro papel da comunicação de massa e do jornalismo, precisa ser sensível e estar atenta às lutas dos trabalhadores, aos movimentos sociais e a crítica ao modelo neoliberal. A sociedade precisa dessa imprensa mais independente, crítica, que pode expor e debater todas as mazelas do sistema capitalista. Só assim poderemos propor e construir um verdadeiro projeto de nação, hoje só a imprensa alternativa cumpre um papel relevante de elevar o nível da consciência sobre a realidade do Brasil e do mundo.
*Publicado originalmente em setembro de 2013 no Bafafá.


















DESTEMIDO E INCANSÁVEL CATEDRÁTICO DO JORNALISMO BRASILEIRO, PARABÉNS! 


O jornalista Helio Fernandes completa hoje 95 anos de vida! Segue artigo publicado em 2014 quando o nonagenário e sábio repórter completou 94, e continua atuante, polêmico como sempre. Aqui, ainda temos o privilégio de acompanhar as lúcidas análises políticas dessa extraordinária legenda do jornalismo crítico no Brasil. Parabéns amigo!

Helio Fernandes e Daniel Mazola, durante a festa de 100 anos da Associação Brasileira de Imprensa-ABI no Teatro Municipal do Rio de Janeiro em 2008.
Eis um brasileiro de verdade, um monumento à liberdade de imprensa que hoje completa 94 anos. Como sabemos, fãs de carteirinha, estou falando do decano do jornalismo brasileiro, Helio Fernandes, crônica viva dos últimos setenta anos de História.

Helio Fernandes é parte de uma geração de jornalistas militantes do nacionalismo de esquerda, foi derrotado com o golpe militar-empresarial-civil de 1964 e fez da Tribuna da Imprensa sua trincheira de luta para não ficar relegado ao segundo plano.

Tribuna e Helio se fundem. Sob a batuta do maestro, o jornal sempre esteve associado ás lutas democráticas, jornalismo ético e com compromisso social, e a resistência ao regime totalitarista. Helio foi preso e excluído da cidadania, mas ressurgiu ainda mais altivo, destemido e incansável, merecendo também a definição de jornalista catedrático da democracia brasileira. Está ao lado de grandes nomes como Gonçalves Ledo, Líbero Badaró, Frei Caneca, Barbosa Lima Sobrinho, Rui Barbosa e José do Patrocínio.

Helio Fernandes sempre trabalhou com ética - é um dos grandes sinônimos de integridade e lisura profissional -, com interesse público e dignidade pessoal, e, continua aos 93 anos. Lembro-me do Dr. Barbosa Lima Sobrinho escrevendo sua coluna no Jornal do Brasil aos 103 anos, mas poucos conseguem chegar tão longe, e com a cabeça ainda mais lúcida pela sabedoria e aprendizado de décadas.

Mesmo após muito sofrimento, pessoal e profissional, o repórter e analista continua preocupadíssimo com os rumos do Brasil, com as demandas da sociedade, que exigem a democratização da mídia e um jornalismo plural, diverso, que represente o povo, seja sensível e atento às lutas e a crítica ao modelo neoliberal. Acompanho as lúcidas análises políticas dessa legenda do jornalismo crítico, desde o início da década de 80, período de minha adolescência, quando tomei conhecimento que existem várias formas de se tratar a notícia.

Helio Fernandes sempre tratou a informação de forma crítica e independente, expondo e debatendo todas as mazelas do sistema.

Agora tenho a satisfação de dividir espaço, aqui no novo TRIBUNA DA IMPRENSA ONLINE, com quem sempre admirei e me espelhei para ser o profissional, e pessoa, que sou hoje, fazendo jornalismo com qualidade e compromisso social. Assim como o mestre, entendo que só com direito a informação plural e diversa, poderemos propor e construir uma democracia real e um verdadeiro projeto de nação. Parabéns pelos 94, mestre Helio, que você continue assim mais 1000 anos!








***





A BLACK FRIDAY PASSOU, AGORA É NATAL,
O ÁPICE DA CELEBRAÇÃO DO CONSUMO


A celebração do Natal, festa cristã que deveria consagrar a união amorosa dos indivíduos, serve, antes, para a separação dos mesmos, mediante a distinção social promovida pelo poder de consumo. Karl Marx ensinou que o fetichismo da mercadoria consiste no ocultamento da relação social que passa a ser mediada pelas mercadorias, e não mais entre seus produtores e indivíduos.

Nos dias atuais, todos os valores religiosos, sagrados e dogmáticos do Natal são profanados pela ideologia capitalista, e as artimanhas publicitárias capitaneadas pela sociedade de consumo transformaram a celebração natalina em um evento dissociado de seu objetivo primordial. A prova de amor entre os entes queridos consiste em se dar presentes caros. De acordo com cientistas sociais e pesquisadores “a publicidade recupera todos os valores para melhor desvalorizá-los e difundir sua ideologia consumista. É uma poluição pluridimensional, que não tem outra finalidade se não estimular o consumo dos produtos do sistema industrial, isto é, da matriz de todas as poluições. Nesse sentido, a publicidade é a poluição das poluições”. 

A sociedade capitalista é baseada nos signos de consumo, sucesso pessoal e promessas de felicidade mediante a satisfação do gozo. As relações pessoais estão longe de serem calcadas somente na afetividade. Vive-se a era em que o status e os signos das marcas são combustíveis para a aquisição de um pretenso bem-estar existencial. A felicidade interior evadiu-se na sociedade de consumo, poucos são capazes de vivenciá-la plenamente no cotidiano, muitos consideram que o bem-estar efêmero decorrente da fruição dos bens de consumo é a autêntica felicidade, de modo que criam, assim, uma confusão fundamental entre as duas experiências. Conforme a perspicaz análise de Erich Fromm (1900-1980), “a felicidade do homem moderno consiste na emoção de olhar vitrines e comprar tudo o que lhe é possível, à vista ou a prazo”. 

A partir do desenvolvimento do regime capitalista, as relações interpessoais passam a ser mediadas pelas coisas, ou seja, quem nada tem nada é; decorre daí todas as distinções sociais provenientes da exaltação das posses materiais. Passamos a projetar nos objetos qualidades fantasmagóricas que interferem imediatamente nas relações sociais, interpondo-se entre os indivíduos, originando-se daí o fenômeno denominado por Karl Marx (1818-1883) como “fetichismo da mercadoria”. 

Os objetos adquirem qualidades mágicas que encantam os sentidos dos consumidores, e todas as relações sociais são mediadas por objetos de consumo, que se tornam barreiras entre as subjetividades. Assim, o caráter alienado de um mundo em que as coisas se movem como pessoas, e as pessoas são dominadas pelas coisas que elas próprias criam. A consciência humana projeta para o produto uma espécie de energia oculta que se torna seu objeto de culto sagrado, celebrado nos altares capitalistas das vitrines das lojas. 

Consumo: felicidade e angústia

A sociedade de consumo em sua falência ética considera que a morte de um cidadão é menos importante que as vitrines de uma loja atacada pelo clamor popular, e empresários cínicos fazem patéticos rituais fúnebres para os produtos destruídos pela ação revolucionária das multidões, mas sequer se preocupam com as condições de vida dos miseráveis deserdados cotidianamente pelo Estado plutocrático, capitalista. Esse mesmo empresário que condena a luta popular contra a opressão pelo fato de tal revolta prejudicar os seus interesses pecuniários é o mesmo sujeito que oprime o trabalhador impondo-lhe jornadas de trabalho exaustivas em nome do cumprimento de índices de venda exorbitantes, pagando-lhe uma miséria por sua labuta.

Os critérios “morais” da sociedade consumista, herdeira do tecnicismo industrial, consistem na obrigação incondicional do indivíduo se apresentar publicamente como alguém plenamente capacitado a consumir, mesmo que tal ato não resulte na satisfação de uma necessidade básica, imprescindível para o estabelecimento do bem-estar e saúde individual. A lógica consumista faz da disposição de adquirir coisas uma necessidade vital, e o sistema espetacular da propaganda contribui de forma colossal para tal relação fetichista.

O Papai Noel não vem pra todos, apesar da falácia publicitária. Inúmeras crianças são frustradas pelo fato de não obterem os presentes tão desejados. Muitos pais se sentem humilhados e constrangidos por não conseguirem comprar os presentes dos seus filhos. Sendo assim, são consumidores falhos que não cumpriram as metas normativas do capitalismo natalino.

O amor sagrado sucumbiu diante do poder diabólico das mercadorias encantadas.

Feliz Natal!?







***







RIVALDO,

UM VALOROSO E DEDICADO LUTADOR

Geraldo Pereira e Rivaldo Morais da Silva.
O Bairro da Vila Madalena, na capital paulista, fica bem próximo ao Centro da Cidade, são cinco Estações de Metrô. É nesse bairro tradicional que estão situadas na mesma edificação a Federação Estadual e Nacional dos Frentistas, e a pouco mais de 20 metros encontra-se o Sindicato dos Frentistas da Cidade de São Paulo (SINPOSPETRO-SP). A Primeira entidade da categoria fundada no Brasil, há pouco mais de 2 décadas, e cuja sede tive oportunidade de visitar. Acompanhado do meu colega e amigo, Geraldo Pereira, fui apresentado ao presidente, o alagoano Rivaldo Morais da Silva, com quem mantive uma longa entrevista e tomei mais conhecimento das lutas dessa brava categoria.

As acomodações e o serviço social muito me impressionaram, de modo geral observei a dedicação plena do presidente, e um esmerado bom gosto em todos os departamentos. Ele elabora os projetos de construção e as obras da sede, pensa em todos os detalhes, e também faz as cotações de produtos e serviços. Nos explicou o quanto já economizou em muitos contratos e compras.

A posse da nova gestão do presidente Rivaldo, e de seus companheiros de diretoria, se dará muito brevemente e a TRIBUNA DA IMPRENSA ONLINE estará presente, aproveitaremos para fazer uma longa matéria sobre as perspectivas e desafios do novo período que se aproxima.

Habituado a lidar com sindicatos e sindicalistas há no mínimo 20 anos, fiquei muito bem impressionado com o que vi, constatando a profunda preocupação do aguerrido dirigente.

No Rio de Janeiro a TRIBUNA DA IMPRENSA ONLINE também está a par de todas as atividades da categoria, liderados pelo seu presidente Eusébio Pinto Neto. Em nossas páginas, tem sido constantes a presença do SINPOSPETRO-RJ, divulgando suas lutas e agenda em defesa dos frentistas. Nosso dever é apoiar os interesses nacionais e populares, sendo assim não baixaremos a guarda na defesa do Movimento Sindical Brasileiro.






***






ABSOLUTA SORDIDEZ PATRONAL
CONTRA OS SINDICATOS E SEUS DIRIGENTES!


A nova campanha da mídia comercial para atingir, denegrir e eliminar direitos da classe trabalhadora não encontra limites. Quando não atacam governos eleitos democraticamente, cuja participação da classe trabalhadora por intermédio dos Sindicatos, Federações, Confederações e Centrais Sindicais é garantida, ataca o próprio movimento sindical. Se servindo de meia dúzias de pelegos, que se servem ou se serviram das entidades sindicais, roubando o seu patrimônio, dirigindo as entidades com se fossem propriedades suas, e o exemplo mais marcante está exatamente na triste figura do pelego Luizant Mata Roma (já falecido) que veio para o movimento sindical com a Ditadura Militar de 64, nomeado interventor do Sindicato dos Comerciários do Rio de Janeiro em 1966.


Durante as 4 décadas que esteve a frente do Sindicato dos Comerciários, praticou todos os atos de profunda irresponsabilidade, mormente no aspecto material. Com seu falecimento em 2006, assume a presidência do Sindicato seu filho, Otton da Costa Mata Roma. Os escândalos e roubos superaram o pai. Diante de tantas e tantas vezes denunciado, o Ministério Público acordou, promoveu a intervenção determinando novas eleições e, afastou a família Mata Roma por nepotismo.

Para a mídia serviçal do imperialismo capitalista não basta eleger um parlamento conservador que tem solapado direitos históricos da classe trabalhadora. Querem extinguir o movimento sindical no país, inviabilizando-o financeiramente.

Informações de bastidores dão conta que existe uma campanha sórdida e maquiavélica orquestrada pela FIESP e FIRJAN. A série de matérias publicada pelo jornal O Globo, entre os dias 20 e 25 de julho, intitulada Dirigentes sindicais se eternizam no poder é um evidente exemplo disso.

Matérias extremamente tendenciosas e completamente desfavoráveis aos interesses da classe trabalhadora vem sendo produzidas. Todas as Redes de Televisão (TV Globo, Rede Record, Band, SBT, Rede TV) além da imprensa escrita (tendo a sua frente os jornais, O Globo, Folha de SP e o Estadão), são as principais produtoras desse conteúdo venal. Logo mais essa nefasta campanha será ampliada para todo o território nacional via os jornais locais como: Zero Hora (RS), Correio Brasiliense (DF), Jornal do Comercio (PE), entre outros.

A proposta de extinguir a Contribuição (ou imposto) Sindical e o fortalecimento da Terceirização para dar fim a Carteira de Trabalho, voltará com toda força nas pautas diárias para garantir que sejam sepultadas no Congresso Nacional.

As tentativas de criminalizar a Luta da Classe Trabalhadora, mostram o quão as Entidades Sindicais verdadeiramente comprometidas com os interesses dos trabalhadores são necessárias e fundamentais.

Click nas imagens abaixo, veja agora as reportagens de O Globo e alguns vídeos dessa sórdida campanha contra o movimento sindical. Só unidos barraremos esse Golpe contra a Classe Trabalhadora e o Povo Brasileiro!













***






COMO EXPLICAR A MAIS VALIA PARA UMA CRIANÇA. COMO ERA A TELEVISÃO NA UNIÃO DAS REPÚBLICAS SOCIALISTAS SOVIÉTICAS?

A - A roda (o sistema capitalista com sua meritocracia).

B - O queijo (a promoção, a foto de "funcionário do mês", o aumento, os benefícios, as regalias do cargo...quando se alcança, é porque o patrão lucrou 100 vezes isso).

C - O rato (o trabalhador e sua esperança de prosperar tal qual seu chefe).

D - A luz acesa (a força do trabalho, o resultado do "aluguel" que o patrão paga ao funcionário pela sua competência).

Quer ver como era a televisão soviética?

Sempre quis fazer essa pesquisa, como foi o início da televisão soviética? Encontrei alguma informação em sites que localizei, descobri um pouco dessa história e dos momentos da televisão soviética, que a primeira vista não havia nada de especial. Possuía cinco canais estatais, como qualquer país avançado (a Espanha, por exemplo, só possuía um canal até 1989), mais os canais locais e nacionais. A diferença estava na qualidade de sua programação, ainda mais se compararmos com a televisão de hoje em dia.

O boletim de notícias se transmitia diariamente, com a estrutura que se conserva até hoje: notícias nacionais, internacionais, economia, cultura, esportes e a previsão meteorológica. No fim de semana havia um especial com as informação mais relevante da semana, um programão dominical do tipo 'Fantástico'.

No seguinte vídeo podemos ver a abertura dos principais programas da televisão soviética.



Havia programas infantis como o “Alarme”, “A volta ao mundo”, “Xadrez escolar”, existia também um canal dedicado exclusivamente a programas educativos, onde se ensinavam línguas estrangeiras, música, ciência, matemática, língua russa e etc., os desenhos animados eram de uma qualidade magnífica.

Documentários de divulgação científica, como “No reino animal” ou de ficção científica, como “Este mundo de fantasia”, dirigido pelo cosmonauta Georgy Grechko. Programas de divulgação científica eram muitos, dirigidos tanto a especialistas, quanto de divulgação mais popular, como para crianças. Programas culturais, como “O clube de viagem”, que foi transmitido de 1960 até 2003 e “Kinoparama”, de crítica cinematográfica, melodias e ritmos estrangeiros. E de debates políticos, como “O homem e a Lei”.

Programas de humor, como “Ao redor da risada”, de entretenimento, como “A luz azul”, séries como “13 cadeiras” – da qual Brejnév era fiel seguidor. Os telespectadores também podiam disfrutar de filmes e longas metragens.

Um programa especialmente significativo era o “Panorama Internacional”. Transmitia-se aos domingos, às 19 horas. Ele tratava das notícias internacionais da semana, das lutas dos trabalhadores do mundo, do desemprego, do racismo, dos movimentos de libertação nacional, das ameaças à paz mundial e etc. Nas noites de domingo também se transmitia “Sirvo à União Soviética”, programa dedicado à vida dos soldados e militares soviéticos (depois dos noticiários, era o programa com a maior audiência).

No ocidente sempre nos fizeram pensar que a União Soviética era monótona, triste, e que não havia outra opção. É lógico imaginar uma televisão chata, cinza, sem a opção de trocar de canal; porém, a realidade era bem diferente. Hoje a TELEBASURA globalizada inunda a Rússia e as ex-repúblicas soviéticas. E assim como no Brasil, o sensacionalismo e a busca imediata pela audiência destruiram a qualidade da televisão soviética.

Sempre digo e repito: a luta pela democratização da mídia é "a mãe de todas as lutas". Somos dominados, idiotizados e escravizados através da mídia comercial e hegemônica.







***







EXPLORAÇÃO ECONÔMICA DA ORLA CARIOCA,
E OS GUARDA-VIDAS?



O Posto 4 da orla de Copacabana explode (26/7), provocando queimaduras graves em dois Bombeiros Guarda-Vidas. OrlaRio "dá de ombros" e finge não ser responsabilidade dela o vazamento de gás oriundo do esgoto. Na semana seguinte novo vazamento de gás é constatado pela CEG no Posto 2 da Barra da Tijuca, local interditado, evacuado, problema resolvido no dia seguinte já sem vazamento.

Em quantos Postos de Salvamento a OrlaRio designou equipes da CEG para vistoria após os incidentes? Qual órgão competente inspecionou os Postos de Salvamento no intuito de prevenir novos acidentes?

OrlaRio e Prefeitura não indenizaram, não pediram desculpas, nem sequer procuraram os Guarda-Vidas acidentados...

Não é novidade a maneira como os Guarda-Vidas são tratados, uma infra estrutura inadequada, que coloca em risco a vida de profissionais que estão ali para salvar outras tantas vidas. O sucateamento da orla e do serviço de salvamento por hora nos parece não ser um problema em si, mas um projeto político. A situação indigna que os Guarda-Vidas são expostos não é surpresa, foi a locomotiva do Movimento dos Bombeiros em 2011, mas o cenário pouco mudou.

Os Postos de Salvamento eram pertencentes ao antigo Distrito Federal, posteriormente Estado da Guanabara, abrigaram Guarda Vidas dos antigos Serviço de Salvamento e Corpo Marítimo de Salvamento (1917/1983), que já sofriam com o descaso das autoridades, fato que levou a entrega do serviço ao Corpo de Bombeiros.

Hoje a administração dos Postos de Salvamento está a cargo da Prefeitura, Eduardo Paes é o "dono" do ambiente de trabalho e através da concessionária OrlaRio, administra ao seu bel prazer, situação onde os Guarda-Vidas, verdadeiros instrumentos para salvar são inquilinos dos postos de salvamento. O salvamento passou a ser objeto secundário de um banheiro público, onde o uso é cobrado (tarifado) com roleta (girando bastante dinheiro)...

E os verdadeiros "donos" do local, do que deveria ser um ambiente de trabalho, continuam sendo tratados como relegados.

Porque um local que deveria ser operacional dos Guarda Vidas é tratado com tanto descaso? Ao invés de pranchões, jet-ski, quadriciclo, oxigênio, desfibrilador e leito para recuperação de afogados, temos comércio, péssimo serviço de banheiro "público", e muitos interesses obscuros. Ao invés de postos de salvamento voltados para o salvamento, temos locais insalubres, úmidos, infiltrados, com fiação exposta, vazamento de gás, e diversos problemas estruturais...

NA VERDADE a prioridade não é um posto e serviço de salvamento, e sim a exploração econômica de banheiros públicos em toda orla da cidade do Rio de Janeiro. O Guarda-Vidas é apenas um coadjuvante, o contador da roleta cujo controle é da concessionária é o ator principal.






***








INACREDITÁVEL, VIVA O BRASIL!

GERALDO PEREIRA e DANIEL MAZOLA -


Bandidagem presa, e, naturalmente libertada! Na sequencia fotográfica, Celso Pitta, ex-prefeito de São Paulo. Banqueiro Daniel Dantas. O mega-especulador Naji Nahas. Todos algemados e conduzidos a Polícia Federal. O ex-governador biônico de São Paulo e ex-prefeito da capital paulista, Paulo Maluf, também foi preso e agora ri feliz da vida. O ex-deputado federal e ex-coronel da Polícia Militar do Estado do Acre, tristemente conhecido como Hildebrando “Motosserra”, (assassinava seus prováveis inimigos serrando-lhes os corpos), foi condenado há mais de 100 anos de prisão.

Histórico atualizado: Prefeito Celso Pitta faleceu na capital paulista em 2009. Banqueiro Daniel Dantas continua ganhando muito dinheiro, muito mesmo! O que também podemos dizer sobre o mega-especulador Naji Nahas. Paulo Maluf, continua as gargalhadas e com mandato de deputado federal, não obstante a Lei da Ficha Limpa. Há pouco a juíza Luana Cláudia de Albuquerque Campos, da Vara de Execuções Penais do Estado Acre, concedeu a Hildebrando Pascoal a progressão de regime, para o semiaberto. Essa medida foi anulada liminarmente pelo desembargador Roberto Barros, do Tribunal de Justiça do Acre, no último dia 5 de agosto. Agora, o mérito está para ser julgado.

O Delegado Protógenes Queiroz, notabilizou-se perante a consciência cívica da Nação pela coragem demonstrada a frente da Operação Satiagraha, que levou a prisão aqueles que sem escrúpulo estavam saqueando os dinheiros do sofrido povo brasileiro.

Foi eleito deputado federal pela legenda do PCdoB no Estado de São Paulo, tendo exercido o mandato no período de 2010 a 2014.

O corpo de criminalistas famosos, a serviço do banqueiro Daniel Dantas, com amplas e poderosas relações de amizades em todo território nacional, conseguiram para tristeza e vergonha da Nação pensante fazer com que o deputado federal Protógenes Queiroz fosse julgado, não pelo Supremo Tribunal, composto de 11 Ministros, direito que até então tinham todos os parlamentares federais, mas por uma turma de cinco Ministros.

No dia do julgamento, faltou um Ministro. Com o pedido de suspeição do Ministro Gilmar Mendes, o deputado Protógenes Queiroz foi condenado pelos três membros do Supremo Tribunal Federal: Teori Zavascki, Celso de Mello e Cármen Lúcia. Fato absolutamente inacreditável e que agride a inteligência brasileira.

O cidadão brasileiro Protógenes Queiroz, hoje, com 56 anos de idade, foi condenado pelos três Ministros acima citado, componentes da primeira turma em outubro de 2014.

Eis a sentença:

1 - Condenação por violação do sigilo funcional qualificada, resultante em dano à administração pública.

2 - A pena — de dois anos e seis meses, em regime inicial aberto — foi convertida em restritiva de direitos (com prestação de serviços comunitários e prisão domiciliar aos finais de semana).

3 - Direitos políticos suspensos por 8 anos.

4 - Perda do cargo público de delegado da Polícia Federal.

- Multa de cem mil reais (R$ 100.000,00).




***




EM FUNÇÃO DAS DEMISSÕES, GARIS EM LUTA PRECISAM DE APOIO! DILMA OLHA PARA SUA IMPOPULARIDADE. PAES CONDENA GOLPE E SE PROJETA PARA 2018. DILMA PERTO DO CHÃO, PAES PERTO DO CÉU...




***




SÓ HAVERÁ REVOLUÇÃO DE FATO SEM COOPTAÇÃO E CAPITULAÇÃO


O 7º Ciclo de Formação Política da ABMERJ foi especial, o varandão-sala da cobertura da Rua da Lapa ficou pequeno para os cerca de 50 participantes que compareceram. São lutadores que já provaram sua coragem e convicções, alguns foram presos como os bombeiros e ativistas políticos, e a meu ver são esses que não se dobrarão jamais, revolucionários autênticos reafirmaram que no Estado capitalista não há lugar para os interesses da classe trabalhadora.

De pé ao fundo Marcelo Mata (diretor Abmerj), sentados a mesa estão Celio Gari, Mesac Eflaín (presidente Abmerj), o ativista Igor Mendes, Jacqueline Alves (jornal Inverta), Janira Rocha (Sindisprev) e o anarquista Pedro Rios Leão.
Quando em junho de 2013, milhões de pessoas foram às ruas, a pressão sobre o capital obrigou o Estado a fazer pequenas concessões, as quais já foram retiradas assim que o quadro de relação de forças voltou a favorecer ao capital. Aí voltou à repressão pesada, as velhas perseguições de sempre, prisões de muitos lutadores como a do bravo Igor Mendes (que injustamente amargou sete longos meses numa fétida e insalubre penitenciário no complexo de Bangu), e até a tarifa de ônibus já subiu e seguirá sua escalada de exploração até a nova jornada de reivindicações. Ou a tão sonhada e derradeira explosão social que resolva a maior parte das mazelas sociais.

Reafirmamos no encontro político que concessão não é sinônimo de pertencimento da classe trabalhadora ao velho Estado capitalista. É ilusório pensar que os trabalhadores e trabalhadoras chegam ao Poder ou ganham pedaços do Poder quando ex-sindicalistas e ex-militantes de “esquerda” são eleitos para cargos no Estado.

Na realidade, quem ganha força com a cooptação dos pelegos para o Estado é o capital. E geralmente essa cooptação de militantes para cargos no Governo e no Estado não ocorre depois de eleitos (para cargos do Legislativo ou mesmo do Executivo), mas antes e como pressuposto para a ocupação de referidos cargos. Exemplos não faltam por aqui e pelo mundo...

Na verdade, o capital vê nisso um ousado e valioso trunfo para a sua dominação de classe: é uma ótima política para o capital poder contar com o prestígio de ex-líderes da classe trabalhadora para administrar seu Estado e sua política, sobretudo em contexto de crise. Certo “companheiros”? Daí o equívoco de intelectuais, organizações, sindicatos, movimentos sociais e partidos da dita esquerda quando, ao invés de organizarem e iniciarem junto à massa trabalhadora uma luta anticapitalista direta e autônoma, portanto, contra o velho Estado burguês, realizam uma proposta de ocupação de cargos com a falsa suposição de que tal política representa um “acúmulo de forças” para a classe.

A valorosa turma de ativistas e lutadores de diversas representações e os palestrantes que estiveram em mais esse sensacional Ciclo de Formação Política da ABMERJ concordaram plenamente que não podemos nos resignar e abandonar nossas convicções revolucionárias, parece que a esperança de unidade entre nós continua viva e pode avançar mais rápido que imaginávamos, é só colocarmos algumas velhas diferenças de lado, parece que estão dispostos a isso.


A crise conjuntural-institucional se aprofunda aceleradamente, os fatos estão aí, sabemos e não poderia deixar de dar nome ao boi, que a partir de 2002, com a chegada de Lula ao Planalto-Alvorada isso foi se confirmando e nos revoltando cada vez mais. Tais fatos sempre se encarregaram de desmentir esta política de cooptação e as forças e organizações de “vanguarda” que a realizam. Traidores e pelegos não tem vez entre os amigos e lutadores que participaram do 7º Ciclo de Formação Política da ABMERJ.
Como diria o saudoso Vito, Luta que segue, porra!


 



***



ABISMO ENTRE PODERES SE ESCANCARA APÓS GOLPE DE EDUARDO CUNHA

 

"CHAPA" BARBOSA-FROSSARD CRESCE COM CRISE MORAL-ECONÔMICA-INSTITUCIONAL. ELEITORADO ESTÁ DE "SACO CHEIO" DA POLÍTICA NACIONAL, OUTROS "SALVADORES DA PÁTRIA" AINDA PODEM SURGIR

 

ACABOU A FARSA DAQUELES QUE QUEREM ESPOLIAR A ABI NA MARRA. CONCEDIDA LIMINAR PARA SUSPENDER OUTRA ARBITRARIEDADE DO "PRESIDENTE"

 

REGISTRADA A CHAPA BARBOSA LIMA SOBRINHO. BASTA DE MENTIRAS E PERSEGUIÇÕES: ABI NAS LUTAS JÁ!

 

CONCEDIDA DECISÃO JUDICIAL PARA SUSPENDER ARBITRARIEDADE DO PRESIDENTE DA ABI


 

RESERVA MORAL DO BRASIL, ESPELHO DE VÁRIAS GERAÇÕES


 

BRUTAL VIOLAÇÃO AOS DIREITOS HUMANOS DA POPULAÇÃO CARENTE. FALSA CLÍNICA PRECISA DE INTERDIÇÃO URGENTE


 

ABI NAS LUTAS??? PEDIDO DE PROVIDÊNCIAS E ESCLARECIMENTO AO CONSELHO DELIBERATIVO, AOS DIRETORES E A PRESIDÊNCIA DA ABI. JORNALISTAS E O MASSACRADO POVO BRASILEIRO EXIGEM RESPOSTAS


 

IMPEACHMENT NÃO BASTA, TIRAR A “GERENTONA” É TROCAR SEIS POR MEIA DÚZIA... PRECISAMOS COMBATER A REAL CAUSA DOS PROBLEMAS


 

“HOMEM BOMBA” ESTÁ PRESTES A DETONAR POLÍTICOS E EMPREITEIROS, PLANALTO ESTÁ APAVORADO


 

COMISSÃO DE DIREITOS HUMANOS DA ABI DISCUTE CONDIÇÕES DE TRABALHO DE POLICIAIS MILITARES E BOMBEIROS DO RIO DE JANEIRO


 

LULA FOI OBRIGADO A DEPOR NA PF. SEM GRAÇA? CONVERSA RESERVADA ENTRE AÉCIO E PIMENTEL. JUSTIÇA JULGA HOJE PEDIDO DE HABES CORPUS PARA ATIVISTAS


 

“DIREITOS HUMANOS ONTEM E HOJE”


 

NOVO MANDATO NEM COMEÇOU, E O MAIOR FANTASMA SEGUE ATORMENTANDO DILMA E O “CHEFÃO” 

 


MAIS DE 300 POLÍTICOS SÃO CITADOS NA MAIOR AÇÃO POLICIAL DA HISTÓRIA REPUBLICANA. CONFLITO NA UCRÂNIA COMPLETOU UM ANO COM 4.317 MORTOS 9.921 FERIDOS


 

PETROLÃO DEIXA DILMA NUA: LAVA JATO CUMPRE MANDADOS DE PRISÃO. VEJA A LISTA DE EXECUTIVOS PRESOS PELA PF. CUNHADA DE VACCARI FOI LEVADA À FORÇA


 

A TRAJETÓRIA COERENTE DO PINÓQUIO-CARREIRISTA EDUARDO PAES


 

PIZZOLATO GUARDA SEU “SEGURO DE VIDA” EM UM COFRE BANCÁRIO


 

MEGAESCÂNDALO DO ‘PETROLÃO’ COLOCARÁ O PESCOÇO DE MUITAS AUTORIDADES DA REPÚBLICA A PRÊMIO


 

SEM AUDITORIA IMPRESSA, O ESPECTRO DA FRAUDE ELEITORAL RONDA AS “MODERNÍSSIMAS” ELEIÇÕES BRASILEIRAS


 

DILMA ESTÁ COM MEDO DO SEGUNDO MANDATO. RIOS MORTOS PELO APORTE DE ESGOTO NO RIO DE JANEIRO

 

BOICOTE ÀS ELEIÇÕES INDICA QUE O “TERCEIRO TURNO” SERÁ NAS RUAS!


 

QUE PERCA O PIOR, MAS QUEM PERDE MESMO É O BRASIL!


 

ONU CONTRARIA MOVIMENTOS SOCIAIS E RENOVA A MINUSTAH. REDES SOCIAIS PAUTAM PRESIDENCIÁVEIS NOS DEBATES. ARTHUR VIRGÍLIO RENASCE


 

OS PRÓXIMOS DEBATES DO SBT E GLOBO DEFINIRÃO QUEM SERÁ O PRÓXIMO INQUILINO DO ALVORADA. TIRIRICA ENTRA NA CAMPANHA DO DF


 

AS “DÍVIDAS DAS CAMPANHAS BILIONÁRIAS” DE DILMA E AÉCIO PERPETUAM A CAÓTICA E INJUSTA “DEMOCRÁTICA REPÚBLICA DOS BANQUEIROS”



ATÉ AMANHÃ, SENHOR... PIMENTEL 2018


 

A GESTÃO PETISTA SE AUTODESTRUIU. O VOTO “ÚTIL” SERÁ DESPEJADO EM AÉCIO, PARA REALIZAR UM GOVERNO INÚTIL

 

Carta de rechaço à renovação do mandato da MINUSTAH no Haiti, América latina e Caribe


 


‘LIBERDADE DE EMPRESA’ IMPRIME ‘PENSAMENTO ÚNICO’ E MANTÉM SOCIEDADE REFÉM DE GRUPOS ECONÔMICOS, CORPORAÇÕES DE MÍDIA E GOVERNOS. CONHEÇA 5 TEMAS ‘CENSURADOS’ NA IMPRENSA DOS EUA

 


BASTA DE GUERRA AOS POBRES! POR OUTRO MODELO ECONÔMICO! PELO FIM DA DITADURA DO CAPITAL E DO PENSAMENTO ÚNICO! DEMOCRACIA REAL, JÁ!


 

OS PRÓXIMOS 4 ANOS SERÃO DE PURA DESESPERANÇA PARA O ELEITOR E INFERNAL PARA O ELEITO. FAMÍLIA CAMPOS EM CAMPANHA COM MARINA. BARBOSA E A PROVA DA OAB


 

GOOGLE É DESAFETO DE DILMA E MARINA. “CONTRIBUINTE” É NA VERDADE OTÁRIO OU IMPOSTOR


 

MORRE O PLANO “B” DO PT, O “POSTE” DILMA PODE CAIR JÁ NO PRIMEIRO TURNO


 

COPA E OLIMPÍADAS: ORGIA COM DINHEIRO PÚBLICO


 

CENÁRIO PÓS-EDUARDO CAMPOS FICA AINDA MAIS IMPREVISÍVEL


 

A CRIMINOSA CONCENTRAÇÃO E FINANCEIRIZAÇÃO DA ECONOMIA NA “REPÚBLICA DOS BANQUEIROS”. “FACTOIDE POLÍTICO” COM TANTAS EVIDÊNCIAS?


 

ESTRATÉGIAS PARA CONTROLE DA POPULAÇÃO ATRAVÉS DO PODER DA MÍDIA HEGEMÔNICA


 

ARGENTINA, BRASIL, URUGUAI E VENEZUELA CONDENAM MASSACRE À GAZA. COMUNISTAS DE ISRAEL SE MANIFESTAM CONTRA O GENOCÍDIO SIONISTA DO CARNICEIRO MALDITO


 

TIMECO PETISTA PERDEU A PRESIDÊNCIA DO BANCO DOS BRICS. “NETINHO-PLAYBOYZINHO” AÉCIO CRESCE PELA INCOMPETÊNCIA DOS POSTES


O CARNICEIRO ZUÑIGA PRECISA SER BANIDO DO FUTEBOL. MANIFESTAÇÕES E PROTESTOS NÃO SE CALAM, MESMO COM 200 MIL MILITARES ENVOLVIDOS NA “SEGURANÇA” DA COPA


 

DITADURA DO CAPITAL GARANTIDA ATRAVÉS DO “BACANAL” DA GOVERNABILIDADE



 

“O DIA EM QUE A ORDEM DA PM ERA ATIRAR E BATER”. A GROTESCA EXPERIÊNCIA POLÍTICA-ADMINISTRATIVA-ECONÔMICA DA “REPÚBLICA DOS BANQUEIROS” FAZ A MISÉRIA ABSOLUTA E A RIQUEZA TOTAL CONVIVEREM DESCARADAMENTE



 

GOL CONTRA NA ABERTURA DA COPA NO BRASIL: DILMA E BLATTER XINGADOS, NEYMAR E OSCAR APLAUDIDOS. VIOLÊNCIA, ZUEIRA E REPRESSÃO NAS RUAS

 



“SINUCA DE BICO”: “AEZÃO” OFICIALIZADO. “PIBINHO”, ENDIVIDAMENTO GENERALIZADO E JUROS ALTÍSSIMOS QUE LEMBRAM OS TEMPOS DE FHC. O PT ACABOU!

 

 

A “COPA DAS COPAS” DEIXARÁ UM LEGADO DE PROMESSAS NÃO CUMPRIDAS, E SE TRANSFORMARÁ NA “COPA DO CAOS”



 

GLOBO MANDA NO CONGRESSO E NO GOVERNO DILMA? COPA DO MUNDO LEVA LUCROS DOS BARÕES DA MÍDIA À IONOSFERA, MAS AVAREZA COM OS JORNALISTAS PERSISTE

 

 

NA “REPÚBLICA DOS BANQUEIROS”, EMPREITEIRAS FINANCIAM PARTIDOS HEGEMÔNICOS. BABAQUICE CARIMBADA E AS INJUSTIÇAS DA COPA NO BRASIL

 

JUSTIÇA TRABALHISTA DO BRASIL - O FENÔMENO SOCIAL AGONIZA

 

CASTELO DO PT VAI DESABAR POR IMPLOSÃO. VITÓRIA DOS CREDORES DE EIKE BATISTA

 

O REPÓRTER COMBATENTE COM INFORMAÇÃO E OPINIÃO CONCEDE ENTREVISTA AO OBSERVATÓRIO DA IMPRENSA. MILITARES PERSEGUIDOS PELOS MILITARES NA ABI. UPPS: MAPEAMENTO DE VIOLAÇÕES

 

PT-LULA REAFIRMA: “UM, DOIS, TRÊS. É DILMA OUTRA VEZ”. O DESGASTE FATAL DO FENÔMENO INFLACIONÁRIO E AS VÁRIAS DENÚNCIAS CABELUDAS DE CORRUPÇÃO FORÇAM OUTRA RIMA: “UM, DOIS, TRÊS. É DILMA NO XADREZ




CHINA: A MAIOR POTÊNCIA ECONÔMICA DO PLANETA EM 2014. DESDE 1872 A LIDERANÇA É DOS EUA. ÍNDIA AGORA É A 3ª. BM&F E EIKE NA MIRA DO MPF. 1º DE MAIO É DIA DE COMBATE EM TODO O MUNDO! PLENÁRIA DE PREPARAÇÃO PARA OS ATOS COPA NA RUA, DIA 7 NO IFCS/UFRJ



CAMPANHA FINANCEIRA LUCRA COM O RACISMO. FAVELAS PROMOVEM COPA POPULAR CONTRA AS REMOÇÕES. MÃE DE DG FOI AMEAÇADA DE MORTE. IDOSA COMEMORAVA 72 ANOS E FOI MORTA. COM A PALAVRA O SECRETÁRIO BELTRAME!

 

 

 

TSUNAMI DOS DOSSIÊS SERÁ UM ABATEDOURO DE POLÍTICOS. PATRIMÔNIO BILIONÁRIO NA MIRA DA PF. GLOBO É RECHAÇADA NAS RUAS DO RIO. “ROLEZINHO” NO EDISE

 

 

CPI DA PETROBRAS VAI EXPOR A HUMILHANTE RUSGA ENTRE A “GERENTONA” E O AFILHADO DE LULA, QUE PODE SER FATAL PARA O PROJETO REELEITORAL. A CRÔNICA DE UMA MORTE ANUNCIADA

 

A ‘DEMOCRACIA’ NA ‘ECONOMIA DE MERCADO’. PASSADO O FERIADÃO, DEVE SAIR O PEDIDO DE PRISÃO PARA O BILIONÁRIO EIKE BATISTA. DEVASSA NOS NEGÓCIOS JUNTO A PETROBRAS ATINGIRÁ POSTE E LULA




‘LIBERDADE DE EMPRESA’ IMPRIME ‘PENSAMENTO ÚNICO’ E MANTÉM SOCIEDADE REFÉM DE CORPORAÇÕES DE MÍDIA, GOVERNOS E GRUPOS ECONÔMICOS. CONHEÇA 5 TEMAS ‘CENSURADOS’ NA IMPRENSA DOS EUA

 


“OPOSIÇÃO” E SITUAÇÃO (PSDB-PT), UNIDOS NA DESGOVERNANÇA E NO ENTREGUISMO DA PETROBRAS. EM ANO REELEITOREIRO, CPI (AMPLA OU NÃO) PODE FAZER A CRIATURA (OU POSTE) SE VOLTAR CONTRA O CRIADOR

 

 “A COPA É DE TODOS OS POVOS (?)”. A PRAÇA É DO POVO? SP E RJ JUNTOS NO 5º ATO “NÃO VAI TER COPA!”. APÓS BRUTAL E DESUMANO DESPEJO, “OCUPA TELERJ” RESISTE NA PORTA DA PREFEITURA. CIDADE MARAVILHOSA PRA QUEM?

 

MUITAS “CAIXAS PRETAS” PRECISAM SER ABERTAS. GOVERNABILIDADE E “GERENTONA” EM XEQUE. “NEGOCIÃO” MINEIRO. O VENENO ESTÁ NA MESA 2, ESTRÉIA NO RIO 

  

ESTADO AUTORITÁRIO DE DIREITO PROMOVE DESPEJO NA FAVELA DA TELERJ: “A RUA AGORA É A NOSSA ÚNICA CASA”. NÃO VAI TER COPA! FALTAM 60 DIAS


POSTE PRESIDENCIAL ESTÁ RUINDO, “PASSADILMA” PODE SER O FIM DA “GERENTONA”. 25 MIL TRABALHADORES DAS MEGAOBRAS DO RIO DE JANEIRO SEGUEM EM GREVE

 

A DEFENSORIA PRECISA SER AUTÔNOMA E PARTICIPATIVA. A FAVELA É A PRAÇA, A PRAÇA É O COMUM E O COMUM É A DEMOCRACIA! FIOCRUZ DESMENTE SIDERÚRGICA TKCSA. LULA E A ENTREVISTA EXCLUSIVA PARA BLOGUEIROS AMESTRADOS, AMIGOS E ALIADOS

 

CRIANÇAS PODEM FICAR LIVRES DO MONSTRO-PUBLICITÁRIO DA DOUTRINAÇÃO CONSUMISTA. A FAVELA DESAPARECEU DEFINITIVAMENTE DO MAPA A PEDIDO DA PREFEITURA DO RIO. EM ANO REELEITORAL E DE COPA, BOLA DE CRISTAL PRA QUE?





AS VÉSPERAS DA REELEIÇÃO SÃO MUITAS AS EVIDÊNCIAS, PROCURADOR-GERAL TEM O DEVER DE PROCESSAR A PRESIDENTE DA REPÚBLICA. SE O STF ACEITAR A AÇÃO, IMPEACHMENT É AUTOMÁTICO



ORDEM DA “GERENTONA” E DO CHEFÃO É MATAR A CPI NO NASCEDOURO. “S.O.S. POLÍCIA FEDERAL”. OVO DA DITADURA NOS DEVE MUITAS EXPLICAÇÕES



MALUF, MICHEL TEMER E JOSÉ MARIA MARIN: TESTEMUNHAS DE DEFESA DO CORONEL-TORTURADOR. COLABORADOR DO BLOG RELATA AGRESSÃO DA PMRJ NO ATO CONTRA A COMEMORAÇÃO DO GOLPE DE 64. FREI TITO É HOMENAGEADO


CASTELO BRANCO, COSTA E SILVA, MÉDICI, GEISEL, FIGUEIREDO... E A GUERRILHEIRA “GERENTONA” ESTÃO NO LIXO DA HISTÓRIA. CORONEL-TORTURADOR É ESCRACHADO NA PORTA DE CASA 

SEGUE A GUERRA AOS POBRES NA OCUPAÇÃO DA MARÉ. O LEGADO DA COPA DO MUNDO: LUCROS EXORBITANTES PARA A FIFA, ACIRRAMENTO DAS DESIGUALDADES E VIOLAÇÕES DE DIREITOS NOS PAÍSES-SEDE

INTENÇÕES DE VOTOS E AVALIAÇÃO DOS GOVERNOS NO RIO DE JANEIRO DEIXAM CABRAL E PAES APAVORADOS. A VOLTA “POR CIMA” DE BERZOINI. MENSALÃO DO PSDB AGORA SERÁ MINEIRO MESMO 

JUÍZES QUEREM DIRETAS, JÁ! PAES E DEFENSORIA PÚBLICA MENTEM SOBRE DEMOLIÇÕES DE CASAS. ENGENHÃO TEM PREJUÍZO DE R$ 25 MILHÕES. OPERAÇÃO LAVA JATO


MARCO CIVIL DA INTERNET É APROVADO NA CÂMARA, SÓ FALTA O SENADO. "LIBERDADE DE EXPRESSÃO É INTERNET PRO POVÃO!". NOVO CONSELHO DELIBERATIVO DA ABI APROVA ELEIÇÃO DA DIRETORIA PARA 30 DE MAIO




A ORDEM NO PLANALTO É COLOCAR A “BARBA DE MOLHO”. STF DETERMINA QUE PAES SEJA JULGADO POR IMPROBIDADE SEM FORO PRIVILEGIADO


"MURCHA DA FAMÍLIA DEUS PELA LIBERDADE", FIASCO TOTAL. PAES MENTE E CRIA TUMULTO NA VILA AUTÓDROMO. CRIADA A MEDALHA POPULAR MANOEL CONGO


REPUTAÇÃO NA LATRINA. CORRUPÇÃO BILIONÁRIA FERIU A “GERENTONA”? FAÇAM SUAS APOSTAS: ATÉ A REELEIÇÃO, QUANTOS ESCÂNDALOS AINDA VÃO BROTAR? SÓ QUEREMOS O PRÊMIO DA DIGNIDADE SOCIAL



CAIU A MÁSCARA DA “GERENTONA” DO BRASIL. PREJUÍZO FINAL COM A NEGOCIATA DA REFINARIA DE PASADENA: US$ 1 BILHÃO 180 MILHÕES. AS FAVELAS PRECISAM É DE “UPP-UNIDADE DE POLÍTICAS PÚBLICAS”, NÃO DE GUERRA AOS POBRES



PREFEITURA INICIA DEMOLIÇÕES NA VILA AUTÓDROMO SEM INFORMAR MORADORES. PROJETO PARA REGULAMENTAR A MACONHA É PROTOCOLADO NO CONGRESSO. POLICIAIS QUE ARRASTARAM CLAUDIA RESPONDERAM POR HOMICÍDIO. PROTESTO E CONFUSÃO NO COMPERJ


APARELHAMENTO DO STF, DESADMINISTRAÇÃO, INCOMPETÊNCIA E CORRUPÇÃO SISTÊMICA PODEM LIQUIDAR O “JÁ GANHOU REELEITORAL” DE DONA DILMA, LULA, POSTES E AGREGADOS. PELAS RUAS CONQUISTAREMOS DIGNIDADE, LIBERDADE, SOBERANIA, UMA NAÇÃO. “BELEZA PODRE”. REJEITARAM A MEDALHA MANOEL CONGO



CHEGOU A HORA DO MENSALÃO TUCANO. BARÃO DA MÍDIA GLOBAL ESTÁ NEGOCIANDO O CONTROLE DA REDE RECORD COM O BISPO. PETISTAS PEDEM APOIO À “REPÚBLICA DOS BANQUEIROS”, QUEREM O ESTADÃO



O “PRESENTINHO” DO TIO SAM (OBAMA) PARA DONA DILMA ROUSSEFF. UM ANO DE PONTIFICADO DO PAPA FRANCISCO, “SOU UM PECADOR VISTO PELOS OLHOS DE DEUS”


BAND NEGA IRREGULARIDADES TRABALHISTAS, MAS ADMITE REVER POLÍTICA DE SEGURANÇA PARA OS JORNALISTAS. VÂNDALOS? HOUAISS INFORMA QUEM COMEÇOU A BADERNA. A TARTARUGA NO POSTE


MACONHA URUGUAIA SERÁ CLONADA E CULTIVADA EM TERRENOS DAS FORÇAS ARMADAS. OS CONSELHOS DA DIPLOMACIA AOS TURISTAS QUE VÊM AO BRASIL PARA A COPA. ROMÁRIO SOLTA O VERBO. JUSTIÇA MANTÉM CPI DOS ÔNIBUS SUSPENSA. ALDEIA INCENDIADA



MARCO CIVIL DA INTERNET ESTÁ FORA DA PAUTA. CONVOCADOS OU CONVIDADOS, MINISTROS E GRAÇA FOSTER DEVEM ESCLARECIMENTOS. DILMA PODERÁ SER RESPONSABILIZADA JUDICIALMENTE. MÍDIA DEMOCRÁTICA NA ABI



COM 267 VOTOS “BLOCÃO” CONQUISTA COMISSÃO PARA INVESTIGAR A PETROBRAS. “REPÚBLICA DOS BANQUEIROS” FORÇA PRIVATARIA GRADUAL, QUER A PETROLÍFERA SE ENDIVIDANDO PARA FACILITAR VENDA DAS AÇÕES NO FUTURO




LULA VAI CONVERSAR COM O PREMIER ITALIANO SOBRE A EXTRADIÇÃO DE PIZZOLATO? O DESCARRILAMENTO DO RIO E SUAS PENDÊNCIAS. DITADOR FOI “ELEITO” COM 100% DOS VOTOS


VITÓRIA DOS GARIS E DERROTA DA MANIPULAÇÃO MIDIÁTICA! PRESSÃO E APOIO POPULAR FORÇOU A PREFEITURA A CONCEDER AUMENTO DE 37% NO SALÁRIO-BASE DA CATEGORIA. REUNIÃO CARNAVALESCA-REELEITORAL NO ALVORADA


300? AGORA SÃO MILHARES! PRESSÃO POPULAR FORÇOU RECONHECIMENTO FORMAL DAS REIVINDICAÇÕES DOS GARIS. O SUPREMO E A VERGONHA DOS PRECATÓRIOS. A GENEROSA PETROBRAS



SORRISO ADERIU. QUANTO CUSTA RADICALIZAR E DRIBLAR A GREVE? LUGAR DE LIXO É NO LIXO. “ALIADOS” EM FUGA. PROPOSTAS PARA O MAIOR ESPETÁCULO DA TERRA. DOMINGO TEM BLOCATO – COPA QUE PARIU!


GREVE É DIREITO CONSTITUCIONAL, MAS “ESTADO AUTORITÁRIO DE DIREITO” AVANÇA! RECURSOS “INVESTIDOS” DEVEM ESCONDER FORMA REFINADA DE MENSALÃO. PIZZOLATO VOLTARÁ? MISSA E FOGUETÓRIO PELO GOLPE DE 64



USANDO DINHEIRO PÚBLICO, PAES FAVORECE GLOBO COM ESTÚDIO DE TV. RELAÇÕES DE CABRALZINHO E A EMPREITEIRA CAMARGO CORRÊA SERÃO ALVO DE INVESTIGAÇÕES. O DESABAFO DE BARBOSA NO PÓS-SALVAÇÃO DOS MENSALEIROS. BLOCOS QUE FECHARAM COM #OCUPACARNAVAL





VEM AÍ O BLOCO “PROVIDENCIAL” DA MOEDA DE TROCA, COM A CPI DA PETROBRAS. VELÓDROMO DE 2016 CUSTARÁ 10X MAIS QUE O DO PAN-AMERICANO. GREVE DOS GARIS E BLOCO “PULA ROLETA”



ESQUEMA DOS PARTIDOS HEGEMÔNICOS É ILEGÍTIMO. INTERPRETAÇÃO SOBRE O QUE É FORMAÇÃO DE QUADRILHA BENEFICIOU CORRUPÇÃO. “CABRALHADA”, PROTESTO NO SAMBA



MADURO É APOIADO PELA “MÃO DE DEUS”, QUE ASSINOU COM A TELESUR. SEM SACANAGEM: ADIDAS CANCELA VENDA DE CAMISAS MACHISTAS DA COPA. PSOL RECUSA CONVITES PARA O SAMBÓDROMO, 2014 AINDA NÃO COMEÇOU PARA OS VEREADORES DO RIO

ACIONISTAS DA PETROBRAS PRECISAM SE RESIGNAR. NADA SERÁ COMO ANTES. RECEITA PARA UM GOLPE DE ESTADO CONTRA GOVERNO POPULAR ELEITO



AGORA TODOS SÃO BLACK BLOCS NO ESTADO AUTORITÁRIO DE DIREITO. EM ANO REELEITORAL E DE COPA, MANIFESTANTES E JORNALISTAS PRESOS TORNOU-SE LUGAR COMUM NA “REPÚBLICA DOS BANQUEIROS”.

NO ESTILO SS, GUERRILHA ELEITOREIRA CIBERNÉTICA JÁ TEM COMANDANTE ESCOLHIDO. ALUNOS DA GAMA FILHO E UNIVERCIDADE IRÃO PARA OUTRAS INSTITUIÇÕES




GENERAL EXALTA O “DIREITO” DE CELEBRAREM OS 50 ANOS DO GOLPE DE 1º DE ABRIL DE 64. A “REPÚBLICA DOS BANQUEIROS” COMEMORA PUBLICAMENTE. TRÍPLICE ALIANÇA GOVERNO-FIFA-GLOBO CONTRA VOCÊ!



FOI O ATO PELA INTERVENÇÃO CONTRA O AUMENTO DAS PASSAGENS E A CRIMINALIZAÇÃO DOS MOVIMENTOS SOCIAIS. LEI ANTITERROR: “REPUDIAMOS ESSA AFRONTA AUTORITÁRIA”




OS ATAQUES QUÍMICOS QUE OS EUA NÃO COMENTAM. A JOGADA DE ROMÁRIO. CADÊ AS VIGAS DA PERIMETRAL?


PREJUÍZO DA ELETROBRAS COM TÉRMICAS PODE ESCONDER MENSALÃO. ESPECIALISTA AFIRMA QUE MUDANÇAS NO TRÂNSITO DO CENTRO SÃO AMADORAS. “OCUPA CARNAVAL” NO RIO





A TRAJETÓRIA COERENTE DO PINÓQUIO-CARREIRISTA EDUARDO PAES. BARBOSA ESTÁ FORA DO JOGO. FOTÓGRAFO AMEAÇADO DE MORTE. CAETANO RESPONDE O GLOBO



  
“CPI” SERÁ FERRAMENTA ELEITORAL NO RIO. EXTRADIÇÃO DE PIZZOLATO E DEVASSA FINANCEIRA CONTINUAM ASSOMBRANDO DONA DILMA. SÓ DEUS MUDA A “REPÚBLICA DOS BANQUEIROS”?

EM ANO REELEITORAL FHC QUER RESSUSCITAR E VIR AO SENADO, E O VIVÍSSIMO LULA PRECISA CONCORRER EM BUSCA DA IMUNIDADE. 6º ATO NAS RUAS DO RIO. MANIFESTANTES PAGOS? TERRORISMO MIDIÁTICO!


A FICHA COMEÇA A CAIR: O JORNALISTA QUE ESTÁ NAS RUAS NÃO É NENHUM BARÃO DA MÍDIA. LULA SEM MUSEU. POSTE EVOCA COVAS


GRUPO BANDEIRANTES QUER “TIRAR O SEU DA RETA”. MIDIATIVISTAS USAM CAPACETE, COLETE A PROVA DE BALAS E MÁSCARA DE GÁS MILITAR. FÁBRICA DE MENTIRAS. O ESTADO AINDA DEVE MUITAS RESPOSTAS!


ECONOMIA TEM LEGIÃO DE ESPECTROS. O FANTASMA DA BOLHA IMOBILIÁRIA RONDA A “REPÚBLICA” DOS BANQUEIROS


PIZZOLATO GUARDA SEU “SEGURO DE VIDA” EM UM COFRE BANCÁRIO. NO RIO, 3º PULA CATRACA PELO PASSE LIVRE.


OUTRO ESPECTRO RONDA O BRASIL: APAGÃO ATINGIU MAIS DE 3 MILHÕES DE PESSOAS EM 11 ESTADOS. JUSTIÇA DECLARA MORTE PRESUMIDA DE AMARILDO E MULTA SUPERVIA


BRASIL TEM PROBLEMAS ESTRUTURAIS, SE NÃO CHOVER FORTE NOS PRÓXIMOS 20 DIAS, VIRÃO OS APAGÕES E O CENÁRIO DE RACIONAMENTO. PM LANÇA LIVRO E É EXPULSO. CABRA MARCADO


SEM AUDITORIA IMPRESSA, O ESPECTRO DA FRAUDE ELEITORAL RONDA AS “MODERNÍSSIMAS” ELEIÇÕES BRASILEIRAShttp://tribunadaimprensaonline.blogspot.com.br/2014/01/sem-auditoria-impressa-o-espectro-da.html


PT JÁ DISPÕE DE US$ 2 BI PARA A REELEIÇÃO. QUEM QUER BACALHAU?http://tribunadaimprensaonline.blogspot.com.br/2014/01/pt-ja-dispoe-de-us-2-bi-para-reeleicao.html


SOLIDARIEDADE DAS COMUNIDADES ÀS MARGENS DA LINHA AMARELA. POPULAÇÃO SE JUNTOU AO “PULÃO” DAS ROLETAS. PIADA DE BRASILEIRO EM PORTUGAL E PEZÃO DO TRE


ORLA CARIOCA FOI PALCO DE OUTRO ROLEZINHO CONTRA A COPA DO MUNDO. ATOS OCORRERAM POR TODO BRASIL

http://tribunadaimprensaonline.blogspot.com.br/2014/01/orla-carioca-foi-palco-de-outro.html

PUBLICADAS REGRAS PARA TRANSFERIR ALUNOS DA GAMA FILHO E UNIVERCIDADE. GUARDA MUNICIPAL E CAMELÔS, PERSEGUISÃO DIÁRIA. LIGHT REVOLTA CONSUMIDORES.

http://tribunadaimprensaonline.blogspot.com.br/2014/01/publicadas-regras-para-transferir.html


REBELAR-SE, CABRAL DESONERA EM 50% O IPVA DAS EMPRESAS DE ÔNIBUS. RIVALDO CRITICA COPA NO BRASIL. DESABAFO, O GENODÍZIMO E A CARONA NO JATINHO 

http://tribunadaimprensaonline.blogspot.com.br/2014/01/rebelar-se-cabral-desonera-em-50-o-ipva.html

TRANSAÇÕES ENTRE PETROBRAS, WHITE MARTINS E EMPRESAS DO MESMO GRUPO SERÃO INVESTIGADAS PELO CADEhttp://tribunadaimprensaonline.blogspot.com.br/2014/01/transacoes-entre-petrobras-white_22.html


QUEM DE FATO GOVERNA OU DESGOVERNA O RIO DE JANEIRO? MICHEL TEMER PRESIDIRÁ (?) O BRASIL!


O "FOGO AMIGO" VAI SE INTENSIFICAR E COMER SOLTO NA VÉSPERA REELEITORAL

http://tribunadaimprensaonline.blogspot.com.br/2014/01/o-fogo-amigo-vai-se-intensificar-e.html

O BRASIL PRECISA REGULAMENTAR E LEGALIZAR AS DROGAR ILÍCITAS. MAS PRIMEIRO VAMOS AO DEBATE QUE NOS É NEGADO PELA MÍDIA HEGEMÔNICA

http://tribunadaimprensaonline.blogspot.com.br/2014/01/o-brasil-precisa-regulamentar-e.html

DESESPERANÇA ELEITORAL, NÃO HÁ INDÍCIOS DE QUE O BRASIL VAI MUDAR PARA MELHOR ATÉ 2018http://tribunadaimprensaonline.blogspot.com.br/2014/01/desesperanca-eleitoral-nao-ha-indicios_6156.html


JUSTIÇA FEDERAL BARRA AÇÕES DE REVISÃO DA ANISTIA. TENTATIVAS DO MP DE LEVAR A JULGAMENTO ENVOLVIDOS COM CRIMES NA DITADURA NÃO ENCONTRAM RESPALDO ENTRE JUÍZEShttp://tribunadaimprensaonline.blogspot.com.br/2014/01/justica-federal-barra-acoes-de-revisao.html


ESTRATÉGIAS PARA CONTROLE DA POPULAÇÃO ATRAVÉS DO PODER DA MÍDIA HEGEMÔNICAhttp://tribunadaimprensaonline.blogspot.com.br/2014/01/estrategias-para-controle-da-populacao.html

DESTEMIDO E INCANSÁVEL CATEDRÁTICO DO JORNALISMO BRASILEIRO, PARABÉNS!http://tribunadaimprensaonline.blogspot.com.br/2014/01/destemido-e-incansavel-catedratico-do.html


DISCURSO AUTORITÁRIO, CLICHÊS E SENSACIONALISMO, ASSIM É FEITO “JORNALISMO POLICIAL” NO BRASILhttp://tribunadaimprensaonline.blogspot.com.br/2014/01/discurso-autoritario-cliches-e.html


ESTADO E MARACANÃ S.A. OFICIALIZAM MUDANÇAS NO CONTRATO. CONCESSIONÁRIA VAI RECEBER PARA REFORMAR EQUIPAMENTOS QUE ELA MESMO DESTRUIU

http://tribunadaimprensaonline.blogspot.com.br/2014/01/estado-e-maracana-sa-oficializam.html

USAM O SUCATEAMENTO DO TRANSPORTE PÚBLICO COMO PRETEXTO E AMEAÇA. VÊM AÍ MAIS AUMENTOS E MANIFESTAÇÕES


PREFEITO INELEGÍVEL CONTRATOU SEGURANÇA PRIVADA POR R$ 2,1 MILHÕES

http://tribunadaimprensaonline.blogspot.com.br/2014/01/o-prefeito-inelegivel-contratou.html


2014, SERÁ REBELDE E DE LUTA
http://tribunadaimprensaonline.blogspot.com.br/2013/12/2014-sera-rebelde-e-de-luta.html

O JORNALISMO DE MERCADO NÃO TEM COMPROMISSO COM A SOCIEDADE

É NATAL: A CELEBRAÇÃO DO CONSUMO!

http://tribunadaimprensaonline.blogspot.com.br/2013/12/brasil-nao-vai-conceder-asilo-snowden.html






http://tribunadaimprensaonline.blogspot.com.br/2013/12/3-seminario-livre-pela-democratizacao_2149.html