16.6.16

Comerciários de São Paulo recebem comissão italiana na Ponte Brasilitália

Via SINDICATO DOS COMERCIÁRIOS-SP -

No dia 13 de junho, a diretoria do Sindicato dos Comerciários de São Paulo recebeu, no Espaço dos Sonhos – sede da Associação Ponte Brasilitália, os italianos da UIL, sindicato de aposentados da Itália que mantém a associação junto com os comerciários de São Paulo.

O encontro teve como objetivo viabilizar a ampliação de serviços e projetos que possibilitem o atendimento de mais crianças e famílias da comunidade do Rio Pequeno.


“O Espaço dos Sonhos está dentro de uma comunidade carente, muito bem organizada e estruturada. Aqui, as pessoas se sentem em casa, graças aos nossos companheiros italianos que têm nos ajudado a manter essa estrutura. Mas queremos ir além e, por isso, buscaremos mais parcerias e apoio do Estado e de empresas”, disse Ricardo Patah (foto acima), presidente do Sindicato dos Comerciários de São Paulo.

“Para nós, é uma honra esse encontro, porque nos dá a chance de conquistar mais benfeitorias para as famílias carentes dessa comunidade”, falou Antonio Carlos Duarte, diretor do Sindicato e responsável pela Ponte Brasilitália.

Acompanhado da comissão italiana, o cônsul da Itália, Michelê Pala, disse acreditar na possibilidade de novas parcerias com outros órgãos italianos no Brasil: “O fato de conhecer uma realidade como esta é importante, porque podemos sensibilizar outras organizações italianas a participarem. Além dos recursos materiais, este projeto precisa do voluntariado, porque o que fundamenta esta estrutura é o trabalho de pessoas que doam seu próprio tempo. Sem isso, nada existiria. Eu mesmo não conhecia o projeto, mas agora vamos divulgar a realidade entre outros italianos de São Paulo e fazer com que mais pessoas possam dar um suporte”, disse o cônsul italiano que foi homenageado com brindes feitos pelas crianças da Ponte Brasilitalia.


Na ocasião, o Secretário de Estado e Desenvolvimento Social de São Paulo, Floriano Pesaro, sinalizou a possibilidade de um apoio social do Estado no futuro. “Reconheço a grandeza do trabalho prestado neste local para crianças e adolescentes, que são nosso maior patrimônio. Quero deixar aqui o comprometimento do governo do Estado em ajudar na regularização deste empreendimento social e no cofinanciamento desse trabalho junto à Prefeitura. Ainda há um processo que precisa ser trabalhado para se pensar em uma fonte de recursos públicos, mas uma atenção especial do governo para a região é possível, como urbanizar a comunidade, oferecer regularização fundiária e trazer equipamentos sociais ao local.”

Também estiveram presentes o presidente da UIL, Romano Belíssima; o presidente da UNI, Plinio Sarti; e o deputado italiano, Fabio Porta.

As autoridades brasileiras e italianas foram recepcionadas com apresentação das crianças assistidas pela Ponte Brasilitália, que dançaram e cantaram o Hino do Brasil e da Itália.