20.2.16

NOTÍCIAS EM ANÁLISE: O PAPA NÃO SE REBAIXA AOS CAFAJESTES. UM ENGÔDO CHAMADO R7. O QUE PENSA FHC. O QUE PENSA O PRÊMIO NOBEL DA PAZ. ALCKMIN ROMPE COM A FÉ

MIRSON MURAD - atualizado ás 14h32 -

O Papa Francisco, conforme nota do Vaticano, não referiu-se, com suas mensagens, ao Donald Trump.

É lógico que não! O Papa Francisco tem coisas importantes para cuidar e não perderia tempo com um cafajeste como Donald Trump.

A propósito, se esse amontoado de fezes, que sonha em conquistar a cadeira a presidência dos States, conquistar seu sonho, ficará provado - insofismavelmente - que o povo das Terras de Tio Sam não têm competência moral e intelectual para ser eleitor, principalmente na mais poderosa nação do planeta.

UM ENGÔDO CHAMADO R7

Quem se dá ao trabalho de abrir as notícias do R 7, atraídos por títulos mirabolantes, vai descobrir que foi enganado. São notícias fabricadas ou, simplesmente, não há nada para ler.


O ex-presidente FHC, Fernando Henrique Cardoso, pensa que o povo é idiota bastante para acreditar que ele deu um apartamento no valor de 200 mil euros para o filho de sua ex-amante apenas por bondade. Que ele, FHC, não é pai da criança.

Que ele não fez remessas de uma dinheirama para o exterior utilizando-se de um "repassador", por baixo do pano. Que tudo o que ele enviou para fora foi através de suas contas bancárias e era dinheiro seu. Fruto de seu trabalho...

É fácil, FHC. Diga o nome do Banco, de sua agência, a data da remessa e limpará sua barra.

Ha!, Ha!, Ha!... me engana que eu gosto!

O QUE PENSA O PRÊMIO NOBEL DA PAZ

O prêmio Nobel da Paz, Kailash Satyarthi (indiano), rasga elogios ao governo Lula por ter tirado milhões da miséria com o decreto da Bolsa Família e por levado o Brasil a um patamar alto onde "dezenas de países o estão copiando". (O grifo é nosso).

Contudo, uma corja de babacas, se envolve com as calúnias da extrema direita que quer sucatear a Petrobrás e embarca na crítica ao Bolsa Família.

ALCKMIN ROMPE, DEFINITIVAMENTE, COM A FÉ

O governador de S.Paulo, Geraldo Alckmin, chegou ao extremo de indignação com São Pedro. Com toda a razão, Alckmin não aceita que tanta chuva caia sobre o Sistema Cantareira, reabastecendo seus reservatórios.

Geraldo Alckmin tem o voto da população - masoquista - paulista exatamente por nada fazer para resolver a seca nas torneiras de suas casas. O governador deverá romper, definitivamente, com a fé.

São Pedro veio colocar água no chope do governador, potencial candidato à Presidência da República no próximo. pleito, pelo PSDB. Evidentemente se Zé Pinóquio Serra e Aécio Aeroportos Neves desistirem de concorrer.