5.7.16

PANCADÃO NA ALERJ – ESTUDANTES TENTAM OCUPAR MAS SÃO RECEBIDOS POR SEGURANÇAS COM BARRAS DE FERRO E JATOS DE ÁGUA [VÍDEO]

ROGER MCNAUGHT -


Na tarde desta segunda-feira, dia 4 de julho, estudantes inconformados com o descaso e os continuados ataques à educação pública tentaram adentrar a assembleia legislativa no intuito de ocupá-la porém não contavam com a truculência da segurança da ALERJ.

Já na porta, um dos seguranças agrediu uma menina e após isso o que se viu foi um completo show de horrores.  Barras de ferro sendo utilizadas pelos seguranças por entre as grades para ferir estudantes que exigiam a imediata soltura de uma estudante que havia sido levada para o interior da ALERJ e muito gás de pimenta.

Após a soltura da estudante, começaram os jatos de água, inibindo a ação da imprensa e seus equipamentos de imagens.   Eis que então, no auge de sua irreverência, estudantes começaram a dançar por entre os jatos de água, num claro recado de que nada os intimidaria.

O que ninguém esperava era o fato de estar havendo um velório dentro da ALERJ, o que apenas tumultuou mais a situação, e por se tratar o defunto de uma parente de um político não muito querido pelos estudantes, houve gritos de “Não vai ter velório!”.

Após algum tempo de manifestação, já na dispersão, policiais militares fortemente armados iniciaram uma interceptação dos estudantes que se retiravam do local, de forma não apenas vexatória como também desproporcional.   No início da noite, uma estudante se sentiu mal devido ao excesso de gás na porta da ALERJ, sendo atendida no hospital mais próximo, sendo rapidamente medicada e liberada.

NÃO TEM ARREGO!